História Detenha-me - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias X-Men
Tags Ação, Romance, Xmen
Exibições 11
Palavras 733
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Super Power
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Será que Denise é como a irmã?

Capítulo 18 - Os poderes de Denise


Os dias que passaram foram fantásticos.Alex é um verdadeiro cavalheiro.Me sinto tão protegida ao lado dele.
Hoje é dia de visitar a Denise.Ela tem estado tão triste ultimamente.Decidi que hoje será o dia das meninas.
-Oi princesa.
-Oi-diz amuada
-Vamos-me posiciono atrás de sua cadeira
-Onde vamos?
-Em um salão de beleza.
-Sério?
-Serissimo
Tudo parecia caminhar bem mais a expressão dela não mudou desde que saimos da clínica.Fizemos idrataçao e tudo o que tinhamos direito.Mesmo assim ela continuou triste.Almoçamos em um restaurante e voltamos para a clínica.
-Denise o que você tem?
-Nada
-Eu te conheço desde que você ainda chutava a barriga da mamãe.
-É que...tenho tido uns pesadelos horríveis.Sonho com um homem que me tortura,ele me obriga a matar e fura minhas costas se eu não fizer o que ele quer.
Sinto uma dor no peito e meu coração é moido com suas palavras.
-Você não é a única a ter pesadelos.
-Você também?
-A alguns dias atrás eu tive alguns pesadelos,mas passou.
-Como?
-Comecei a ocupar minha cabeça com outras coisas.
-Eu não posso fazer isso,tenho muito medo de dormir.
-Tudo bem.Vou falar com seu médico e perguntar se posso dormir aqui com você hoje
-Sério mesmo?-seus olhos se encheram de brilho.
-Preciso ir para casa agora,mas volto á noite.
-Obrigado.
-Tudo por você.
Bato na porta e a voz do dr.Charlie me manda entrar.Sento-me em uma cadeira á sua frente.
-Em que posso lhe ajudar,senorita Carson?
-Queria pedir sua altorizaçao para passar a noite aqui com minha irmã.
-Ah,seria ótimo.A Denise precisa de você,ela está tendo dificuldades em dormir
-Vou cuidar dela.
-Sabe...você é a única pessoa nessa clínica que realmente se preocupa com sua parente.
-Talvez seja porquê ela é minha única familia.
Espero meia hora na frente da clínica e nada de parar um táxi.Mesmo não querendo preciso pegar o metrô.
Alex está conversando com o irmão que parece furioso.Subo as escadas sem fazer barulho,não quero que me vejam.Tiro minha roupa e tomo um banho.Toco em minhas costas e sinto uma enorme vontade de chorar.Me seco e visto uma calça e um casaco.Olho para o relógio e corro para o portão.
-Oi-diz Alex me segurando pela cintura
-Oi.Tchal
-Espera aí,onde você vai?
-Dormir na clínica com a Denise-abro o portão
-Eu te dou uma carona.
-Tudo bem.vamos logo.Depois que a clínica fecha não podem mais entrar
Ele abre a porta do carro e corre para a clínica.Só volto a respirar aliviada quando chegamos antes do guarda fechar tudo
-Manda um oi para Denise-diz Alex me dando um rápido beijo
-Pode deixar
Entro no elevador e respiro fundo até chegar no quinto andar.Denise me olha com os olhos cheios de lágrimas.Sento ao seu lado.
-O que aconteceu?
-Achei que você não vinha-responde entre soluços
-Alguma vez eu te abandonei?
-Não
-Então não entendo sua reação-seco suas lágrimas
-Eu não quero ficar sozinha
A abrecei e deitei ao seu lado.Acariciei seus cabelos até que ela dormisse.
                       :*
-Alexia!Me ajuda!
Pulo da cama e o procuro pelo quarto.
-Não me machuque.
Olho para a cama e Denise está se debatendo.Seus gritos são assombrosos.Ela chora e pede minha ajuda.Subo sobre ela e tento acorda-la,porém,ela continua dormindo.
-Acorda Denise!
-Mamãe!-ela chora
-Denise!
De repente ela para de se mexer e agarra meus braços,cravando as unhas em mim.Tento para-la mas não consigo me mexer.Uma visgada atinge meu corpo.A dor se espalha pelas minhas costas e sinto como se meus ossos estivessem se partindo.
-Denise!!!!!!!!!!!!!!
Ela abre os olhos e me solta,caio no chão sentindo meu corpo pesar.Me contorço de dor e só escuto seu grito de ajuda e vejo a porta sendo aberta.Desmaio em seguida.
Acordo um uma maca e com luzes sobre mim.O dr.Charlie me faz perguntas que não respondo.Sinto meu corpo pesado e não consigo levantar meus braços.
-Ah!!!-grito de dor ao tentar levanta-los novamente.
-Acalme-se-diz o doutor
Ele me aplica uma injeção e em poucos segundos volto a dormir.
Acordo novamente e me sento na cama.Denise e Alex estão ao meu lado segurando minhas mãos
-Você está bem?-pergunta Alex
-Sinto como se...-olho para Denise que chora sem cessar-estivesse acabado de sair de uma fonte da juventude.
-Sério?-pergunta ela voltando a sorrir
-O que você fez comigo?
-Não sei.
Passo as maos pelas costas e não sinto nada.
-Você me curou-murmuro pasma
-Curei?
Acinto com a cabeça.Denise também tem poderes?Como não se curou sozinha?O que está acontecendo com minha irmã?


Notas Finais


Os proximos capítulos serão melhores.Já estão até prontos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...