História Devoção (HIATUS) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ian Somerhalder, Vanessa Hudgens
Personagens Ian Somerhalder, Vanessa Hudgens
Tags Ian Somerhalder, Jennifer Lopez, Mistério, Nova York, Paixão, Paris, Perrie Edwards, Romance, Sexo, Tom Holland, Vanessa Hudgens
Exibições 78
Palavras 1.233
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii amores, capitulo novo.

Boa Leitura

Capítulo 11 - Conhecendo a sogra


Fanfic / Fanfiction Devoção (HIATUS) - Capítulo 11 - Conhecendo a sogra

Vanessa P.O.V

Eu estava frente a frente com a minha sogra, uma mulher que até a onde eu sabia estava internada em uma clinica de reabilitação. Ela era muito bonita, eu fiquei imaginando como seria o pai de Ian. Agora eu sei de onde ele deve a quem puxar na beleza. Eu estava parecendo uma criança com medo, não sabia o que dizer pra ela. Ela só ficou parada de pé na minha frente me olhando.

Jennifer – Então você é garota que conseguiu conquistar meu filho. –

Vanessa – Sim. É um prazer conhecer a senhora. –

Jennifer – Senhora só no céu, pode me chamar de Jennifer. –

Vanessa – Okay desculpa, Jennifer. –

Jennifer – Ótimo. Ela é linda Ian, escolheu bem. –

Ian – Você não estava de saída? -

Jennifer – Você viu expulsando a própria mãe. Eu já vou indo sim, ainda quero ir ver o Tom. –

Ian – Ele esta em Londres –

Jennifer – Não esta mais, eu liguei pra ele. Agora ele esta vindo me ver. Eu também peguei um quarto em um hotel luxuoso, coloquei no seu nome. –

Ian – Tudo bem, avise quando ele chegar. –

Jennifer – Adorei te conhecer Vanessa, vamos sair qualquer dia para tomar um café e se conhecer melhor. –

Vanessa – Claro. –

Eu fiquei olhando ela sair da sala, realmente aquela mulher era linda. E aquele cabelo perfeito? Nem parece que ela saiu de uma clinica de reabilitação de usuário de drogas. Eu me sentei numa cadeira de frente pro Ian.

Vanessa – Foi por causa dela que voltamos mais cedo? -

Ian – Sim. Ela não deveria estar aqui. –

Vanessa – A onde ela deveria estar então? -

Eu queria que ele confiasse em mim, eu acabei de conhecer a minha sogra, então ele já pode me contar que ela estava internada.

Ian – Eu não quero te encher com assuntos bobos. –

Vanessa – Achei que fosse sua namorada, que iriamos dividir as coisas. –

Ian – É complicado. –

Vanessa – Eu te contei o meu pior segredo. Você não consegue nem dizer que sua mãe estava numa clinica de reabilitação. –

Ian – Como você sabe disso? -

Vanessa – Eu vi os documentos em cima da sua mesa enquanto estávamos em Paris, eu resolvi não dizer nada esperando que você fosse me contar. Eu já tenho que ir, depois agente conversa. –

Ian – Não quer conhecer a sua sala? -

Vanessa – Deixa para outra hora. –

Peguei minha bolsa e saiu andando. Sera que ele é o homem que imaginei, eu ainda não o conhecia totalmente. Só passamos duas semanas em Paris, em uma mansão sozinhos e fazendo sexo. Enquanto eu contei pra ele o meu pior segredo que nem a minha melhor amiga sabe, ele não diz nada sobre ele. Aquele homem era cheio de mistérios mais eu vou descobrir cada um deles. Peguei meu celular e mandei uma mensagem para Jennifer, perguntando se ela não queria tomar um café comigo agora.

.............

Estava na minha cafeteria preferida esperando por Jennifer. Eu estava nervosa, não sabia nem o que conversa com ela. Então eu a vi entrar, o vento batendo naqueles cabelos perfeitos fazendo os voar em câmera lenta. Ela sentou na mesa que eu estava e tirou os óculos escuro.

Jennifer – Que bom que me ligou, achei que o Ian iria fazer sua cabeça para ficar longe de mim. –

Vanessa – Ele não manda em mim. –

Jennifer – Mulher de opinião, eu gosto disso. –

Vanessa – Quer pedir um café? -

Jennifer – Não obrigada. Eu prefiro um suco de laranja. –

Eu chamei o atendente e pedi um suco de laranja para Jennifer, ela ficou me olhando fixamente como se soubesse por que eu chamei ela para conversa.

