História Diabolical love(interativa) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Carla Tsukinami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Yui Komori, Yuma Mukami
Visualizações 21
Palavras 1.369
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Harem, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Sakura.


Nome: Sakura Harumi

Apelido:Neve- Dado por sua avó no dia de seu nascimento, hoje em dia a velhinha já se encontra falecida, mas Alaska sempre gostou desse apelido por combinar com a mesma.

Lobinha- Por sempre ajudar o pai na caça, seu pai lhe deu esse apelido a comparando com lobos, por conta de sua agilidade.

4 Olhos- Não é bem um apelido e sim uma zoação, a mesma já ouviu muito desse apelido quando pequena, claro, inocente acabava aceitando sem nem mesmo saber o que se passava, mas agora se a mesma ouve, acaba dando uma resposta afiada que foi até na alma.

Blueberry- Por a fruta nascer nas árvores de sakura, ela é chamada assim por conta de seu nome, muitas vezes Ayato brinca com esse apelido.

Haru- Apelido pego de seu sobrenome.

Par:Ayato Sakamaki.

Personalidade:Sakura quando pequena era uma garota alegre e divertida, dificilmente era possível de vê-la parada em algum canto ou mal-humorada, mas hoje em dia é dificil de arrancar seu belo sorriso, ela acabou amadurecendo muito nova e a cada dia que crescia percebia a situação que se encontrava, acabou perdendo o encanto com as brincadeiras e começou a estudar mais do que poderia, perdendo suas noites de sonos para conseguir tirar uma bela nota e poder ter dinheiro no futuro para ajudar sua família, Sakura ainda caçava, mas não era apenas com seu pai, era sozinha ou com alguns colegas da escola que sempre a zuavam por ser uma nerd, mas claro calavam a boca após ver suas habilidades na caça, diferentes deles que nem conseguiam segurar um arco, mesmo tendo um QI alto ela é mais teimosa do que um cão, sempre deixando de comer ou dormir, não porque quer, mas por ter medo do escuro e acabar comendo em hora errada (escondido), Sakura ama subir nas árvores e sentir a brisa do inverno ou até mesmo da primavera em seu rosto, observando o sol nascendo é impossível de não sentir uma paz no corpo.

Sakura é curiosa? claro isso não sumiu quando pequena, apenas sabe descobrir as coisas pesquisando com cada pessoa e se escondendo o máximo (mini-ninja), é dificilmente vê-la triste, apenas com um ar sério em seu rosto, mas não com uma cara de quer matar alguém, mas se sua paciência acabar ela sabe muito bem usar as palavras e pode acabar soltando palavras de baixo calão o que é difícil de se ouvir através da mesma, acabando dando espanto e medo para quem a conhece, dificilmente se descobre seus segredos e sua vida, apenas sabendo que tem uma pequena irmã que a mesma a ama muito e seus pais que lhe dão forças todos os dias para levantar, quando megamente alegre é possível de ver o maior sorriso que a mesma dá, o que é difícil de ver, e claro a mesma até mesmo canta e dança escondido, Sakura odeia demonstrar sua vergonha, apenas sabem por conta de suas bochechas brancas  ficam rosadas do nada, a mesma morre de vergonha em falar em público, nem mesmo por telefone ela consegue, claro ela irá falar com as pessoas normalmente, mas algo que seja importante ou para um desconhecido é bem difícil da mesma falar sem gaguejar, já chegou a socar paredes para tirar o avermelhados do rosto e sentir mais dor do que vergonha, e falando em dor, quando triste é difícil de ver, mas Sakura faz o máximo para esconder sua tristeza e apenas soltar sua angústia em seu quarto isolada de todos, odeia se sentir inferior aos outros, não que ela seja superior, mas sabe como é esse sentimento e acaba soltando umas belas verdades para aqueles que se acham o soberano de todos.

