História Devaneios de uma mente solitária. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Taetaebeta
Exibições 147
Palavras 338
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


b o a l e i t u r a

Capítulo 1 - Vida.


Vida

 

 

 

 

Só de pensar nessas pessoas a vida me parece tão desesperada de se viver que eu desisto da ideia de continuar.

Mas uma coisa eu sei, não quero me tornar vazio, assim como as pessoas de meu cotidiano.

Não quero usar outras pessoas para preencher-me, eu mesmo quero poder me preencher sem precisar de ninguém, absolutamente ninguém.

Não quero rotular pessoas e não quero ser rotulado. Não quero ser como todos.

Mas quando a ideia de ter uma vida longa e comum invade minha mente e se fixa em meus pensamentos, eu choro. E não existe nada que me faça parar de chorar, porque viver me deixa tão angustiado. Mas não sei como acabar com tudo isso. Eu não quero morrer, mas não quero de forma alguma viver, eu só quero dormir durante cinco anos sem ninguém pra conversar ou falar, somente eu e eu. Um silêncio longo e duradouro, um silêncio bom.

Não quero pessoas me dizendo o que fazer e como viver, droga! Eu sei como errar sozinho, não venha me ensinar o que eu mais sei.

Eu não quero sair, não quero conversar com pessoas que vejo todo dia, pois elas me deixam nervoso agindo como se me conhecessem e querendo dar suas malditas opiniões para mim; coisa que eu sequer pedi! Parem de querer opinar tudo.

Eu quero sair e gritar como viver é horrível e como eu estou aprisionado dentro de mim mesmo e estou morrendo.

Quando o pensamento de que logo terei que ir a escola chega, eu choro. Eu choro e choro e choro e choro. E eu não consigo parar. E a angustia se prende a mim. Droga! Não me faça conviver com pessoas, são elas que me deixam assim.

É tão horrível ter que ir a outros lugares. Eu só quero ficar na minha casa, por favor, não me obrigue a sair. Eu não consigo. Não estou pronto.

 

 

 

 

 

Sinto que se eu não dormir quando esses pensamentos me atormentam, eu posso ficar mais louco do que já sou.


Notas Finais


sla
zzz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...