História Deuses de Eldarya. - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, Eldarya
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Debrah, Dimitry, Ezarel, Iris, Jade, Kentin, Keroshane, Leiftan, Leigh, Lysandre, Melody, Mery, Miiko, Nathaniel, Nevra, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Rosalya, Valkyon, Viktor Chavalier, Violette
Tags Eldarya
Exibições 97
Palavras 1.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Quem vai no show do bts ano que vem ?
Eu não
I AM CRY.

Capítulo 30 - Psicologo .


- Nevra - falei o puxando .

Como ele age assim ? Como se eu não estivesse aqui ?

- Armim eu vou ao seu quarto ás nove , tchau - disse apressada.

Sai de lá puxando o Nevra pela sua roupa .

Tapado.

- Isso é tudo ciúmes ? - ele perguntou parando de repente.

Ele estava sorrindo , se divertindo com aquela situação.

- Cala a boca , você diz que me ama mas fica em cima daquela garota - falei nervosa.

- Quem ? A Vilu ? Nós só somos amigos - ele disse sorrindo .

Ta defendendo ela agora?

- Amigo de cu é rola , e mesmo assim ele só se fode , cuidado com o que você fala , escutou ? - perguntei seria .

- Acho que não precisa se preocupar , eu te amo - ele disse sorrindo.

- Cala a boca , me leva a sala do Valkyon , que já não estou de bom humor - disse rispida .

Ele concordou ainda sorrindo , pegou na minha mão e me puxou .

Aí que raiva , droga , caralho , porra.

Fazia tempo que eu não xingava tanto assim .

A sala do Valkyon tinha uma enorme porta de oura maciço .

- Humilde da parte dele - comentei amarga .

- Alerta de mal humor - disse o Nevra rindo.

- O mal humor que você me causou - disse com raiva.

- Se você parasse - ele tentou argumentar , mas aquele sorriso besta no rosto dele estava me dando nos nervos.

- Tá , tá , abre a porra da porta logo - ordenei.

Ele sorri , e abre a porta .

Tenho razão essa porta não só parece pesada , ela é pesada .

O Valkyon estava sentado imponente  em uma cadeira atrás de uma enorme mesa.

Sempre com seu estilo fodão.

- Obriga por ter trago ela ate aqui , mas você já pode ir Nevra - ele disse nos olhando.

Misterioso.

- Por que você quer ficar sozinho com ela ? - Nevra perguntou ameaçador.

Imagine se eu e o Nevra fossemos uma casal ? Seriamos dois obsessivos cheios de ciumes .

- Não te interessa agora saia - o Valkyon disse direto.

Nossa que gratuito , essa doeu em mim .

O Nevra estava pronto para responder.

- Depois eu te conto - disse sorrindo.

Ele ficou com raiva , mas finalmente depois de muita resistência ele sai.

- O que foi ? - perguntei mais feliz.

Finalmente o Nevra tirou aquele sorriso besta do rosto.

- Tenho uma proposta para você - ele disse serio.

- Qual seria ? - perguntei interessada.

- Eu estava pensando em ser o seu psicologo - ele disse sorrindo.

- Como assim ? - perguntei sem entender nada .

- Você trás varias amarguras consigo , quero que confie em mim e me conte tudo o que esta pensando - ele disse me encarando.

- Como saberei que isso não é uma cilada ? - perguntei desfiada .

- Faremos um acordo , use sua magia sobre mim , seu melhor encanto , mas segure esse pedaço de cristal - ele falou e em seguida pegou um cristal vermelho que ele tinha na mesa do seu escritório.

- O que tem ele ? - perguntei olhando para pedra , me parecia uma coisa qualquer , sem muita importancia.

- Seu poder aumentará , que nem mesmo um deus como eu , poderá quebrar - ele disse firme.

- Mas assim eu poderia - disse sem concluir a frase.

- Me destruir ? Sim , mas estou te dando um voto de confiança - ele disse confiante.

- Por que isso ? Tão de repente ? - perguntei seria.

- Não sei , mas só sei que quero que isso ocorra então ? - ele perguntou sorrindo simpaticamente .

Ele sempre foi honesto nos acordos que me propoz , acho que posso confiar nele.

- Aceito - disse sorrindo.

Ele me deu a pedra , e eu a peguei .

Ela brilhou , eu pude sentir o poder dela nas minhas mãos.

- Eu dito as regras ? - perguntei sorrindo.

- Sim - ele respondeu.

Pensei um pouco e disse:

- A partir de hoje , tudo o que comentarmos sera segredo , você esquecerá de tudo o que fez aqui dentro quando não estivermos conversando.

O cristal brilhou , e alguns simbolos surgirão na mão do Valkyon , o simbolo da nossa promessa.

Devolvi o cristal para ele.

- Fique tranquila que a partir de hoje tudo o que você me contar não pesará como julgamento - ele disse sorrindo.

- Então você será meu confidente ? Meu melhor amigo ? - perguntei pensando nas possibilidades .

- De certa forma sim - ele concordou.

- Quando começará nossa terapia ? - perguntei .

- Amanhã , agora vá , o Nevra esta quase invadindo essa sala - ele disse , parecia cansado - Ah ! Não conte nada para o Nevra - ele ordenou.

- Essa é uma ordem ? - perguntei o desafiando.

- Por favor - ele completou.

- Melhor assim - disse - Pode ficar tranquilo não falarei nada pra ele.

Ele concordou , e começou a mexer em alguns papeis , aproveitei a deixa e sai.

O Nevra estava que nem um cão de guarda.

- Como foi lá ? - ele perguntou agitado assim que me viu.

O que ele esconde pra ter tanto medo assim do Valkyon eim ?

- Sobre eu me comportar na escola - disse dando de ombros.

- Então por que ele me pediu pra sair ? - ele perguntou desconfiado.

- Por que você é muito irritante - disse rindo.

E isso não deixa de ser verdade.

- Isso não tem graça - ele bufou irritado.

-tem sim - disse rindo ainda mais.

- Sobre a visitar  quarto do Armim ? - ele perguntou sorrindo.

- Não vou mudar de ideia - disse firme.


Notas Finais


Queria perguntar uma coisa :
Vocês gostam de personagens sombrios ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...