História Destruction Of Mankind - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Apocalipse, Ficção, Guerra, Radioatividade
Exibições 4
Palavras 537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Survival, Suspense, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Problemas a caminho


Fanfic / Fanfiction Destruction Of Mankind - Capítulo 4 - Problemas a caminho


- Certo mas, em que podemos ajudar ? - Perguntei
- Vocês irão para o LQA (Laboratório de Química de Atlanta) - Disse John
- Mas ... John, nenhum de nós somos cientistas ou algo do tipo para ajudar naquele lugar ! - Disse Math
- Aquele laboratório, é parceiro dessa usina, e precisamos saber se a ppulação corre algum risco, em continuar morando em Atlanta. Vocês vão descobrir se a bomba que caiu no centro era grande o suficiente, e também do que a bomba era feita. - Disse John
- Você tem certeza absoluta que TODOS os habitantes do centro foram tranferidos para outro lugar ? - Perguntei
- O governo tirou todos eles daquele lugar Alysson. Fique tranquila. Agora vão, eles precisam de seus conhecimentos ! 
  A caminho do laboratório, Lucas e Tobby estavam conversando sobre nós ajudarmos no laboratório. 
- Cara, não sabemos nada para sermos mandados para aquele laboratório. Não sabemos como funciona. Somos apenas estudantes de Quimica da High School de Atlanta. Nada mais que isso ! - Disse Tobb
- Eu acho que não vamos conseguir ajudar, podemos ser inteligentes, mas não ao ponto de ajudar alguns CIENTISTAS. - Concordou Lucas
- Galera, parem. Podemos não ser inteligentes em várias partes. Mas lembre-se que escola que formam alunos ''normais'' em reconhecidos cientistas, foram atras da gente... Não fomos estudar lá por que a gente não quis. Então PAREM. Se o chefe da Usina quer a gente lá, é porque ele sabe que temos capacidade para ajudar eles. - Rebati
- Concordo com ela ! Deve ter um propósito para sermos chamados lá ! - Disse Math
  Estavamos todos dentro do carro, quando vimos um estrondo atingindo o solo. Luiz, o motorista parou e desceu do carro, para ver o que tinha acontecido. Nesse mesmo momento, meu celular tocou, era John.
- John ? 
- Alysson, quero que todos vocês saiam da estrada ! AGORA ! 
 Desliguei o celular, e gritei para meus amigos e para o motorista. Entramos na mata quue haviaao lado da estrada. Nos escondemos. Depois de uns cinco minutos no máximo, outro estrondo atinge o solo. Mas dessa vez foi mais forte, fazendo com que o chão tremesse. Logo depois mais outro, e mais outro, seguido por mais cinco estrondos. Todos fazendo o chão tremer. Liguei para o meu pai. 
- Alo ? Alysson ?
- Pai ? PAI ? O senhor está bem ? Oque ta acontecendo ?
- Bombas Alysson. Muitas bombas. 
- Oque ? Radiotivas ? 
- Não sabemos. Vocês precisam vir para cá nesse exato momento. Vocês conseguem ?
- Não sei pai, vamos tentar. 
- Vocês estão muito longe da Usina ? 
- Acho que uns cinco quilometros. 
- Certo. Peça para o Luiz trazer vocês aqui, em segurança ! 
- Te amo pai
- Também te amo filha. 
  Os estrondos acabaram, vimos fumaça vindo do lado da cidade. Não sabiamos se as novas bombas que tinham acabado de cair eram radioativas também, não sabiamos o tamanho das bombas, o local que elas tinham caido, e não sabemos se aquelas bombas fariam algum mal para a humanidade. Mas algo me dizia que a gente teria um problema enorme vindo em nossa direção.  
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...