História Diário De Uma Depressiva - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Ambre, Castiel, Debrah, Kentin, Lysandre, Nathaniel, Personagens Originais
Tags Amor Doce, Castiel, Depressão
Visualizações 8
Palavras 478
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oieee paçocas ❤
Fic nova, espero que gostem!

Capítulo 1 - A Dor.


Fanfic / Fanfiction Diário De Uma Depressiva - Capítulo 1 - A Dor.

"Tentando se afogar nas mágoas que chorou. E ninguém em volta viu, pois cada gota já secou..."

 

Lucy On

 

 

Já se cortou? Não? Então você não sabe a dor de um corte... espero que nunca sinta! Pois esse é um caminho que não tem volta, vai por mim; já tentei sair.

O que você faz quando se corta? E quando quer chorar? Eu vou até meu banheiro e tranco a porta, me sento chão e choro. Choro por muitos motivos, entre eles o fato de não ser suficiente; não sou bonita, não sou magra, não sou inteligente, ou seja, não sou suficiente. Eu me sinto triste o tempo todo e isso dói e dói muito. A única coisa que eu sinto no momento é um vazio e, eu não sei como preenche-lo. Eu me afastei dos meus amigos e foi involuntariamente. Me sinto só. Queria que alguém percebesse isso tudo que eu tô sentindo e viesse atrás de mim e falasse “ei, eu te entendo, eu vou te ajudar, me da um abraço”. É isso que eu queria: alguém que se importasse e um abraço apertado.”

Já se sentiu assim? Eu me sinto assim o tempo todo! E sei que se sente assim, afinal você está lendo meu diário. Sei que sofre, e imagino quantas vezes no silêncio do seu quarto, com lágrimas nos olhos, você olhou para o teto e pensou em desistir. Mas ainda está aqui, afinal suicidas e depressivos esperam que algo bom aconteçam com ele; mas chega um momento em que eles não aguentam.

Você já mentiu falando que estava bem? Hoje várias vezes disse que estava bem mas dessa vez, eu não estou bem, eu realmente não estou bem, e o pior de tudo é que não consigo mais fingir, eu estou um caco, quebrada de todas as formas possíveis, destruída por dentro e por fora e não sei o que fazer. Estou perdida e sinceramente não quero me encontrar de forma alguma, eu não quero mais sentir, não quero mais respirar, não quero mais sobreviver. Eu aguentei tudo pelas pessoas e não por mim e eu fiz isso por muito tempo, mas chegou a hora que eu não consigo mais, eu já não tenho mais forças para levantar da cama e ir ao colégio e fingir que estou bem, dar sorrisos falsos e tudo mais, estou completamente cansada de tudo isso, a depressão me venceu e eu tenho que aceitar isso apenas. Não posso lutar contra algo que é mais forte que eu, não posso mais continuar fingindo, não posso mais continuar viva, não posso mais adiar isso, eu preciso me libertar e a morte é a única saída que vejo para essa tal libertação.

Não sei se posso ser feliz, mas espero que sim... Nesse diário irei contar sobre a minha vida, mas não sei se vou chegar até o fim...

 

 


Notas Finais


Continua?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...