História Diário de uma maluca com 15 anos! - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 10
Palavras 836
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Hentai, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Incesto, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oiiew genteeh! De novo nada a falar aqui, por isso vou falar uma coisa aleatória como:
NADAFAZSENTIDONESSAJORÇAQUELOKO
Até as notas finaiis! Hihi!

Capítulo 3 - Um admirador secreto?!


Pego o bilhete, o abro e leio o que está escrito nele:

"Eu sei que você não sabe quem sou eu, mas eu sei quem é você, és a garota mais bela desse colégio! Sempre lhe observei, e não me notaste...só gostaria de te falar, que TE AMO!
~Teu admirador secreto s2"

Eita! Achei aquilo muito estranho, admirador secreto? Tava mais pra "stalker secreto"! Me observou a vida toda?! Fico pensando em quem teria escrito aquilo, mas não me veio nenhum nome à cabea. Até que vejo Zack andando com aqueles garotos malucos.
-e aí maninha? Beleza? Esses são Edward e Thomas, meus novos amigos!-falou meu irmão animado.

-e aí?-me cumprimentaram os dois em
uníssono.

-como você se chama?-perguntou o Edward.

-meu nome é Zoey. Prazer!

-o prazer é todo meu.-falou Edward, beijando minha mão.

Tive leves suspeitas de que o meu "stalker secreto" seria esse garoto. Ele é gentil demais. Mas não posso julgá-lo antes de o conhecer, certo?

-desculpe pelo jeito esquisito do Edward.-falou o Thomas.-ele é meio...cavalheiro demais...espero que não tenha pensado que ele gosta de você.

-q-quê?! Claro que não!-falei, um pouco mais aliviada.

-ah! Que bom! Meu coração já pertence a uma bela dama...como eu a amo! Lucy...

-Lucy...?-perguntamos eu e Zack.

-é a garota mais bela que eu já vi...-continua ele, com um tom poeticamente apaixonado, então ele aponta para uma menina com os cabelos verdes, a mesma que estava junto com aquela tal de...Amélia...

-humm...ei! Vocês me emprestam ele rapidinho..?-falei, enquanto puxava Zack pelo braço e o levava pra um outro canto.

-olha o que eu achei!-mostro a ele o bilhete, que ele lê atentamente enquanto coça sua nuca.-tá escrito aí que foi um admirador secreto, ele escreveu parecido com o jeito que o Edward fala,mas com certeza não é ele! E aí? Tem alguma idéia de quem seja?

-puta que pariu...-sussurou Zack, de um jeito preocupado.

-o quê?! Você conhece ele?!

-não! Não! Eu...não sei quem pode ser!

-vamos Zack! Eu sei que você sabe quem é ele!

-não..eu não sei...

-Zack fala logo! Você sabe quem é!-insisti, já estava começando a ficar impaciente.

-eu não sei Zoey!!

-cara fala de uma vez!!

-QUE MERDA!! EU JÁ DISSE QUE NÃO SEI!!!-surtou ele, que segurava meus dois ombros, e me olhava seriamente.

Ficamos um tempo parados, um olhando pro outro. De repente, noto que o seu olhar sério, mudou para um olhar cheio de ternura, e ele estava sorrindo carinhosamente. Senti uma de suas mãos acariciar meu rosto, e fiquei levemente corada.

-eeerr...tá...o-obrigada pela informação...-falei, interrompendo aquela esquisitisse.

Fui embora, em direção a sala de aula, mas ainda não tirava da cabeça quem seria meu "stalker secreto"....

---
Após a aula, eu e Zack fomos pra casa. Joguei meus tênis e mochila no chão, e subi para o quarto. Eu precisava escrever no meu diário sobre o meu dia de hoje!

"Querido diário, hoje, foi um dia bem esquisito. Zack já fez dois novos amigos na escola e eu...bem, eu continuei sendo eu. Mas não é sobre isso que quero falar, é outra coisa. Bem, quando abri meu armário, notei uma carta lá dentro. E obviamente, eu a li. Até aí tudo bem, certo? Errado! Essa carta era de um admirador secreto, que tava mais pra "stalker secreto". E isso não foi o a única coisa estranha! Quando perguntei pra Zack sobre esse stalker, ele surtou, e começou a agir de forma estranha depois. Não vou dar muitos detalhes porque estou com preguiça! Boa noite diário!
-Zoey."

Depois de ter escrito sobre o meu dia na escola, eu resolvi fazer alguma coisa pra eu comer. Então fui pra cozinha, pra fazer um saduíche. Mas ao entrar lá, me deparo com Zack, já fazendo 2 sanduíches.

-que milagre é esse?-perguntei num tom sarcástico.-você tá mesmo fazendo sanduíche pra nós dois?

-não imagina, eu tô fazendo amoeba com gasolina!-respondeu Zack, sarcasticamente.

-beleza, quando terminar me chama!

Saí da cozinha, e fui pra sala. Fiquei assistindo TV como quem não tem razão pra viver, esperando Zack terminar nossos saduíches.

-TÁ PRONTOO!!-gritou Zack lá da cozinha.

-eu não sou surda idiota!-falei correndo em direção a cozinha, morrendo de fome.

---
Um tempo depois de termos comido, eu e meu irmão ficamos sentados na cama do meu quarto, entediados. Fico folheando as páginas do meu diário, e noto que a última página possui uma espécie de símbolos. Fico tentando decifrar o que é mais tá difícil...

-hey bro, sabe falar a língua dos aliens?

-nope, por quê?

-porque eu encontrei esses símbolos esquisitos numa das páginas do diário.

-eu não acho que isso seja a língua dos aliens..

Houve uma pequena pausa depois dessa fala. Até que me levanto e vou tomar um banho. Zack também vai pro banheiro do seu quarto.

---
Finalmente a hora de dormir chegou! Pelo menos acho que pro Zack, porque pra mim...não rola. Fico a noite toda pensando no dia de hoje. Tudo tão esquisito...até que sussurro pra mim mesma:

-por que nada mais é como antes...?

Continua...

Notas Finais


Bem, terminado aqui mais um capítulo lokão dessa fanfic! Até o próximo capítuloo! Hihi! s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...