História Destinos traçados - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Personagens Originais, Suga, V
Visualizações 7
Palavras 1.942
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Uma chance para o amor


Kássia olha para Jin e sorri. Ele retribui o sorriso e olha novamente para a janela.

(Kássia)

- Eu sou uma pessoa muito complicada.

(Jin)

- Eu gosto de complicações.

(Kássia)

- Sou mais difícil de entender do que qualquer expressão numérica.

(Jin)

- Eu amo matemática!

Os dois se olham e sorriem um para o outro. Enquanto isso, Brenda e Taehyung conversam sobre os amigos.

(Taehyung)

- A Kássia é o tipo de mulher que qualquer cara se interessaria.

(Brenda)

- Em qual sentido?

(Taehyung)

- Ah, ela é bonita, inteligente, engraçada, boa conselheira.. Sem contar que ela nunca demonstra sentimentos. Ela é grossa, mas ela é um amor ao mesmo tempo. Ela manipula muito a mente das pessoas, cara, ela é de outro mundo! ~ele ri~

(Brenda)

- Caramba Tae, você descreveu ela todinha mesmo! ~ela ri~

(Taehyung)

- Por exemplo, olhando pra ela agora.. ali, com o Jin.. ~ele aponta para os dois~ eu não sei dizer se ela tá querendo algo sério com ele, ou se ela só quer dar uma fugidinha e nunca mais olhar na cara dele .

Os dois riem.

(Brenda)

- Se ela gostar mesmo dele, a gente vai perceber.

(Taehyung)

- Mas, e quanto a você?

(Brenda)

- O que tem eu?

(Taehyung)

- Quando você gostar de mim, eu também vou perceber?

Ele encara Brenda por alguns segundos e em seguida sorri. Ela fica vermelha e sorri também, para disfarçar.

(Brenda)

- Vai..

(Taehyung)

- Então, tá bom!

Camila e Suga estão conversando na cozinha.

(Suga)

- Teus lábios são doces? 

(Camila)

- Quê? ~ela ri~

(Suga)

- Me responde, teus lábios são doces?

(Camila)

- Eu não sei..

(Suga)

- Então deixa eu provar pra ver!

Suga puxa Camila pela cintura e a beija. Ele acaricia sua nuca com uma das mãos. Kássia vê os amigos na maior pegação e não perde tempo na hora de fazer uma piadinha.

(Kássia)

- SÓ NÃO FAÇAM FILHOS!

(Jin)

- EITAAAAA! ESSE AÍ NÃO PERDE TEMPO!

Brenda e Taehyung vão ver o que está acontecendo.

(Taehyung)

- CHAMA O BOMBEIROOOO!!!

(Brenda)

- HAHAHA! SÓ VAI!

Todos riem. Suga larga Camila e os dois riem para os amigos.

(Suga)

- Eu é que não vou perder tempo igual vocês.

(Jin)

- Então Suga, dá pra calar a boquinha?

(Taehyung)

- É, volta pro beijo aí..

Brenda e Kássia riem debochadamente. Os seis amigos aproveitam bem a noite, conversam sobre tudo, comem, bebem, riem, falam sobre assuntos sérios mas sem perder o clima de felicidade. 

(Jin)

- Vocês podem dormir aqui se quiserem, está tarde e é domingo.

(Kássia)

- Por mim, tudo bem. 

(Brenda)

- Ah, por mim também, mas nós vamos dormir juntas! ~ela ri~

(Camila)

- Ah, tudo bem por mim também.

(Jin)

- Então está certo, dormiremos todos aqui essa noite.

(Taehyung)

- O almoço vai ser na casa de quem? ~ele ri~

(Kássia)

- Pode ser na minha!

(Suga)

- Eu gosto de carne!

Todos riem.

(Kássia)

- Faremos algo com carne para comer!

Suga abraça Kássia.

(Suga)

- Você é demais!

Todos riem.

As meninas começam a limpar a sala e a cozinha, enquanto os meninos organizam os quartos. 

(Camila)

- Eu acho que estou afim do Suga..

(Kássia)

- Acha? 

(Camila)

- É, sei lá, ainda é cedo para dizer.

(Brenda)

- Taehyung perguntou pra mim se, quando eu começar a gostar dele, ele iria perceber..

(Kássia)

- E o que você respondeu?

(Brenda)

- Eu disse que ele iria perceber sim.

(Camila)

- Ai como é burro!!! Você gosta dele há tanto tempo e ele nunca se deu conta.

(Kássia)

- Ou talvez ele só estava esperando o momento certo.

(Brenda)

- É, quem sabe.

Elas terminam de arrumar a cozinha e a sala e sobem para os quartos.

(Jin)

- Olha, a gente vai dormir naquele quarto ali, no fim do corredor.

(Brenda)

- Certo.

(Kássia)

- Eu quero muito tomar um banho! 

(Jin)

- Alguém mais quer?

Camila e Brenda levantam as mãos.

(Camila)

- Eu vou primeiro!

Jin alcança algumas toalhas para as meninas. Taehyung e Suga vão para o quarto.

(Taehyung)

- Boa noite meninas!

