História Devil Boy | BTS - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Hoseok, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Namjin, Namjoon, Seokjin, Taehyung, Taeseok, Vhope, Yoongi, Yoonseok, Yoontaeseok, Yoonv
Visualizações 122
Palavras 456
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - 0.8 - Only happens to me


~ 🎵 ~

I've been waiting for all my

We're blazing high, smoke fill the night

I'm gasoline, you're fire

Oh, you're burning me down

Light my body up

~ 🎵 ~

- Hobi! - A voz doce de Tae exclamou por mim, e então, eu me virei.

Ele sorria, mas seu sorriso desmanchou assim que me virei.

- O-oi, Tae. - Aquela marca em meu pescoço estava tão clara assim?

- Quem fez isso? - Disse num tom irritado e exigindo uma resposta. - Fale logo!

- T-Tae, e-eu-- - Não deu tempo de responder, ele me prensou contra a parede do banheiro e inalou o meu cheiro.

Seus dedos agarraram meu cabelo com certa força, puxando minha cabeça para trás e expondo meu pescoço.

- O que ele quer? Marca território de quem já tem dono? - Riu sarcástico, roçando seus lábios sobre minha pele onde ainda não tinha marcada. - Você vai me deixar fazer isso, não vai? Eu não estou afim de bancar o anjinho mal, você sabe que eu não gosto. - O tempo pareceu parar mais uma vez, e quando eu notei, minhas coxas prensavam a cintura de Tae.

Ele apertava-me fortemente contra si enquanto me marcava como queria. Eu continha meus gemidos com bastante força, tentava não ceder tão fácil, tentava não me mostrar fraco.

Mas acho que já era tarde demais para isso.

- Eu quero que mostre para ele, quero que exiba à vontade essa marca; a única coisa que eu não quero, é ter que ver você se submeter à ele. - Tae me deixou em pé novamente, mudando de personalidade.

Ele acariciava meu rosto enquanto falava o quanto se importa comigo e como só quer meu bem.

Mas eu não consigo acreditar, tanto nele quanto em Yoongi.

- [...] Eu não vou esperar mais tempo para te ter para mim, será está noite e não! - Me calou antes que eu pudesse retrucar, colando nossas testas. - Não diga ''não'', para de se fazer de difícil, nós sabemos o quanto você quer isso, mas apenas fica esperando um de nós dois dar o primeiro passo, não é verdade? - Fiquei sem argumentos, e isso me fez me encolher. - Você não sabe como me deixa excitado com essa sua carinha angelical, isso com certeza seria uma pena se eu te fizesse apenas meu, não é? - Riu afiado.

- T-Tae, e-eu tenho medo de me machucar. - Suspirei, sentindo nossos lábios roçarem.

- Eu prometo... - Ele guiou minha mão até sua ereção, me fazendo aperta-la, e logo, minha mão a apertava sozinha. - Não irei te machucar.

Eu engoli à seco.

Tão grande e não irá me machucar?

Aish, por que isso só acontece comigo?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...