História Diário de um Lixo - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 7
Palavras 518
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Miojos,pessoas que me chamam de amigo e aulas


Fanfic / Fanfiction Diário de um Lixo - Capítulo 2 - Miojos,pessoas que me chamam de amigo e aulas

Eu corri para a primeira aula,vi que era de ciências e o professor ficou muito irritado comigo por ter chegado atrasado e disse que eu tinha que responder uma pergunta para poder assistir a aula

-Qual a pergunta professor,se é pra eu errar,que eu erre logo

-Me diga o que é a tíbia?

-Um jogo que qualquer computador roda 

-Meu Deus...,entre logo

E assim notei que o Davy é da mesma sala que eu e que o professor assim como todas as pessoas que me conhecem,teve uma primeira impressão negativa de mim.Deve ter pensado algo como:Esse lixo não sabe nada

E então a aula acabou e o Davy chegou para mim e falou

-Parece que somos da mesma sala

-Se você quer me stalkear,saiba que nada da minha vida é interessante e eu sou um lixo

-Você sabe em qual dormitório vai ficar Matt?

-1666, além de lixo,agora sou o capiroto

-Engraçado,o mesmo dormitório que eu

-Eu fico lisonjeado,mas sou hétero 

Nós rimos disso e ele disse

-Ei amigo, já pensou em fazer um show de comédia?

Na hora,eu ri,mas,hoje eu me pergunto:O que o Davy tinha na cabeça pra me chamar de amigo?Ou ele estava desesperado para ter um amigo ou ele não pensa antes de falar.

Então,tivemos uma aula de matemática que eu dormi no meio e a professora nem notou,pois qualquer um que me visse pensaria,ele não conta como ser humano é sim, como lixo 

E então,eu e o Davy fomos para o refeitório comer e chegou uma menina chamada Alice pra mim e disse

-Ei, me faz um favor?

Eu sou péssimo para dizer não para estranhos

-Ok

E então,ela jogou um miojo na minha cara e eu tive a reação mais natural possível

Pegar o saco cheio de pimentas do Davy,pisar no pé dela,ela abriria a boca de dor e engoliria a pimenta,aí eu seria preso por Lei Maria da Pénha,Pénha,porque pé Pénha,eu sou um lixo

Quando eu pisei no pé dela,ela riu e disse que eu era fraco,mas como ela abriu a boca,pimenta goela a baixo

Não foi como eu planejei,mas funcionou e então,um garoto chegou na nossa mesa

-Vocês são os novatos

-O termo certo é fracassados,como devem ter notado,tenho um ótima autoestima

O garoto riu e disse

-Me chamo Enma, prazer

-Emma?Davy não escuta muito bem ou quis zoar o Enma

-Enma

-Emma?

-Eu vou repetir meu nome é Enma,muito prazer

-Prazer Enma, você deve ser desocupado para conversar comigo e com o Davy.

-Como você se chama?

-Eu sou o Matt

-Eu vi que você matteu o pé na Alice,achei engraçado,podemos ser amigos?

-Você faz péssimos trocadilhos,Genma de Ovo

Davy riu e assim tivemos um monte de aulas que eu dormi,a culpa é da minha irmã,por no último dia de férias ter ficado escutando funk para me perturbar 

E então,chegamos ao dormitório,pedimos uma pizza,a única comida do dia que prestou e vimos que o Enma era do nosso dormitório também

Eu pensei que o Enma e o Davy eram agentes secretos que queriam me sequestrar,muita coincidência  

No dormitório,apenas 4 pessoas ficam e e então vi a garota que chegou,chamada Heather

Minha primeira impressão sobre ela foi:Caguei pra você

E agora eu vou dormir,sinto muito por você perder seu tempo lendo o diário de um lixo e esse é o fim




Se você acreditou,eu sinto muito,mas ainda tem mais






Notas Finais


Eu sou que nem o Matt,um lixo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...