(Kássia)

- Boa noite pra vocês!

Brenda e Kássia vão para o quarto e Jin desce até a cozinha. Ele senta em uma cadeira diante da mesa e bebe um copo de água. Alguns pensamentos invadem sua mente e ele começa a conversar consigo mesmo. 

[Nunca me senti tão bem na vida. É tão bom ter amigos e amigas que te insentivam a ser alguém melhor.]

Camila sai do banho e em seguida Brenda entra no banheiro.

(Kássia)

- Cami, o que você sentiu quando beijou o Suga?

(Camila)

- Ah, não sei dizer, parecia que eu tinha borboletas no estômago. ~ela ri~

(Kássia)

- Eu senti uma coisa diferente hoje.. mas não beijei ele, apenas conversamos e meu coração bateu muito forte.

(Camila)

- Kass, isso é amor..

(Kássia)

- Tenho medo de amar. 

(Camila)

- Tudo o que aconteceu com você foi muito frustante, todas sabemos. Ninguém merece passar por tudo o que você passou, mas você não acha que está na hora de dar mais uma chance pro seu coração?

(Kássia)

- Eu não sei..

Brenda entra no quarto e fecha a porta. 

(Brenda)

- O que você não sabe?

Jin sobe as escadas e ouve as meninas conversando, ele para perto da porta para ouvir.

(Camila)

- A kass está sentindo algo diferente desde que conheceu o Jin. E eu falei pra ela que poderia ser amor. Mas como nós sabemos tudo o que ela passou, você pode imaginar como ela deve estar com medo de se entregar.

Brenda senta do lado de Kássia, deixando-a entre ela e Camila.

(Brenda)

- Kass, eu imagino o quanto foi doloroso pra você passar por tudo aquilo e o quanto aquele imbecil fez você sofrer. Mas esse sofrimento não pode durar para sempre, está na hora de você deixar a felicidade comandar sua vida.

(Kássia)

- Eu estou me sentindo tão bem desde que conheci o Jin.

(Camila)

- Tenho certeza que ele sente o mesmo.

(Brenda)

- Amiga, você sabe que independente de qualquer coisa, eu e a Cami sempre estaremos com você.

(Kássia)

- Eu sei, eu amo vocês, obrigada!

(Camila)

- Nós também amamos você!

As amigas se abraçam. Do outro lado da porta, Jin sorri com tudo que ouviu. ~toc toc~ ele bate na porta.

(Kássia)

- Oi, Jin! 

(Jin)

- Vocês estão bem? Estão confortáveis?

(Camila)

- Estamos sim, obrigada!

(Kássia)

- Eu vou ir tomar um banho.

Ela pisca para aa amigas e fecha a porta.

(Jin)

- Tem toalha no banheiro.

(Kássia)

- Você teria uma camiseta para me emprestar?

(Jin)

- Claro, eu vou pegar.

(Kássia)

- Você me alcança ali no banheiro? Vou deixar a porta encostada. ~ela sorri~

(Jin)

- C-claro.

Kássia entra no banheiro e encosta a porta, ela tira a roupa e entra no box. Ela liga o chuveiro no morno e deixa a água escorrer pelo seu corpo. Jin vai até o quarto e pega uma camiseta, ele caminha devagar até a porta do banheiro e espia Kássia por alguns segundos.

(Jin)

- Kássia?

(Kássia)

- Oi?

(Jin)

- Eu trouxe a camiseta..

(Kássia)

- Coloca em cima do cesto, por favor?!

(Jin)

- Claro.

Jin entra no banheiro e coloca a camiseta em cima do cesto. Ele levanta o olhar e observa Kássia através do box. Ele não consegue ver direito porque o box está embaçado, mas continua olhando. Kássia percebe e finge que não sabe que ele ainda está ali. Ela lembra do que as amigas disseram, [ ...“está na hora de você deixar a felicidade comandar sua vida.”], e então decide seguir o conselho. Jin está indo em direção a porta para sair do banheiro, mas é interrompido. Kássia abre o box.

(Kássia)

- Jin?!

Ele para com a mão na maçaneta e sem olhar para trás, ele responde.

(Jin)

- Sim?

(Kássia)

- Eu estou com um pouco de medo...

(Jin)

- Eu fico do lado de fora até você sair..

(Kássia)

- Não é disso que eu estou falando.

Ele fecha a porta e se vira, Kássia está nua e molhada olhando para ele. 

(Jin)

- Eu posso ajudar você quanto à isso.

(Kássia)

- Por favor, me ajude..

Ela se vira, ficando de costas para ele. Jin tira a camisa, e começa a se despir lentamente. Ele vai até o box e se aproxima de Kássia, bem devagar. Ele passa uma das mãos pelo ombro dela e ela se arrepia. Ela vira o rosto e olha para ele de canto. Ele a vira de frente para ele e a empurra para debaixo do chuveiro, ele acaricia seu rosto e a beija. 

(Jin)

- Você é tão linda..

Kássia sorri. Enquanto isso, Brenda vai até o quarto onde Taehyung e Suga estão dormindo, e quando ela vai abrir a porta, Taehyung abre primeiro.

