História Diario De Uma Suicida - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Dor, Sofrimento, Tristeza
Exibições 8
Palavras 409
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Poesias
Avisos: Mutilação
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - DAY 1


Fanfic / Fanfiction Diario De Uma Suicida - Capítulo 1 - DAY 1

  24/11/2016

Iniciado as 22:46 e terminado as 23:00



Quase todo dia que eu acordo eu me faço três perguntas:

1°-por que eu ainda não me matei?

2°-qual a razão de eu sair do quarto?

3°-será que é hoje o dia?

Quase sempre que tento me matar penso em como meu pai ficaria,penso se alguém iria sentir minha falta alem dele,penso em como minha vida teria sido se eu tivesse feito tudo diferente.

Eu sempre sofri,minha melhor amiga diz que eu sou depressiva,mais não,eu apenas sou uma menina normal que todo dia tem que se esforçar muito pra não cometer uma besteira,e que se esforça pra caralho pra conseguir colocar um sorriso no rosto para os outros não descobrirem.

Meus sonhos eram:

1 aninho:Ser uma princesa

2 aninhos:Ser veterinaria

3 aninhos:Ter uma Barbie que falasse

4 aninhos:Ter um cachorro e colocar o nome dele de esperança

5 anos:Salvar o mundo e proteger todo mundo

6 anos:ser uma borboleta

7 anos:Nunca perder meu pai e minha mãe

8 anos:Nunca mais ter que olhar pra cara da Dora a aventureira

9 anos:Ter um pouco de alegria

10 anos:casar com o Justin Bieber

11 anos:Não existir mais

12 anos:Sem sonhos ainda pelo simples fato de eu ja ter perdido as esperanças.

Minha mãe ta sempre brigando comigo e isso me deixa muito irritada,eu to sempre tentando agradar ela,mais nunca da certo,ela sempre acha algum defeito em alguma coisa.

Eu choro toda noite,e pra não gritar eu simplesmente aperto meus braços e meu rosto com as unhas,eu apenas grito.

Chorar é a melhor coisa,quando as pessoas choram é como um banho de água gelada,sabe aquele banho que te faz acordar pra vida?

Psé,após minha sobrinha nascer a atenção foi toda pra ela,meu pai é a pessoa mais legal do mundo,um pouco antes de eu começar a fazer a fanfic,ele entrou no meu quarto e me viu chorando,ele não falou nada,apenas sentou ao meu lado e me abraçou,aquele abraço era tudo oque eu prescisava naquele instante,aquilo me fez chorar mais ao pensar que um dia eu iria perder ele,que iria chegar um dia que eu ia abrir a porta do quarto e ele não estaria la,e eu sem meu pai é como um passaro sem asas,ele é tudo pra mim,ele é a única pessoa no mundo que me entende de verdade,eu queria abraçar ele e nunca mais soltar,eu queria que existisse uma poção de imortalidade pra mim nunca ficar sem ele.

Ja são 23 horas e eu escutando Roses e chorando feito louca,meus pulsos estão vermlhos de tanto eu apertar eles.

Agora é hora de eu dormir,pra mais um inferno amanhã



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...