História Deuses entre nós - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Ação, Aventura, Deuses, Drama, Fadas, Fairy Tail, Fantasia, Gale, Monstros, Nalu, Romance
Exibições 324
Palavras 658
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Shounen, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Enfim, quinto capitulo e ja chegamos a 20 favoritos, vocês são demais, muito obrigado por isso, e muito obrigado pelos comentarios!!
Agora fiquem com esse Capitulo novo em folha pra vocês, tenham uma ótima leitura!!

Capítulo 5 - Proteja nossa filha.


Capitulo 5- Proteja nossa filha.

 

 

 

Terra-

 

Magnólia-

 

 Jude e seus companheiros chegam a vila do Sol, como esperado, os moradores ainda não se recuperaram do ataque da fera.

-meu Deus... – Jude ficou espantado com tamanha destruição, Casas foram destruída, pessoas mortas no chão, todas tinha alguma parte arrancada de seu corpo, outras tinha garras em seus corpos.

 A vila perdeu metade dos seus Habitantes, inclusive Ulises, amigo de Jude.

-Vamos, temos que ajudar a remover os corpos, e ajudar os habitantes que sobreviverem- Jude ordena aos seus companheiros.

 

 Dois dias se passaram, mais de 20 corpos foram enterrados, Jude estava a frente do tumulo onde Ulises foi enterrado.

-Descanse em Paz meu amigo. - Jude deixa rolar uma lagrima,Ulises era muito amigo de Jude.

 No caminho de Volta a pousada em que estava, durante a viajem, Jude sentiu algo em seu peito. Era aproximadamente, final de tarde, o sol estava se pondo.

- que mal pressentimento é esse?- Jude desce de seu Cavalo, e amarra ele em um poste.

 Entrando na pousada, Uns dos Companheiros de Jude, O chamou desesperado.

-JUDE!! Jude, ainda bem que você chegou, temos que voltar imediatamente!!

-Se acalme Yory, o  que Aconteceu?

-Senhor, nossa vila também foi atacada !!!- Nesse momento Jude arregalou seus olhos, medo tomou conta de Jude.

-OQUE?! OQUE ESTÃO ESPERANDO, PEGUEM SEUS CAVALOS, VAMOS PARTIR AGORA!!!!!-Jude gritou e Todos os outros tomaram seus cavalos, e jude também, assim partiram as pressas para Magnólia.

 Enquanto corria, Jude rezava aos Deuses, para que nada acontecesse a sua Família, O Arrependimento,por ter deixado sua vila desprotegida tomou conta de si,Jude acelerava seu cavalo,cada vez mais que pensava.

 Chegando na vila, desceu do cavalo e correu entre as casas destruídas, entre corpos no chão, suas lagrimas escorriam sem Parar, Chegando em frente a sua casa, pode ver totalmente destruída.

-NÃO!!- Jude entrou na casa, procurando sinais, que sua família poderia estar viva, mas nada foi encontrado, seu choro aumentou. Jude estava de joelhos chorando, mas ouviu uma voz fraca:

-Papai...- Nesse momento Jude começou a procurar de novo, e em baixo de algumas madeiras, encontrou, Layla, caída com sua barriga rasgada pelas Garras da Fera, em baixo uma portinha, onde Layla escondeu A pequena Lucy.

-LAYLA!!

 Jude tomou Layla em seus braços,vendo que ainda estava respirando, tentou acorda-la.

-Layla,por favor...acorde...não nos deixe..- Jude dizia enquanto chorava, logo viu Layla abrir seus olhos.

-Jude....nossa....filha....como...ela...esta..-Layla dizia dificilmente, tossia sangue a cada palavra dita.

-Ela esta bem,Layla, você a salvou, você...a salvou..-Jude não aguentava,em ver sua amada esposa daquele estado, o Machucava por dentro.

-Meu...bem....proteja...nossa...filha....- Layla, não aguentava,mas se forço a passar sua mão e carinha o rosto de seu marido.

-Me desculpe...Layla...me desculpe...por não estar aqui, pra proteger vocês duas...me ..desculpe....- Jude segurou a mão de layla, enquanto suas lagrimas caiam.

-Não se desculpe....eu te amo...meu amor...proteja..nossa filha...eu acredito em você...eu..te amo..- Layla com todas sua força que lhe restava, beijou Jude com todo amor e carinho, Jude retribuiu com Amor, Logo depois de se separar, Layla sorriu e fechou seus olhos.

-Layla...por favor...não...não me nos deixe...Layla....

 

Layla....

 

 -papai...- um choro da pequena Lucy, foi ouvida por Jude.

Jude despertou de seu choro, tirou Layla de seus Braços, e abriu a pequena passagem, e tirou A pequena Lucy do buraco.

 

 Jude abraçou sua Filha que estava chorando baixinho, Logo secou suas próprias lagrimas e encarou sua filha.

-Minha filha...que bom que você esta bem...venha. – Jude pegou a pequena pra fora, saiu da casa E encontrou seus amigos no lado de fora, Jude colocou A pequena Lucy nos braços de Yori, e voltou para pegar o corpo de Layla.

 

 

 

 

 

 

 

 

Dois dias depois.

 

‘Layla Heartfilia’

‘- 672 / 707-‘

Aqui Jaz, Mãe e esposa querida, e amada.

 

 Jude e sua filha estavam à frente do tumulo de Layla, em silencio, Jude não demonstrava nenhum sentimento, seu rosto era deu um Homem Triste. A pequena Lucy chorava, com uma das rosas que sua mãe cuidava em suas mãos.

 


Notas Finais


Ainda hoje sai mais um, não deixem de comentar oque acharam, até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...