Jennifer – Você já deve saber a onde eu estava. –

Vanessa – Sim, eu sei. –

Jennifer – Depois da morte do pai do Ian meu chão caiu. Eu fiquei depressiva, tentei me matar varias vezes. Entrei no mundo das drogas, quase fiz minha família falir. Ian tem vergonha de mim, eu não o culpo. –

Vanessa – Ian me disse que o pai dele morreu em um acidente de carro. –

Jennifer – Sim. Ela estava indo para a empresa quando um caminhão bateu nele. Ele não deve nem chance, o carro explodiu com ele dentro, fazendo ele queimar vivo. –

Vanessa – Nossa, eu sinto muito. –

Jennifer -  Já faz dez anos e ainda é muito difícil. –

O suco dela chegou, ela bebeu um leve gole do suco. Passou as mãos pelos cabelos e deu um sorriso. Meu deus era o mesmo sorriso que o Ian dava. Aquele sorriso sexy altamente diabólico. Não sei por que mais aquilo fez sentir tesão.

Jennifer – Como conheceu o Ian? -

Vanessa – Ele me contratou, eu trabalhava em uma outra empresa. Ele gostou dos meus serviços e me contratou para ser sua assistente sênior em Paris. –

Jennifer – Conhecendo bem o meu filho, vocês devem ter feito mais coisas, além de trabalhar. –

Aquilo me fez ficar com vergonha, falar sobre fazer sexo com o Ian com a mãe dele isso era vergonhoso. É igual quando sua mãe pergunta se você já fez sexo com seu namorado e explica a importância da camisinha. Eu dei um sorriso para tentar disfarçar.

Jennifer – A onde você mora?  -

Vanessa – Eu moro em um apartamento com a minha melhor amiga. –

Jennifer – Sabe Vanessa eu gostei de você, diferente das vadias que meu filho já transou que só estavam interessadas nos dinheiro dele. Você é diferente, alguma coisa em você me fez percebe que não esta com o Ian por causa do dinheiro. Você realmente ama o meu filho. –

Vanessa – Sim eu amo. Eu tentei evitar no começo, mais foi impossível. Não consegui resistir. –

Jennifer – Eu te entendo, meu filho é lindo. Qualquer garota iria querer ele. –

O celular dela começou a tocar, ela atendeu e começou a conversa. Pelo jeito que a conversa ia indo parece que o outro filho dela chegou em Nova York o Tom irmão de Ian. Eu queria conhecer ele, na verdade eu queria conhecer logo toda a família dele.

Jennifer – Eu preciso ir agora, meu outro filho acabou de chegar. Faz tempo que eu não vejo ele. –

Vanessa – É claro, foi ótimo conversa com você. –

Jennifer - Agente ainda vai ter muito o que conversa.

Ela pegou sua bolsa colocou os óculos e saiu andando, ela tinha uma bunda grande. Como aquela mulher tinha aquele corpo¿ Ela usou drogas, ela deveria ser horrorosa. Cabelos feios e um corpo seco de doente. Mais não tinha um corpo melhor que o meu. Ela devia ter um tratamento vip na clinica.

.........

Eu cheguei no meu apartamento, tirei meus sapatos e me joguei no sofá. Perrie saiu do quarto dela e se sentou comigo.

Vanessa – Eu conheci a minha sogra. –

Perrie – Como foi¿ Ela é uma bruxa? -

Vanessa – Não. Ela é super legal, ela disse que me adorou. –

Perrie – Toma cuidado, as sogras são que nem cobrar. Elas esperam para dar o bote. –

Vanessa – Ela não parece ser esse tipo de sogra. Sei lá, é complicado. –

Perrie – Entendo, e ai o Ian vai vim aqui hoje a noite? -

Vanessa – Não. –

Perrie – Porque? -

Vanessa – Eu não convidei ele. –

Perrie – Nossa Vanessa. –

Vanessa – Eu estou brava com ele. Eu contei um monte de coisas sobre mim e ele não consegue nem dizer que a mãe dele estava numa clinica de reabilitação.-

Quando eu percebi eu já tinha falado, droga Vanessa você não consegue ficar de boca fechada. Eu me levantei do sofá e fui pro meu quarto e tranquei a porta.

To Be Continued


Notas Finais


Comentem o que acharam :)

Trailer da fanfic: https://www.youtube.com/watch?v=s00QP_qgjPk&feature=youtu.be


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...