História Destino - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lay, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, V, Xiumin
Tags Bangtan Boys, Exo, Jimin
Exibições 21
Palavras 1.415
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Fluffy, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - Taehyung


Fanfic / Fanfiction Destino - Capítulo 16 - Taehyung

Estávamos novamente nas ruas de Osaka, Taehyung apinou para irmos embora, eu tive que aceitar, enquanto estavamos dentro do carro, liguei o som, e começou a tocar Save Me.

"I need you love
Before a fall...
Fall..."

Aquele inglês de taehyung "perfect" nos fez da altas risadas dentro do carro. Chegamos no hotel, e fomos ao estacionamento.

-O que achou do jantar? -- passamos pelo saguão onde não havia praticamente ninguém.

-Foi ótimo, não sabia que aquele restaurante era tão bem frequentado! -- tirei o celular da bolsinha, mas não tinha nenhuma mensagem dele, talvez porque ainda estava com raiva de mim com o Kwon.

-Está falando dos hyun's do Exo não é? -- Riu de canto, e apertou o botão do elevador.

-Também! -- Ri e ele fez o mesmo. -Você vai subir ou não? -- Perguntei ao entrar no elevador.

-Claro que sim -- entrou junto com o silêncio no elevador. -Será que eu posso deixar você no apartamento? -- perguntou assim que a porta abriu.

-Sim, sim -- me assustei com aquela pergunta mais do que inesperada. Saímos do elevador e fomos até o quarto em que eu estava hospedada, abri a porta, e eu sabia qual seria sua resposta, mas eu me atrevi a perguntar -Gostaria de entrar?

-Não seria um incômodo? -- seu geito gentil surgiu mais uma vez o que me fez ri.

-Claro que não, entre -- afastei-me da porta para que ele entrasse. Ele sentou no sofá e eu fui em direção ao quarto -Vou tomar um banho -- ele ligou a tv enquanto eu fechava a porta.

Entrei no meu quarto e me livrei dos saltos que estavam matando meus pés, e depois foi a vez de me despedir do vestido, no qual eu ficava muito linda. Entrei no banheiro e me lancei debaixo da água, onde fiquei menos de 30 min, porque Taehyung entava na sala, e eu não poderia deixa-lo sozinho, isso seria muita falta de ética. Saí do banheiro e peguei meu pijama que havia deixado fora da mala, e depois de vestida, fui para a sala. Taehyung estava sentado como antes, e eu fui sentar ao seu lado.

-Você não quer alguma coisa? -- Puxei algum assunto -Um vinho talvez? -- Ele consentiu, e eu fui pegar o vinho e as taças. -Aqui está! -- coloquei as taças na mesinha junto com a garrafa, começamos a beber e conversar.

Me diga como era sua vida no brasil? -- Taehyung levou o copo até sua boca, e me olho de canto

-Bem, por onde começar? -- passei a mão em meu queixo. -Eu vivia em Manaus no Amazonas. Morava em um conjunto chamado Ilha Bela, eu estava noiva de um homem, um empresário, mas não deu muito certo, então a gente se separou. Eu era estagiária de dança na UEA -- ele franziu o cenho pelo nome que acabara de ouvir -É uma universidade de lá.

-Aaaata -- fez uma cara engraçada e eu ri.

-Depois de 1 ano na UEA eu recebi uma oferta, para trabalhar em São Paulo. E passei 1 mês lá, e logo vim pra coréia, e eu acho que só -- Coloquei o copo na mesinha

-Interessante -- olhou para mim e se aproximou -Mas, o que você acha de fazermos algo interessante? -- mordeu os lábios, e antes que eu pudesse fazer alguma coisa, ele me agarrou, selando nossos lábios em um beijo mas feroz e desejoso do que da última vez em que nos beijamos.

Se afastou um pouco, e eu o olhei  desintendida.

-O que foi? Acha isso errado? -- Mordeu os labios e eu me ajeitei no sofá.

-Errado? -- Riu em deboche -Errado seria se eu saisse por aquela porta, sem antes transar com você -- Segurou mais uma vez minha nuca e me deitou no sofá entre beijos -Eu já disse que você é muito gostosa -- Falou enquanto sorria, e passava a mão em minha coxa.

