História Destino ( Imagine Jimin) - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Jimin, Novela, Romance
Visualizações 149
Palavras 837
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei hehehe :33
Estão gostando? Espero que sim! ><
Fiquem com mais um capítulo e boa leitura :3

Capítulo 27 - Percebe quanta merda sai da sua boca?


- JIMIN!? VOCÊ É O LADRÃO!?

Perguntei assustada


Jimin - De que diabos você está falando maluca?

Me perguntou se fazendo de desentendido


- Não se faça Park Jimin, então é isso que você anda fazendo pra viver? Assaltando casas?

Perguntei


Jimin - Cala boca garota! Não sei do que você está falando, agora saia de cima de mim

Disse ele


Então olho para baixo e vejo que ainda estou por cima dele, senti meu rosto queimar de vergonha na hora


Tento me levantar mas as minhas mãos ainda estão presas de baixo de suas costas


Me aproximo do rosto dele e encosto minha testa na dele, ficando bem próximos


Jimin - O que você está fazendo...?

Perguntou incrédulo achando que eu fosse beija-lo


- Se você se levantasse eu poderia sair de cima de você, pois minhas mãos estão presas

Falei com calma olhando no fundo de seus olhos 


Jimin deu uma leve olhada em meus braços para ver se eu estava falando a verdade

Sem pensar muito ele põe suas mãos em minhas costas e senta no chão, me fazendo sentar em seu colo, deixando finalmente minhas mãos livres


Jimin - Pronto! Está livre

Disse ele próximo ao meu rosto, assim como fiz com ele, então senti que aquilo foi mais como uma revanche pelo que eu tinha acabado de fazer


Pensando na situação em que estávamos, sentados ali no chão, eu sentada em seu colo, um de frente para o outro, ele com a mão em minha cintura e ambos com o rosto colado um no outro

Me levantei de pressa arrumandinha roupa


Jimin se levantou em seguida


Jimin - Aí minhas costas! Você tem muita força pra uma garota

Disse ele com a mão nas costas e me encarando


- Se não tivesse invadido desse jeito eu não teria te batido!

Falei em tom de arrogância com os braços cruzados o encarando também


Jimin - E quem disse que eu invadi!?

Falou mostrando as chaves em sua mão


- Hey! Onde conseguiu isso? Me devolve!

Falei indo em sua direção tentando tomar as chaves de suas mãos


Ele levanta as chaves com um dos braços para que eu não alcance e me segura pela cintura com o outro, me deixando próxima a seu corpo


Jimin - Você gosta tanto assim de ficar colada em mim?

Perguntou me olhando e dando um sorrisinho de lado


Me afasto dele no mesmo instante, envergonhada com o que acaba de acontecer


- Sonha!

Respondi


- Onde conseguiu essas chaves?

Perguntei em seguida


Jimin - O senhor Kun me deu

Falou encarando as chaves em sua mão


- O que? 

Perguntei sem acreditar naquilo


Jimin - Não me olha assim não, eu não fazia ideia de que você estivesse aqui, o senhor Kun não me falou nada sobre já ter visitas, me diga se/n...


Eu olho pra ele procurando entender aquele olhar em que a mim era direcionado da cabeça aos pés


Jimin - ... Quanto ele está te pagando? Você percebeu que os meninos não iriam lhe satisfazer, procurou um cara mais velho, com experiência e dinheiro?


Sem pensar partir pra cima dele dando um belo tapa em seu rosto, deixando a marca dos meus dedos


- Nunca mais repita isso! Quem você pensa que é pra falar assim?

Falei o encarando bem em sua frente enquanto ele acariciava o rosto no lugar em que dei o tapa


Jimin riu e voltou a me encarar


Jimin - Sou o cara que tirou sua virgindade, é assim que me agradecer por ter lhe ensinado como conquistar um milionário? Mas me conte, como foi que o seduziu? AH! Espera já sei, ele estava fragilizado com a perda da esposa, foi aí então que você viu a oportunidade perfeita não foi? Woa~ S/n você é realmente incrível!

Disse se escorando no sofá e rindo


- Percebe quanta merda sai da sua boca? Você sozinho encheria um esgoto em segundos! E pensar que já beijei essa boca, só de lembrar me dá náusea, sabe...

Continuei


- ... Você tem razão, foi você quem me tornou mulher, não tenho como mudar isso, mas vai ver você só serve pra isso mesmo, pra tirar a virgindade de garotas e depois fazê-las sofrerem, como se não bastasse abandona-las após elas terem tido sua primeira vez, sai com outra no dia seguinte, sem ao menos se importar com os sentimentos da garota que você acabara de dormir. Ah! E não pense que essa conversa acabou, ainda tenho muitas perguntas de como você infelizmente veio parar no mesmo lugar que eu

Disse isso a Jimin e fui até meu quarto para dormir em paz, deixando-o sozinho


S/n OFF


Jimin ON

- Ah s/n... Te causei tanta for assim?

Coloquei uma mão em meu rosto rindo de mim mesmo quando senti uma lágrima escorrer


- Idiota!

Falei pra mim mesmo


Flashback ON


 Eu estava caminhando por Seoul procurando um bar pra encher a cara, ultimamente não tenho feito nada de útil a não ser isso


Depois de ter feito uma burrada enorme, percebi o quão inútil eu sou


Era pra ser mais uma noite normal de ressaca, mas aí um cara todo engomado senta ao meu lado no bar em que eu estava


??? - Posso me juntar a você?

Perguntou


- Olha só, não vim aqui para fazer amizade, penas quero beber para esquecer os problemas, então prefiro ficar sozinho

Respondi







Notas Finais


Que? Jimin arrependido ou fazendo cena?
Aish...
Obrigada pelo carinho e até a próxima <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...