História Diamond - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Arrow, Os Vingadores (The Avengers), The Flash
Personagens Anthony "Tony" Stark, Barry Allen (Flash), Cisco Ramon, Clint Barton, Detetive Joe West, Dr. Bruce Banner (Hulk), Dra. Caitlin Snow, Felicity Smoak, Iris West, Loki, Natasha Romanoff, Nick Fury, Oliver Queen (Arqueiro Verde), Personagens Originais, Phillip Coulson, Steve Rogers, Thor
Tags Arrow, Flash, Os Vingadores
Exibições 15
Palavras 1.198
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um pra vocês, espero que gostem. Decidi que Izi vai ser a Emma Watson <3 Divirtam-se, comentem, digam o que estão achando e até!

Capítulo 2 - Eu estou voando


12 meses depois

Ouvi alguns apitos irritantes. Estranho, não estou conseguindo abrir meus olhos.
- Barry, vocês acham que ainda vale a pena? – Falou alguém
-Joe, ela pode ser uma meta-humana – Respondeu o outro
Pera, Barry e Joe? Eles são da família da Iris, eu realmente tenho que abrir meus olhos. Fiz o máximo de força que pude, mas quando abri meus olhos, me surpreendi. Eu estou voando. Olhei para os dois homens que estavam me olhando, aparentemente chocados. Quando olhei ao redor tudo estava flutuando também. Caí no chão com tudo, assim como todos os objetos que estavam flutuando.
- Ai – Falei passando a mão na minha cabeça – Será que dá pra alguém explicar o que tá acontecendo aqui – Falei ainda perplexa com o que havia acontecido agora.
Tentei levantar, mas no momento em que eu pisei no chão minhas pernas vacilaram, mas por incrível que pareça, não fui de encontro ao chão. Barry, que estava do outro lado da sala, magicamente me segurou antes que eu caísse.
- Olha, é uma longa história. – Disse Barry
- Olá, eu sou Caitlin – Falou uma mulher com jaleco vindo ao meu encontro – É bom saber que você acordou, você vai ter bastante tempo para se atualizar, sua amiga já deve estar vindo para cá, nós vamos ter que fazer alguns exames e testes para vermos se você está mesmo bem e também para ver quais são seus poderes – Falou como se tudo isso fosse normal
- E-eu não tô entendendo nada, o que é isso? Eu tô num manicômio? Isso não tem a menor graça. E aliás onde eu estou? Aquela explosão hoje, ontem, sei lá. Porque quanto tempo eu estive apagada? E a Izi? Ela tá bem?
- Calma, Ariel – Falou Barry vindo para o meu lado – Não, você não tá num manicômio, você está no Star Labs. A explosão ocorreu cerca de um ano e alguns dias atrás. Sim, você esteve em coma durante todo esse tempo, de todos, você foi a mais afetada. Sua amiga está bem, sem nenhuma mutação, graças a você.- Falou ele fazendo uma pausa, isso realmente é uma loucura, eles só podem estar de brincadeira comigo – Olha, eu sei que isso parece loucura, é muita coisa pra absorver de uma vez só, mas você precisa confiar em mim, em nós. Nós podemos de ajudar
- Agradeço muito que vocês tenham cuidado de mim – Falei olhando sinceramente para cada um ali – Mas isso é coisa demais, é loucura demais até pra mim. Durante toda a minha vida eu tive que me virar sozinha, acho que posso dar conta – Falei levantando-me. Mas depois que eu dei o primeiro passo, já estava na porta do quarto e acabei caindo junto com um cara.
- Me desculpa, eu só – Falei rápido – Me desculpa - Falei novamente esticando a mão para ajudá-lo a levantar
- Eu sou cisco - Falou sorridente - Parece que temos uma outra velocista aqui.
- Ariel, você tem que aprender a controlar seus poderes, não é tão fácil como parece, precisa de prática. - Falou ele se aproximando - Hey, você não se lembra da época da escola? Eu te ajudei. E eu posso ajudar de novo.
- Barry, eu realmente agradeço por tudo. Tudo o que você e Iris já fizeram por mim. Mas eu só quero uma vida normal. Somente isso - Falei respirando fundo - Tchau pessoal. 
- Bem, nós tentamos te ajudar, depois não diga que não avisamos - Disse Joe se pronunciando pela primeira vez
- Acho que sua amiga já está lá em baixo - Falou Cisco
- Obrigada - Falei - Aliás, posso ficar com a camisa? – Perguntei constrangida
- Claro - Falou Caitlin
Num piscar de olhos, eu cheguei no estacionamento
- ARIEL SUA NOJENTA - Falou Izi chorando e correndo em minha direção – Você não sabe como eu estive preocupada – Logo depois que disse isso, pareceu se lembrar de algo e começou a bater em mim – Você não tinha o direito de ter tomado escolhas por mim. Você poderia ter morrido, sua descompensada!
- Mas não morri, e aliás, eu estou perfeitamente bem – Falei, escondendo o fato de eu ter adquirido umas habilidades estranhas, afinal, eu quero viver uma vida normal, e vou começar esquecendo que tenho esses “poderes”.

