História Deusa - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inuyasha
Personagens Inuyasha, Kaede, Miroku, Naraku, Personagens Originais, Rin, Sesshoumaru
Tags Inuyasha, Luta, Mistério, Romance, Sesshoumaru, Sexo, Suspense
Exibições 171
Palavras 1.343
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu sei eu sei que demorei.. mil desculpas mas em minha defesa fui sequestrada por alienígenas que me obrigaram a ser mãe, esposa e dona de casa rsrs. então boa leitura bjs...

Capítulo 5 - Um grande inimigo se aproxima.


Fanfic / Fanfiction Deusa - Capítulo 5 - Um grande inimigo se aproxima.

Rin voltou para o quarto assustada com oque tinha acontecido seu coração estava acelerado e seu corpo tinha reações que ela não conhecia. Então ela resolveu se deitar.

-Meu deus oque foi isso? Ela fechou os olhos e tudo voltou em sua mente, ela podia ver cada detalhe os músculos, seu olhar dominador, seus lábios e a aquela coisa enorme.......... Rin ficou vermelha igual a um pimentão e se escondeu em baixo dos cobertores. E depois de muita agonia Rin consegui dormir.

 

Amy voltou para o quarto das empregadas nas pontas dos pés para não acordar as outras. Mas não adiantou, Kaede acordou e estranhou Amy voltar tão cedo para o quarto das empregadas.

-Amy oque você faz aqui? Senhor Sesshoumaru não te fez mulher essa noite?

Amy ficou vermelha e sem graça.

-E- eu que saiu escondida quando ele dormiu..

-Mais porque você não ficou com o mestre? Kaede ficou confusa, Amy estava ansiosa pelas noites com o mestre então porque ela avia saindo no meio da noite.

-B-bom é que ele estava muito intenso essa noite. Estou toda assada. Ela dá uma risadinha sem graça.

-Kaede da risada junto com todas as empregadas que estavam no quarto, agora acordadas ouvindo tudo.

-Parem, parem com isso. Amy ficou com raiva.

-Filha é melhor você voltar pra cama do mestre antes que ele sinta a cama esfriar. Disse Kaede

-Mas na nossa primeira noite ele não foi assim. Ele me deixou descansar. Disse manhosa.

As mulheres riram muito mais.

-Amy senhor Sesshoumaru é conhecido por todas as mulheres como um homem insaciável e se você gosta de ficar com o mestre vai ter que aguentar. Na sua primeira vez você era virgem por isso ele foi gentil, mas todas nós sabemos que ele é sempre intenso. O pai dele era assim eu sei bem.

Depois que Kaede falou, uma linda loira falou nervosa.

-Pare de reclamar de barriga cheia garota. Todas as mulheres do reino gostariam de estar no seu lugar, antes de você chegar eu que esquentava as noites do mestre e foram os melhores meses da minha vida. Então não se acostume, por que logo, logo ele arruma outra e você será esquecida como eu fui. Agora cala essa boca e sai daqui e me deixa dormir. Estupida.

Kaede olhou para Maria uma linda moça que era amante de Sesshoumaru antes de Amy. Maria sofreu muito quando o mestre não a procurou mais e ver a novata reclamando a deixou furiosa.

-Calma Maria, vamos dormir. E você Amy volte para o quarto do mestre. Disse Kaede se arrumando na cama.

Amy saiu e voltou para o quarto de Sesshoumaru, ao entrar ela o viu dormindo nu, Amy tirou a roupa e se deitou com ele. Ficou observando o corpo de seu mestre e como ele era lindo, em cada detalhe ele era perfeito e ela percebeu que tinha sorte por estar em sua cama.

-Onde esteve? Perguntou abrindo os olhos revelando aquele dourado matador.

-Eu- eu....

-Não importa. Ele disse ficando em cima dela e a beijando com desejo.

 

 

 

Estava amanhecendo quando Miroku e Inuyasha chegaram ao castelo bêbados, assim que entraram um dos espiões correu ate Miroku e disse.

-Graças aos céus meu senhor. Estive a noite toda a sua procura, trouxe noticias do castelo de Naraku.

-Calma Oque ouve?

-Naraku esta vindo com seu exercito para nos atacar, suas tropas chegaram em um mês, oque vamos fazer mestre?

-Reúna os homens no salão principal vou tomar um banho e informar Sesshoumaru.

-Sim!! O homem saiu rápido para juntar os soldados.

-Por que estão tão assustados? Já enfrentamos exércitos poderosos antes. Disse Inuyasha.

-Sim eu sei, mas o exercito dele é três vezes maior que o nosso.

-Calma Miroku, nós damos conta. Inuyasha da um tapinha no rosto de Miroku e sobe as escadas cambaleando.

