História Diário de uma Fujoshi Anônima - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Fudanshi, Fujoshi, Humor, Lemon, Shotacon, Yaoi
Exibições 97
Palavras 1.061
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Leiam que esse cap está show!

Capítulo 26 - Com Quem Estamos Lidando


- E então foi isso. – disse para Madu depois de finalmente ter terminado de contar como foi a minha conversa com o Gabriel. 

- Nossa isso foi... – ela não sabia o que dizer. – Esse garoto surpreendeu mesmo. 

- Pois é né? E agora o que faremos? – perguntei.

Estávamos no meio da aula e Madu teve que virar para frente depois que o professor George olhou para ela bravo.

- Você ainda pergunta? Ele pediu a tua ajuda! E é isso que nós vamos fazer. – disse ela como se fosse óbvio depois que o professor não estava mais olhando. 

- Tá isso eu sei, mas ajudar como?

- Ai ai... às vezes você é tão lenta.... – disse ela me deixando irritada. 

- Não tenho culpa se o meu sol é em Peixes. 

- Hana e Madu, o assunto de vocês parece bem interessante. Vocês não querem compartilhar com a turma? – disse o professor.

- Estávamos falando sobre signos. – disse Madu, fazendo eu ficar vermelha de vergonha. O que ela tinha na cabeça? Nessas horas tem que ficar de boca fechada! – Sabe... A Hana tava me contando que ela é meio lenta justamente por causa do signo dela que é Peixes. – disse fazendo a turma toda rir.

O que ela tinha na cabeça? Se eu já estava com vergonha antes agora estava pior. Eu só queria virar um avestruz pra enfiar minha cabeça em algum buraco. Olhei em volta e David também estava rindo. Ótimo. Muito obrigada Madu. David viu que eu estava olhando para ele e piscou para mim fazendo com que eu me virasse para o outro lado com medo de olhá-lo. Eu não sabia como agir.

- Sabe... Eu estava querendo dizer pra Hana que o melhor signo é o meu, Sagitário e... – Madu estava falando mas não conseguiu terminar de falar pois o professor interrompeu. 

- Tudo vem Madu, eu já entendi, mas isso não é assusto para agora. Passei atividades e quero elas prontas ainda hoje para corrigir. Se eu ver que estão conversando vão direto ter uma conversinha com o diretor entendido?

- Nossa, depois de tudo que fizemos para ajudar ele com o Alex... Que mal agradecido! – cochichou Madu para mim. 

- Madu fica quieta! – xinguei ela.

Devo ter falado um pouco alto, pois o professor George nos encarou, mas no fim não disse nada, apenas continuou a dar a sua aula. Ficamos em silêncio até o intervalo, não podíamos arriscar.

- O que faremos agora? – perguntei para Madu assim que o professor foi embora e os outros começaram a sair para o intervalo. 

- Ah! Vamos lá na Gabi, se o Gabriel quiser falar com você ele com certeza vai vir atrás de nós. – disse Madu.

- Gabriel? Estão falando o que do meu irmão? – perguntou Lucas que apareceu do nada junto com David. 

- Naaao, não estamos falando do seu irmão, é um outro Gabriel. Da outra turma. – disse Madu. – Ele falou pra mim que queria sair com a Hana e estamos esperando ele vir falar com ela. 

Porque Madu fez aquilo? Tudo bem, ela tinha que disfarçar pro Lucas não saber que estávamos falando do irmão dele, mas aquilo já era demais. Olhei para os dois e parecia que Lucas tinha acreditado na história, mas o David parecia... Chateado?

- Ah, eu me enganei então. Sabe Hana, meu irmão falou de você... – disse Lucas me deixando nervosa.

- Ah é? E-e o que ele falou? – perguntei.

- Ele disse que achou você muito legal. 

- Sério? E eu achei ele muito fofinho.

- Vamos ir Lucas? – disse finalmente David.

- Sim, vamos. Nos vemos depois então. – disse saindo com o seu primo.

- Eu sabia!!! – gritou Madu enquanto pulava de um lado para o outro assim que os dois foram embora.

- Sabia o que? E que mentira foi aquela que você inventou de mim? – perguntei brava. 

- Foi um teste.

- Teste? Como assim um teste? – perguntei curiosa, a Madu fazia cada coisa sem noção...

- Era um teste pra ver se eu estava realmente certa. E adivinha? Eu estava! – disse ela super animada. – Falei aquilo para ver a reação do David e você viu como ele ficou? Claramente ele gosta de você! 

- Será? – perguntei sem nem pensar em esconder minha expressão esperançosa. - Quer dizer... E daí? O que isso vai mudar para mim? – tentei disfarçar.

- Pode parar Hana, você também gosta dele. Tá mais na cara do que se estivesse escrito na sua testa. 

- Ok, talvez eu achei ele um pouquinho legal, gentil, lindo, gostoso... Mas agora você espantou ele!

- Ai ai... Você é tão boa em juntar casais mas agora eu vi que quando o problema é com você é diferente... Enfim, eu vou te ajudar! – disse ela.

- Muito obrigada mas eu sei me virar sozinha. – não queria a que a Madu se metesse na minha vida. 

- Você já provou que não querida. 

- Ah! Aí estão vocês! – gritou Gabi entrando na sala e assustando nós duas.

- Olha a Gabi pode me ajudar. – disse Madu indo em direção a ela e começando a cochichar. 

- Muito legal da parte de vocês decidirem minha vida sem mim. – reclamo.

- Ah Hana isso é para o seu bem... – disse Gabi.

Eu ia começar a retrucar quando alguém aparece na porta da sala. Olho melhor e vejo quem é: Gabriel. Madu se vira para trás e quando percebe quem é olha para mim com um sorriso de lado. 

- Hana, preciso falar com você. – disse ele decidido. 

- Tudo o que você quiser falar com a Hana pode falar na nossa frente querido. – disse Madu.

- Mas eu quero falar só com a Hana! 

- Você quer falar do seu irmão certo? A Hana me contou. – disse Madu.

- Não era pra você contar. – disse Gabriel para mim. 

- Não se preocupa, ela também se ofereceu para ajudar. – disse para acalmado já que estava começando a ficar nervoso.

- Se ela também vai ajudar tudo bem. – disse ele entrando na sala. – Eu tenho um plano e vai ser melhor ainda se tiver mais gente envolvida. – ele definitivamente não estava parecendo nem um pouco com o garoto que tínhamos conhecido. Estava sério e decidido. – Vocês vão ter que fazer tudo como eu mandar ok? Nada pode dar errado. 

Esse garoto estava me assustando tenho que admitir. 


Notas Finais


Que ótimo que vocês gostaram da ideia do capítulo especial. Não vejo a hora de chegarem os 200 favoritos!

Bom, não se esqueçam de comentar o que acharam do cap.

Beijos e até mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...