História Diabolic - YoonSeok - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jhope, Sope, Suga, Yoonseok
Visualizações 413
Palavras 688
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Slash, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Papai gosta dos cavalos


Fanfic / Fanfiction Diabolic - YoonSeok - Capítulo 11 - Papai gosta dos cavalos

Hoseok e Jimin estavam na única clínica de saúde de Daegu. Uma mulher que aparentava ter uns 40 anos, saiu de uma sala.

- Vocês devem estar esperando certo? – Ela perguntou.

- Acho que ele chegou primeiro...– Jimin disse apontando para o garoto na sala de espera, que parecia ter algum problema mental.

- Ah não, o Youngjae está sempre aí, ele é meu filho. – Disse e sorriu.

- A quanto tempo você mora aqui? – Hoseok iniciou.

- Nasci e fui criada aqui. Sou a única médica da ilha.

- Então deve conhecer os Min e seu filho. Sabe, eu andei tendo visões e de alguma forma eu acredito que tem haver com o filho dos Min – Hoseok disse e a mulher desfez o sorriso.

- Vamos lá para fora.

                             [...]

- Ela queria um filho mais do que tudo. Tentaram por anos, mas… às vezes não é pra ser. Então no inverno eles viajaram e voltaram com Yoongi. Eles o adotaram. Não disseram como. Só disseram que a mãe morreu no parto. Mas eles tinham o filho, os cavalos, tudo estava indo bem. Até que ChaeRin me procurou, dizendo que tinha visões, que só aconteciam perto de Yoongi. – Contou. Hoseok ficou pasmo por conta do nome “Yoongi”.

- E eles levaram Yoongi para um Hospital, ele tinha alguma coisa? – Jimin indagou. A médica abaixou o olhar e olhou para seu filho.

- Quando YoungJae nasceu, sabíamos que ele tinha alguma coisa. Mas continuamos a amá-lo. Dá trabalho sabia? Certas pessoas não conseguem.

- O que aconteceu com ela?

- Eu a recomendei um Hospital Psiquiátrico. Imagino que ainda esteja lá. – Respondeu e tomou mais um gole de seu café.

- Sabe o que aconteceu com ela? Como pode não saber?

- Passamos por momentos difíceis por aqui. Invernos rigorosos, poucos peixes, pesca fraca… Isso foi antes dos cavalos. Desde que o garoto foi embora tudo melhorou.

                          [...]

- Fique aí, Chim. Não quero que aconteça algo. Ah e, ligue para Jeongguk, pergunte a ele se ele conseguiu alguma coisa. – Hoseok terminou de colocar seu casaco. Era noite e iria para a casa do Sr. Min, de novo.

Saiu do Hotel e foi andando até a casa do Min, com uma lanterna em mãos. Bateu na porta e ninguém atendeu-o, porém a mesma estava aberta.

- Sr. Min? – Chamou-o mas ele não o respondeu. Ousou a entrar na casa e ir para a sala de troféus de ChaeRin. Abriu uma porta que tinha lá, se deparando com aquele espelho. Num canto tinha uma televisão. E uma caixa. O Jung se agachou ao lado da caixa e pegou um papel.

“Certidão de nascimento (...) Min (...) Yoongi”.

Pegou outro papel e se assustou com a traça que pulou para o chão. Olhou para a tv e para o reprodutor de fitas. Tinha uma fita lá. Colocou-a para reproduzir.

Era um vídeo.

Yoongi estava no vídeo.

Com seu vestido branco.

Dentro de um quarto branco. Parecia que havia sido filmado por uma câmera de segurança. Yoongi andava de um lado para o outro.

“Essa é a fita 047666 de Min Yoongi de 14 horas.”

“Muito bem, muito bem. Então, o que faz você ficar acordado? Até que dormiu por uma hora. O que você sonha?”

“...”

“Yoongi?... Okay, vamos falar das imagens. Como é que você fez?” Perguntou mostrando um raio x com imagens estranhas.

“...Eu não… Faço elas...Eu vejo elas. E aí, elas aparecem”

“Yoongi, eu quero que fale a verdade, está bem?”

“Posso ver minha mãe?”

“Não Yoongi, só quando sabermos o que há de errado com você”

“Eu gosto da minha mãe”

“Gosta sim. Mas você não quer mais machucar sua mãe não é? Você não quer machucar ninguém”

“Mas machuco, eu sinto muito, isso não para”

“Por isso que você está aqui, eu vou te ajudar a parar com isso”

“Ele vai me deixar aqui”

“Quem?”

“Papai”

“Eles só querem ajudar”

“O papai não”

“Ele gosta de você”

“Papai gosta dos cavalos, ele quer que eu vá embora”

“Não, ele não quer”

“Mas ele não sabe”

“Ele não sabe o que?

“...”

“Yoongi…”

A fita acabou.


 


Notas Finais


A fanfic está mais ou menos na reta final.
Nada a declarar sobre o capítulo
Comentem bolinhos!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...