(Brenda)

- O-oi?!

(Taehyung)

- Aconteceu alguma coisa?

(Brenda)

- Eu estou com sede, mas estou com medo de ir lá embaixo sozinha.

(Taehyung)

- Eu vou com você.

Os dois descem até a cozinha e Brenda bebe um copo de água.

Taehyung está escorado no balcão de louças. Brenda larga o copo e quando vai passar por Taehyung, ele a puxa.

(Brenda)

- O que você quer?

(Taehyung)

- O mesmo que você..

(Brenda)

- E o que seria?

(Taehyung)

- Isso!

Ele a beija. Enquanto isso, Camila vai até o quarto onde Suga está. Ela entra tentando não fazer barulho. Suga está deitado em um colchão de casal no chão.

(Camila)

- Suga??? Suga??

Ela se aproxima dele.

(Camila)

- Ei?? Você está acordado?

(Suga)

- Agora estou.. ~ele ri~

(Camila)

- Me desculpa..

(Suga)

- Tudo bem, o que foi?

(Camila)

- Posso dormir com você? Prometo ficar quietinha.

Suga olha para Camila e sorri. Ele se ajeita no colchão, dando espaço para ela deitar.

(Suga)

- Vem cá!

(Camila)

- Obrigada!

(Suga)

- Cadê todo mundo?

(Camila)

- Foram aproveitar.

Os dois riem. Camila se aninha nos braços de Suga e os dois dormem.

Kássia está enrolada na toalha e Jin está vestindo roupa. Os dois vão até o quarto e vêem Camila e Suga dormindo juntos. Eles olham para a sala e vêem Brenda e Taehyung na maior pegação. 

(Kássia)

- Vamos para o quarto, vem.

Kássia puxa Jin pelo braço e os dois vão para o quarto. Jin deita na cama, enquanto Kássia coloca uma calcinha e a camiseta que ele emprestou para ela.

(Jin)

- Vem deitar aqui, está tarde.

(Kássia)

- Já estou indo.

Ela fecha a porta e deita do lado de Jin. Ele coloca o braço por cima dela e ela se aconchega pertinho dele.

(Kássia)

- Você tem um cheiro muito muito bom!

(Jin)

- Você também..

Os dois fecham os olhos e adormecem. Brenda e Taehyung dormiram na sala, Camila e Suga no quarto do Jin e Kássia e Jin no quarto de visitas. 

🍁(5 meses depois)🍁

Brenda está no trabalho, quando de repente Kássia aparece toda sorridente.

(Kássia)

- Oi Bre, tudo bem?

(Brenda)

- Oi Kass, o que te trás aqui?

(Brenda)

- Eu e o Jin vamos fazer uma viagem no final de semana, fiquei sabendo que você vai ter uma semana de férias, então resolvi convidar você e o Tae para irem junto.

(Brenda)

- Boa ideia! E a Cami e o Suga?

(Kássia)

- Então, vamos todos jantar na casa da Cami hoje para conversarmos sobre isso.

(Brenda)

- Estaremos lá!

(Kássia)

- Nos vemos lá então! Eu vou indo porque preciso dar um geral na casa!

As duas amigas se despedem e Kássia vai para casa. Ao chegar em casa Jin vem ao encontro de Kássia. Ele beija sua testa.

(Kássia)

- Oi amor!

(Jin)

- Paguei uma senhora para dar um geral aqui, você deve estar cansada. Espero que não se importe!

(Kássia)

- Você é o melhor namorado do mundo!

Os dois se beijam. 

(Jin)

- Falou com as meninas?

(Kássia)

- Falei sim.

(Jin)

- Tudo certo para hoje a noite?

(Kássia)

- Sim, você comprou o vinho?

(Jin)

- Comprei e passei na lavanderia pra pegar nossas roupas.

(Kássia)

- Ainda sonho com o dia em que formos morar juntos!

(Jin)

- Só não moramos juntos ainda porque você não quer.

(Kássia)

- Querer eu quero, mas por enquanto ainda to organizando minha vida.

(Jin)

- Eu sei meu amor!

Kássia vai até o quarto e quando abre a porta vê a cama cheia de corações e bombons, tem balões por todo o quarto e fotos dela e do Jin colados na parede. Na cabeceira da cama tem um bilhete e e nele está escrito “Obrigada por esses cinco meses incríveis, que venham muitos mais meses para nós. Eu te amo! Para sempre seu: Jin.” Jin aparece na porta.

(Jin)

- Exagerei? ~ele sorri~

(Kássia)

- Ai amor! Por que você faz isso?~ela chora~

Kássia vai até Jin e o abraça. 

(Kássia)

- Eu te amo!

(Jin)

- Eu te amo!

Os dois se beijam.

(Kássia)

- Você vai me ajudar a comer esses chocolates!

(Jin)

- Claro! ~ele sorri~

Os dois deitam na cama e começam a abrir os chocolates. Kássia observa Jin e sua mente enche de pensamentos. [O que eu fiz para merecer alguém tão incrível quanto você? Eu te amo e queria poder provar isso todos os dias.]




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...