História Diary of the Yoongi - Yoonkook - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Suga
Tags Yoonkook
Visualizações 30
Palavras 764
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Estou bem desanimada, desculpa pelo atraso e o capítulo minúsculo.
Boa leitura. ^^

Capítulo 4 - Four


Fanfic / Fanfiction Diary of the Yoongi - Yoonkook - Capítulo 4 - Four

Terça-feira, 23:39

 Sr. Diário de tal

 Durante o dia nem consegui olhar para o @, ele não demonstrava muita..."Culpa?", era mais ódio resguardado em seus belos olhos de jabuticabas, parecia que ele me culpava por aquilo tudo.

 Eu sabia que ele e o Wonhonie eram bff's, não que não sejam agora, porém eu percebi que eles não perdem a oportunidade de se esbarrarem ou até mesmo não irem para a mesma direção. 

 Eu estava louco para concertar isso, até mesmo dizer que foi eu quem pedi as ações do branquinho, mas fico com medo do Jk ficar com raiva de mim. 

 Oque eu não entendo, já que eu não bati na Lisa enquanto eles fudiam dentro da cabana que nos compartilhavamos, eu e ele, okokok...Vou contar a parte mais interessante do dia! O Branquinho mais alto me levou para um passeio pela extensão da floresta, parando próximo a cachoeira na qual nos vimos pela primeira vez. 

Ele em menos de 1 min arrumou todo aquele piquenique que por sua vez era farto de frutas e pãezinho integral, pude comer sem culpa. "Tudo começou com aquele sorriso, aquele maldito sorrio", muito cedo pra dizer isso?, ele me faz sentir tão bem, ele é diferente...Sabe?, a maioria dos mlk (piranha), diminuem, fazem com que nossos sonhos pareçam tolice, essas coisas, mas com ele não! 

 A cada palavra que eu digo vejo o mesmo sorrir, isso me faz tão bem, quando escureceu o mesmo montou uma barraca de camping não muito "grande". 

Arrumou as coisas e colocou la dentro em um cantinho, fiquei me perguntando "Como caberiamos lá dentro", logo descobri que era BEEEEEEEM possível. Já deitados ele coloca uma de suas pernas entre as minhas, repentinamente sinto a pressão da sua coxa -que perna diga-se de passagem- sobre o meu membro, eu arfei baixinho, logo vendo um sorriso sacana em seus lábios, desses que logo deixaram um selar doce nos meus lábios finos e trêmulos. 

 Ele colocou a sua mão por debaixo da minha camiseta larga e arranhou o meu abdômen, mordi meu lábio inferior para conter um gemido baixinho de dor, olhei para ele e disse que não estava me sentindo preparado, ele sorrio docemente, deixou um beijo cheio de carinho na minha testa e ficou me abraçando até que ele pegasse no sono, que fofoooo, mas na verdade...Eu não estava pronto para ficar com ele, não consigo esquecer o coelhinho, me levantei gentilmente para poder pegar você Sr diário, vou te guardar antes que ele acorde, até.

 Quarta-feira, 18:00 

Sr. Diário de tal 

 Hoje mais cedo quando me acordei me deparei com a cena mais fofa do mundo, estava lá o meu Won me olhando, ele fazia carinho em meus cabelos, fico feliz com essas coisas até porque eu não tenho muitos amigos, V foi para uma clínica para viciados recentemente, Jimin está namorando com uma nojenta kkkk, o Kook...Nunca foi só um amigo.

 Eu achei que ele iria desistir, porém assim que olhei para ele o mesmo me deu um selinho "de bom dia", ele continua a dizer que é coisa de amigo...Mas eu não sei mais. To com saudades do Coelhinho, assim que arrumamos todas as coisas voltei o mais rápido possível pra minha cabana, correção >nossa<. Vi ele de relance no banheiro, tomando uma ducha, fiquei "nervoso", mesmo de costas pude perceber o seu corpo bem definido, seus cabelos molhados, tudo deixava aquela cena extremamente provocadora.

 Eu simplesmente sentei na minha cama, tentando me acalmar se é que me entende, ele saí do banheiro apenas de toalha. Ele tá querendo oque MEU GD DA ÁSIA?, engoli um seco quando vejo ele olhar pra minha pessoa e sorrir de ladinho!, minha voz era trêmula, mas eu consegui conversar com ele. Ele logo começou a me atentar, me chamar de baixinhoe coisa e tal, comecei a dar tapinhas no seu ombro e dar uma de louco, ele me empurrou na cama e ficou por cima de MINNNN, pude sentir o seu corpo quente e me arrepiei todo.

 Ele riu com a minha ação e se aproximou da minha orelha, soltou uma respiração leve no meu pescoço e disse: "Gasolina R$ 1,99", brincadeira, ele apenas deixou um beijinho no meu pescoço que havia sido marcado pela boquinha do Wonho, ele deitou do meu lado e disse algo em tom baixinho, mas eu não entendi.       

Senti sua mão sobre a minha, quando me viro para olha-lo percebo que seu olhar já se encontrava sobre o meu, engoli um seco e quase tive um treco quando aquela linda boquinha disse "Por que ele e não eu?"


Notas Finais


Talvez em mais dois capítulos vou começar com outros pontos de vista...Disse e saí correndo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...