História Deuses de Eldarya. - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, Eldarya
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Debrah, Dimitry, Ezarel, Iris, Jade, Kentin, Keroshane, Leiftan, Leigh, Lysandre, Melody, Mery, Miiko, Nathaniel, Nevra, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Rosalya, Valkyon, Viktor Chavalier, Violette
Tags Eldarya
Visualizações 458
Palavras 849
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


KKKKKKKKKKKKKK Desculpe o atraso na hora de mandar o ep.

Capítulo 26 - Beijos.


Ele me encarou chocado com minha grosseria.

Cara vai se foder , ele quer o que , que eu o trate com flores e chocolate.

- O que foi ? Esperava flores e chocolate , depois de dar uma de cuzão ? - Alex perguntou , eu acho que ele leu os meus pensamentos.

- Castiel saia - a Rosa disse irritada.

Ele ficou irritada , e veio até a mim e me puxou pelo braço com força.

- Me solta - pedi , mas ele estava me arrastando com força .

Fomos ate uma outra sala onde me soltou.

- Eu estava confuso , não sabia o que fazer - ele disse , parecia indeciso sobre o que falar.

- E agora a luza iluminou o seu caminho e você sabe o que faz , graças , AH! Vai se foder e me deixa em paz - disse com raiva.

Eu estou ficando com odio , odio da cara dele.

Me viro para sair.

- Espera , eu peço desculpas - ele disse me segurando.

- Que eu não aceito - falei o empurrando quando ele tentou me segurar.

- Por favor entenda o meu lado - ele pediu triste.

- Entenda meu lado ? Você tem problemas ? - perguntei com os olhos arregalados , ele não se enxerga - Sério , me deixa em paz - disse rispida.

Sai dali irritada . 

Eles tiraram o dia para me irritar , só pode.

- Liana - chamou o Nath .

Meu nome virou doce agora . Meu deus me deixem em paz.

- Sim ? - perguntei um pouco irritada e cançada.

- Posso falar com você ? - ele perguntou um pouco acanhado , ele parecia preocupado.

- Fala - disse calma , estava com o pouco de pena , por ele ter que aguentar o meu mal humor.

Ele não conseguia falar , parecia travado , serio o que deu neles hoje?

De repente ele me puxou e me beijou , seu beijo era firme , e ele explorava a minha boca com uma pericia que me assustava .

- A tempos que eu queria fazer isso - ele disse sorrindo , parecia mais feliz.

- Nathaniel ? - perguntei ainda assustada .

- E Nath pra você , nos vemos outras vez - ele disse sorrindo.

Mas na verdade , ele parecia que ia morrer de vergonha de tão vermelho que estava.

Ainda estava parada surpresa , quando ouvi um barulho melodico de um piano , suas notas eram tristes.

Fui atrás do som , e me vi de cara com o Lysandre tocando.

Eu parei e começei o admirar , ele percebeu a minha presença e parou de tocar.

 - Que lindo não sabia que você tocava - disse sorrindo .

- Sim , ha varias coisas que você não sabe sobre mim , te garanto que quando você voltar terei o prazer de te contar todas elas - ele disse sorrindo .

Cara , ele é muito charmoso.

Ele se levanta do piano e me beija em seguida , depois sai.

Tô chocada.

- Liana - Nevra disse se aproximando.

Parece que eu fiquei parada aqui por muito tempo.

Mal me recuperei do beijo e já tinha outro cara.

- Queria que soubesse que vou fazer tudo o que eu puder para te ajudar - ele disse me abraçando.

- Obrigada - sussurrei aproveitando o abraço.

- Sentirei saudades , e farei de tudo para te tirar das garras do Dake , e quando puder irei te visitar , eu te amo - ele disse naturalmente.

Chocada pra caralho.

- O que ? - perguntei estridente.

- Eu te amo - ele repetiu de vagar.

Ele me beijou fortemente , sua boca exigindo a minha.

- Agora tenho que apresentar alguns papeis em sua defesa - ele disse e me beijou de novo.

Ele me ama ? Que porra é essa ?

Caralho 3 beijos em menos de 30 minutos ? Preciso anunciar mais vezes que vou partir .

Eu acho que estou com um sorriso besta no rosto.

Olhou para o lado e aparecem um buquê enorme de flores em cima do piano com um bilhete do lado, nele dizia : De Jade , pra Liana , com amor.

Ah Jade é um fofo.

- Liana - me chamou Ken.

Cara namoral , quantas vezes eu ouvi meu nome hoje ?

- Sim ? - perguntei sorrindo.

- Soube que vai se mudar hoje , irei sentir saudades - ele disse e me abraça .

Ele se vira pra ir embora.

Sem beijo ? 

Ele muda de ideia e me beija, depois sorri e sai.

O Alex vai me matar , eu beijei seu homen.

Sinto alguem me puxar e em seguida sou beijada .

Armim.

- Armim ? - perguntei assustada .

Até ele ?

- Pensei que fosse uma convenção de beijos , então vim garantir o meu , até mais - ele disse e saiu.

Cara qual é o problema deles ?

Alguém mais quer me beijar ?


Notas Finais


E ai o que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...