História Destiny? or nah - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Jack & Jack, Magcon, Mahogany LOX, Nash Grier
Tags Amor, Magcon, Mudança
Exibições 29
Palavras 1.002
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


EA MINHAZAMORAAAAS
Tentei postar a semana toda mas num deu. Cheguei agora com esse capítulo que todas as meninas vão ter. É como se fosse o ponto de vista de cada uma de como vai ser a mudança pra Califórnia ok? vão ser todos meio pequenos por que eu quero começar a postar a história logo. AGORA SEM MAIS CONVERSA, O POINT OF VIEW DA LOUÍSE QUE É NEM MAIS NEM MENOS QUE A KY RAINHA JENNER SZ

ATÉ AS NOTAS FINAS MEUS ANJOS!!
P.s:. ta sem revisão. Então, qualquer erro, perdoem essa burrinha aq

Capítulo 2 - Louíse


Fanfic / Fanfiction Destiny? or nah - Capítulo 2 - Louíse

P.O.V Louíse

então quer dizer que vamos ir para Califórnia? Qual é? Ninguém merece. Entro no meu quarto e pego meu notebook me sentando na cama. Olho o andamento do projeto da coleção nova e suspiro fraco  quando Belinda entra no meu quarto se jogando ao meu lado.
Quando Belinda entra no meu quarto e se joga na cama olhando pra meu notebook. 
– Lou, essa coleção ta incrível. Olha essas cores garota! – ela diz animada olhando para a tela do computador e eu sorrio fraco. 
– Jura? Espero que venda tudo – digo e mordo o lábio olhando cada produto
– Sério, ta muito bom. Vai vender logo. Já guarde um kit pra mim. Beijos – Diz ela e eu rio indo tomar banho. 
– Chegou que horas ontem senhorita Palmer? – grito do banheiro enquanto lavo meu cabelo
– Não lembro. Era quase de manhã – responde ela e eu rio fraco.
(...) 
Termino meu banho e volto pro quarto já não encontrando mais a Belinda. Dou de ombros e ando até o closet cantarolando baixo. Pego uma lingerie vermelha e logo visto a mesma indo escolher minha roupa. Opto por um short jeans e uma blusa simples [1]. Calço minhas meias (porque andar de meia pela casa é vida) e  prendo meu cabelo indo comer. Saio do meu quarto e vou pra cozinha vendo Gabi fazendo panquecas. 
– Acordou animada hoje? – pergunto entrando na cozinha. 
– Um pouco – ela diz e eu pego um morango e passo por ela deixando um beijo na sua bochecha 
– Bom dia Gabs – digo me sentando no balcão 
– Bom dia Izie – ela me chama do apelido maluco q elas e as meninas inventaram. Olho ela cozinhar por um tempo quando sinto meu celular vibrar no meu bolso. Leio a mensagem do Mike e reviro os olhos.

~Mensagem On~ 
Mike: Bom dia amor, gostou da festa de ontem?

Lou: será que dá pra você parar de me perseguir? Já não temos mais nada idiota. Deixa de ser um escroto iludido. Aquilo que você fez ontem foi ridículo.

Mike: Nossa amorzinho!  Quanta raiva no coração é essa? Meu Deus. Só faço isso tudo por que te amo. Não fica por aí pegando outros meninos. Sabe que eu sou ciumento.

Lou: Sabe de uma coisa Mike? Se mata 
~Mensagem off~

Envio minha resposta a ele e o bloqueio em seguida largando meu celular no balcão. Que garoto idiota. As vezes da vontade de fazer um contato com o estado islâmico só pra mandarem um homem bomba até a residência dele. Já vai fazer 5 meses que a gente terminou e ele não sai da minha cola. Qual é? Respiro fundo fazendo a Gabi me olhar.
É o Mike né? pergunta ela e eu assinto Alguém mata esse garoto por favor? -ela grita e eu rio. Olho pra porta da cozinha e vejo a Bel e a Lox entrarem rindo.
Bom dia vagabundas  diz Lox dando um beijo na minha e na bochecha da Gabi

Animadas pra Califórnia? todas assintem e eu nego chamando a atenção delas  Sabe que não precisa ir lá né Izzie? Pergunta a ruiva e eu olho pra ela.
Eu sei que não. Mais assim que ela ou uma das filhas delas descobrirem que eu estou lá, já vai começar tudo de novo. Eu não quero voltar para aquele lugar digo olhando para o chão. 
O problema de eu não querer ir pra Califórnia é só um. Eu Nasci lá e morei até os meus 10 anos. Quando eu nasci, houve alguma complicação no meu parto. Pediram pra minha mãe escolher entre eu viver ou ela morrer. Ela apenas fez mais força e faleceu em seguida me deixando apenas com meu pai. Até meus 3 anos fomos somente nós dois. Eu e ele éramos inseparáveis. Até ele encontrar uma namorada e casar com ela em menos de dois meses de namoro. Andréa e suas duas filhas eram legais comigo quando meu pai estava por perto, mas sempre que ele se distanciava elas se tornavam uns monstros. Quanto formei 5 anos, aconteceu um acidente com meu pai e Andréa e ele morreu. Daí em diante minha vida virou definitivamente um inferno.

Elas me bloquearam total a herança que era minha por direito tanto do meu pai tanto da minha mãe. Até do meu sonho de ser modelo elas acabaram destruindo. A pessoa que me ajudou muito quando se mudou par uma casa perto da minha foi a Belinda. Ela com o sonho de também ser modelo, chegamos a nos inscrever para um olheiro e passamos na primeira fase. Depois na segunda e quando completei o curso já estava ganhando para desfilar com algumas marcas de roupas infantis. Com 10 anos, eu Fuji de casacom o dinheiro que eu ganhava e fui morar na casa da minha vó no Brasil. Assim que descobriram que estava lá, tanto a agência na Califórnia e Andréa queriam a minha guarda. Meus avós moveram céus e terras para pegar a minha guarda definitiva e conseguiram. Quando completei 13 anos, houve uma proposta de trabalho na Inglaterra. eu animada para seguir a minha carreira,implorei a minha vó até que ela autorizasse. depois de 6 meses de luta, eu conseguir ir morar na Inglaterra com um tipo de host family que me adotou.  Aí a minha vida mudou definitivamente. Conheci as minhas irmãs de outros ventres, reencontrei a Bel, Produzi uma linha de cosméticos com minha autoria e agora estou aqui. Minha madrasta e as filhas dela? Nunca mais ouvi falar, e nem pretendo nunca mais ter nenhuma ligação com nenhuma delas. Suspiro pesado ao terminar de concluir minhas lembranças e as meninas me olham percebendo uma lágrima.

Vai ficar tudo bem amiga disse Lox me abraçando de lado. Sorrio fraco e limpo a lágrima.  

Eu sei que vai digo e ela me empurra.

  Agora vamos comer que a Melissa me ligou neste instante para avisar que quer nos ver daqui a uma hora diz ela indo até as panquecas que a Gabi fez e pega algumas colocando nutella e morangos em cima.


Notas Finais


[1]: http://www.polyvore.com/lou/set?id=208658849
inhai? deu pra entender mais ou menos a história da Lou? qualquer coisa fala nos comentários. JAJA VOLTO COM O POINT OF VIEW DA LOX OK?
LINK DA OUTRA FIC DA TIAZONA PRA DAR AQUELA MORAL: https://spiritfanfics.com/historia/real-love-3432852


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...