-Ao subir Inuyasha passa pelo quarto de Rin e não resiste e abre a porta lentamente e vê a jovem dormindo.

-Porque não posso ter você pra mim. Disse com a voz embolada. Ele ia entrar mais mudou de ideia ao lembrar a ordem do irmão então ele foi para seu próprio quarto.

 

Depois de um banho e tomar algo bem amargo Miroku podia falar com Sesshoumaru, ele bateu na porta e ouviu a permissão para entrar.

-Com licença Sesshoumaru tenho noticias de Naraku, já ordenei que os soldados se reunissem no salão principal.

Enquanto Miroku falava Sesshoumaru se vestia, Miroku não pode deixar de notar a linda mulher na cama de Sesshoumaru dormindo nua. Mas isso não os deixou desconfortáveis não era a primeira vez que ele via essa cena.

-O que o espião disse? Perguntou frio.

-Disse que Naraku esta vindo com seu exército para nos atacar e que chegar em um mês.

-Então esse maldito ousa nos atacar em minhas terras?! A voz de Sesshoumaru se alterou com tamanha ousadia, fazendo Amy acordar.

Ao perceber que Miroku estava lá se cobriu imediatamente, mas não antes dos dois olharem para ela.

-Vamos Miroku. Sesshoumaru saiu e Miroku atrás.

Amy ficou ali constrangida pensando quanto tempo eles ficaram ali conversando com ela nua na cama, ficou triste ao perceber que seu mestre não se importou que outro homem a visse assim.

 

 

Rin acordou com um cheiro delicioso no quarto, ao olhar viu que as servas estavam preparando banho e trazendo o café da manhã.

-Bom dia senhora. Disseram todas quase ao mesmo tempo.

-Bom dia ela respondeu sorrindo. Em seguida todas saíram.

Rin se levantou se despiu-se e foi tomar banho. Depois tomou café e resolveu sair e dar uma volta no castelo.

Rin foi ao um grande jardim ficou ali sentada distraída com as arvores e pássaros. Depois de algumas horas ela ficou entediada, toda sua vida ficou trancada e não tinha curiosidades, mas agora ele queria explorar tudo, explorar o mundo. Mas ia começar pelo castelo. Então ela começou sua aventura, estava tranquila, pois não tinha encontrado com Sesshoumaru, ela não sabia oque poderia acontecer se o visse. Ela tinha medo de ter aquelas sensações outra vez. Enquanto pensava chegou ao grande corredor onde ouviu vozes alteradas. Ela foi seguindo as vozes ate chegar ao um grande salão onde estavam todos os soldados reunidos, também estavam Miroku Inuyasha e ele Sesshoumaru ela mordeu o lábio inferior sem perceber ao ver Sesshoumaru.

-Mestre todos os soldados estão receosos, o exercito do Naraku e três vezes maior que o nosso. Disse um dos soldados ao Sesshoumaru.

-E que vocês querem dizer com isso? Estão dizendo que irão fugir como cães?! Respondeu ele mais serio que o normal.

-Não meu senhor! Iremos com o senhor ate o inferno, tudo que os homens querem é uma ajuda dos deuses. Não foi pra isso que invadimos aquele vilarejo?

Sesshoumaru Miroku e Inuyasha ficaram em silencio. Depois Sesshoumaru disse.

-E oque vocês querem?

-Queremos leva-la como nosso amuleto.

-Vocês estão loucos levar uma mulher para o campo de batalha. Disse o mais novo revoltado.

-Calma. Senhor Inuyasha. Ela ficara em uma barraca distante e todos nos iremos protegê-la tudo que os homens querem e sentir que ela nos protege.

-Irmão você não pode aceitar isso. Não podemos arrisca-la.

-Chega Inuyasha! Farei oque for necessário pelo clã. Essa é minha obrigação.

Miroku e Inuyasha ficaram calados.

-Em 15 dias partiremos para pegarmos de surpresa o exercito do Naruke, aproveitem esses dias para se despedir de suas mulheres e filhos. Sesshoumaru saiu e viu um rosto familiar escondido entre as pilastras. Mais fingiu não ver e foi embora.

-Miroku isso é loucura não podemos fazer isso com ela. Disse Inuyasha.

-Tudo que nos resta obedecer. Você sabe que Sesshoumaru coloca o clã acima de tudo e isso o faz o melhor dos lideres. Miroku e Inuyasha saem da reunião. E os soldados pouco a pouco foram saindo.

 

Quando Rin viu que não avia ninguém saiu de traz da pilastra pensando que estava segura andou tranquilamente, mas foi só dar um passo pra sentir seu corpo ser puxado e jogado contra a parede. Fazendo ela ficar cara a cara com ele..........


Notas Finais


brigado pelos comentários amo vcs bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...