Algumas semanas depois

-Izi, tô indo pro banco agora, mais tarde eu falo contigo, tchau migs – Falei encerrando a chamada.
Minha vida até agora está bem normal, o cisco ainda ligou pra mim algumas vezes para saber se eu estava bem, se eu teria mudado de ideia, mas ao perceber que eu estou decidida ele resolveu parar.
Estava esperando o caixa processar os dados para sacar meu dinheiro, quando de repente um grupo de homens encapuzados entraram no banco com armas em mãos.
- TODO MUNDO NO CHÃO! AGORA! – Gritou um deles, e imediatamente todos se abaixaram, com exceção de um senhor.
- Você acha que vai me intimidar, é? Seu vagabundo, vá arrumar o que fazer – Falou o senhor resmungando
- Eu não gosto de ser contrariado – Falou o aparente líder do grupo sacando a arma, ele apertou o gatilho. Eu não vou assistir isso, fechei meus olhos com medo, espero o barulho do tiro, mas tudo o que eu percebi foi um borrão vermelho e tudo flutuando. Ops.
- Merda – Sussurrei olhando para minhas mãos – Como eu vou conter isso? – Perguntei a mim mesma pensando alto.
Ouvi um grande barulho, Barry havia sido arremessado contra uma vidraça. O líder sacou uma arma estranha e atirou no senhor de antes, o que aconteceu em seguida foi algo que eu nunca havia visto. O velho foi reduzido a pó.
Eu não podia assistir isso quieta. Vou ajudar o Barry, afinal, eu devo uma à ele. Fechei meus olhos e tentei imaginar todas as armas daquele lugar juntando-se e transformando-se em metal derretido e tomando a forma de uma bola.
- Mas que bosta é essa? – Falou um dos bandidos confuso
Pus o capuz do casaco na minha cabeça e meus óculos numa tentativa de não ser reconhecida. Logo saí correndo desajeitadamente, tirando cada pessoa de dentro do banco. Quando percebi, algumas partes da minha roupa estavam chamuscadas. Agora só restavam os bandidos, o Barry e eu. Tentei ficar o mais perto possível dele.
- E aí “flash”, o que fazemos agora? – Perguntei sorrateiramente
- Bem, mocinha, temos que dar o castigo merecido a cada um deles, não? – Falou ele sorrindo. Logo saímos levando cada um dos bandidos para o lado de fora também, que nesse momento já estava cercado de policiais. Sem avisar nada, Barry me agarrou e me levou com ele para o Star Labs.
- Mas que ousadia – Falei rindo – Você é muito folgado – Falei ainda rindo
- Obrigado, Ariel – Falou Barry sinceramente – Se você não tivesse me ajudado eu poderia estar morto, assim como todas aquelas pessoas.
- É verdade, você foi incrível! – Falou Cisco – Tenho que pensar num nome maneiro pra você, você tem vários poderes, que tal Polivalente?
- Cisco, você não vai inventar nome pra ninguém – Falou Caitlin – Ariel, você está bem?
- Melhor do que nunca - Falei sorrindo - Eu vou aceitar a ajuda de vocês


Notas Finais


é issae monamours, desculpem a pequena demora, que a força esteja com vocês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...