História Diário de Kim Taehyung - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 58
Palavras 254
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Terror e Horror, Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Era pra eu ter postado ontem? Sim
Mas minha querida internet tava ruim. E por causa do comeback .
Então eu vou postar um agora e outro mas tarde.

BOA LEITURA

Capítulo 3 - Bebâdo denovo


Fanfic / Fanfiction Diário de Kim Taehyung - Capítulo 3 - Bebâdo denovo

21/10
  Lá estava eu, bebendo denovo por causa do Filho de uma boa senhora que fez a mesma coisa da semana passada.

  E vocês já devem saber quem é esse emprestavel que fez isso comigo, uma pessoa tão boa, tão fofa não merece ser traido dessa forma.

  E tipo assim, o Jungkook fala comigo como se nada estivesse acontecido naquela noite em que ele beijou a mesma garota ,sim aquela puta que surgiu do meio do inferno para atrapalhar minha vida.

  Um dia ele veio todo amorzinho comigo fazendo aquela voz de bebê que quer mamar(a:Sei que vocês pensaram besteira) Ai como eu não sou uma pessoa fácil eu fingi que ele não existia mas aquilo doeu em mim, porque apesar de tudo eu amo aquele filho de uma bela senhora. Mas fazer oque né, se ele querer meu corpinho saradex vai ter que fazer por merecer.

Bom, meu dia foi normal como qualquer outro só uma coisa que me encomodou, foi a questão do Jungkook não está em casa. Não é que eu me importe com ele, Não vou mentir eu me importo sim com ele mas só pelo fato dele ter vinte anos de idade e está andando sozinho na rua. Vai que alguém estrupe ele? Só eu tenho esse direito.

  Mas por fim ele chegou em casa mas nem olhou na minha cara, eu nem liguei mas vai que ele estava com aquela puta sem nome?

  Bom chegou ao fim, e eu to com fome então tchau diário ainda sem nome.


Notas Finais


Eu te amo vocês.
Até mas tarde.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...