Sakura é uma inocente em questão do amor, nunca sentiu essa emoção e sente-se como se fosse uma pequena febre por sempre acabar se queimando de vergonha perto de seu amor, claro curiosa por saber o que é isso ela irá tirar suas dúvidas, mas ficaria meio perdida por não saber o que fazer, e claro quando for dar seu primeiro beijo um modo diferente irá despertar, uma garota atrevida e cheia de amor pode acabar surgindo em meio a quatro paredes, mas não será idiota para demonstrar essa sensação, apenas ficará vermelha quando o par lhe falar algo extremamente pervertido cochichando em sua orelha em meio a multidão, mesmo ela sendo um pouco grossa e rígida ela tem um bom coração, não é porque se tornou responsável que não dá risada ou não é feliz, claro é meio impossível sorrir sabendo que está morando em um lugar sujo e ruim, Sakura não queria perder a energia que a mesma tinha, mas muitos a consideram como uma irmã mais velha ou mãe, por sempre proteger aqueles que ama, independentemente de sua situação a mesma não irá ligar para si, ela pode ter perdido uma perna, um braço não interessa, ela irá sempre se preocupar com os outros

Rosto: Sakura é uma garota de aparência angelical, quem a vê nem lhe passa na cabeça que a mesma já matou um búfalo para sobreviver, Sakura apenas tem esse nome incomum por conta de sua beleza gélida, por ser bem branquinha seus pais sempre brincavam com a mesma fingindo que ela desaparecia na neve, o que é impossível por conta de seus belos cabelos negros, lisos naturais o que acabam a incomodando por sempre aparecer em frente ao seu rosto lhe atrapalhando principalmente nas caças.

Sakura tem um rostinho triangular o que a faz ter um nariz pequeno e uma boca bem fina, mas bem larga quando sorri o que a deixa bela, por conta de sua branquice é fácil de perceber quando envergonhada, por conta de suas bochechas se avermelharem automaticamente, suas orelhas são pequenas, mas com uma leve ponta, não são grandes e ficam sempre escondidos em meio aos cabelos, seus olhos são o que atraem os olhares, são grandes safiras azuladas cobertos por um óculos pequeno arredondado na cor vermelha e preto, a mesma apenas o tira, quando está prestes a dormir ou quando ia caçar, mas por conta do Bullying comprou lentes para por a hora que quiser.

-Corpo: Sakura é o famoso corpo de boneca, pesando 45kg, claro ela tem seios avantajados, mas não chegando a ser enormes e sim médios, mas mesmo assim acaba sendo ficando com vergonha dependendo das roupas que usa, seu quadril é levemente grande com uma bela cintura fina, sempre se mantém em forma por não gostar de ver seu corpo mole, ela é uma amostra viva de aceitação ao corpo, jamais fez algo no mesmo e nem mesmo quer fazer seja para aumentar ou diminuir.

Suas coxas são grossas acompanhando seus quadris, usando no máximo 40, pense em uma pele branca, sim é de Sakura, quando nua parece uma pequena boneca de porcelana, sem contar que quando se machuca o roxo que lhe fica, parece que estourou uma aveia, seus pés são pequenos, mas não igual de uma Barbie ou grandes iguais um gigante, usa 35,36, mas é quase impossível de ver seu pé, pois a mesma o odeia, o acha feio e gordinho, sempre está com um sapato fechado ou com meias, suas mãos são leves e pequenas, junto ao seu corpo de tamanho 1,60, mas tem unhas grandes sem nenhum enfeite e claro Sakura tem um pescoço não muito grande, proporcional ao corpo, sempre gelado e bem branquinho, uma única mordida ficaria marcada por um longo tempo. 

Estilo de roupas:Sakura não tem um estilo de roupa muito definido, tem dias que se veste igual uma militar, outros igual uma garotinha, mas o que ela ama é roupas mais sociais, ela se acha importante e bem confiante nessas roupas, claro que ama roupas confortáveis que deixe seu corpo bem leve, mas é raramente que usa esse tipo de estilo, principalmente quando vai dormir, não importa o que seja ela irá dormir no máximo com lingerie e uma blusa por cima, ou algo fino, mas Sakura sabe ser chique quando quer, impressionando várias pessoas com seus vestidos longos maravilhosos e decotados, pois ninguém acha que Sakura se veste igual uma princesa.


- é um prazer conhecer você, leitor, eu realmente espero que posamos nos dar bem, é, bem meu nome e sakura é, até amanhã ou, sei lá.


Notas Finais


Espero ter retratado bem a sua personagem, chinchila.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...