-Não precisa dizer -- Sorri -Seu olhar ja diz tudo -- Tirei sua camisa e vi novamente seu tanquinho que não custumava mostrar -Você é muito lindo sabia!? -- Virei e fiquei em cima dele, e logo depois tirei meu pijama, ficando somente de calsinha (Ja que eu dormia sem sutiã). Ele suspirou e passou suas mãos em meus seios, e chupou os mesmos.

-E você me da tesão sabia?! -- Ri, e logo fui em  direção a sua calça, desabotuei a mesma, e tirei sem nenhuma enrrolação, seu membro estava completamente aparente por debaixo da cueca. -Você já esta me tentando demais -- Fechou os olhos e mordeu o lábio inferior que já estava sangrando, de tanto força que fazia.

-Esse é o meu forte, fazer o quê -- pisquei e dei de ombros, tirei sua cueca, e libertei em fim o que estava preso, ele me segurou e virou, ficando novamente em cima de mim.

-Agora é minha vez de mostrar meu forte -- puxou minha calsinha com tanta rapidez, que nem percebi. Eu não imaginava que Taehyung podia ser rao safado assim

Taehyung era super diferente de jimin naquelas horas, ele era carinhoso, parecia que ele tinha medo de me machucar, ou outra coisa que eu não tinha certeza fo que era. Ele se afastou e ficou entre mim, ele abriu minhas pernas, e deu um sorriso, como quem estava gostando do que via, passou os dedos em minha intimidade e colocou lá dentro algumas vezes, até que resolveu por seu membro completamente éreto dentro de mim.

Os movimentos que faziamos eram lentos mas também eram prazerosos.

-So mais um pouco -- Taehyung falou enquanto aumentava a velocidade, e não demorou muito até ele alcançar o auge. Caiu ao meu lado, até tranquilizarmos nossas respirações -Você está bem? -- levantou-se e me olhou enquanto ainda estava deitada.

-sim, sim -- Me ajeitei no sofá

Taehyung levantou e começou a vesti sua cueca -Quando você disse que eu poderia ver você assim mais vezes, não achei que estava falando serio! -- Ri soprado e ele deu de ombros, vestir meu pijama, o que não adiantou muito, pois iria ter que tomar outro banho -Você ja fez suas malas para amanhã? -- juntei-me novamente no sofá.

-Ja sim -- sentou-se ao meu lado -Quer dizer... -- deu um sorriso de canto -O jin-hyung fez pra mim -- riu e eu não pudi ficar seria.

-A sua e de mais quem? -- brinquei

-que eu saiba, ele fez a minha, a dele, do yoongi-hyung e a do kookie -- falou na maior normalidade

-E por que ele fez isso? -- Falei meio que incredula

-Ele disse que não tinha nada para fazer, então demos a ele algo para fazer -- deu de ombros e eu ri por reflexo.

-Eu queria pelo menos ter um pouco da bondade que o jin-oppa tem! -- Abachei minha cabeça.

-Eii -- segurou meu queixo e virou meu rosto para si -Você é boa sim, e em muitas coisas -- Taehyung estava me olhando com um olhar malicioso.

-Vamos parar com essa conversa, por que eu ja sei onde ela vai parar, e concerteza é comigo deitada nesse sofá gemendo seu nome -- levantei e sorri.

-Posso pelo menos tomar uma banho?

-Você ja conhece o caminho -- fui para cozinha preparar algo para mim -Você que comer? -- Gritei da cozinha.

-quero sim -- Gritou em resposta antes de fechar a porta do quarto. Assim que aprontou a comida, eu fui para o quarto com a finalidade de tomar banho, quando entrei no mesmo vi taehyung secando seus cabelos sem camisa, com uma calça moletom cinza, eu não sabia que ele ficava tão bonito com aquele tipo de calça, mas ja era de se esperar, ja que todos ficavam lindos de qualquer maneira.

-A comida ja esta pronta, voce pode ir comer se quiser! -- peguei o roupão que estava ao meu lado.

-Ok, já vou lá -- colocou a toalha no cabide da parede e saiu. Entrei no banheiro e tomei o banho qur tanto necessitava, e depois saí, vesti um short e uma camisa, e fui para a cozinha e vi taehyung que ainda não tinha comido nada.

-Por que ainda não comeu -- Sentei na mesa a sua frente.

-Estava lhe esperando -- Sorriu. Eu nós servi e começamos a comer e rimos durante a refeição. Após comermos Taehyung voltou ao apartamento, e eu fui para o meu quarto dormi para a viagem do dia seguinte.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...