História Diary To Destiny Of Luke and Mike - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Josh Devine, One Direction
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Harry Styles, Josh Devine, Liam Payne, Louis Tomlinson, Luke Hemmings, Michael Clifford, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Cashton, Larry, Lirry, Muke, Nosh, Ziam
Exibições 144
Palavras 782
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Fluffy, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


É a minha primeira fanfic Muke, espero que gostem!

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Diary To Destiny Of Luke and Mike - Capítulo 1 - Prólogo

Oi... Bem... Você deve achar que é estranho um garoto escrever um diário, mas, antes de me julgar, saiba que eu precisava disso, precisava desabafar com alguém e como não tenho alguém pra fazer isso, aqui estou eu, escrevendo... Não pense que eu não tenho amigos, eu tenho, mas são poucos, muito poucos e eles não iriam me entender; ninguém me entender. Nem eu mesmo me entendo. Não entendo certas coisas que eu faço.

Eu não gostaria de te chamar de "Querido Diário", então vou te dar um nome... Nick? Não. Ash? Tô rindo dessa ideia - é o apelido de um dos meus amigos. Luke? É o menos pior, então será esse porque eu não tenho outra ideia.

Bom, Luke, eu sou Michael, Michael Clifford... Pode me chamar de Mike... Viu, to sendo esquisito de novo; tu nem pode me chamar e muito menos falar comigo... por isso as pessoas não gostam de mim...

Sou um punk esquisito, feio, atrapalhado, gordo e estranho... Quem gostaria de ter alguém assim como amigo? Só o Ashton mesmo. O Louis só fala comigo por nós sermos primos. O Niall gosta de ser amigo de todo mundo, por isso, é gentil comigo. O Josh e o Zayn falam comigo por serem amigos do Louis... então, na verdade, só tenho Ash e ele não é muito confiável.

Ashton é o meu melhor amigo, mas... não me sinto bem falando de coisas tão pessoais assim. Ash é muito amigável e tal. Eu sei que ele ia tentar me entender, mas não ia conseguir. A ultima pessoa em que eu confiei foi um cara que eu namorarei, mas era só uma aposta pra ele descobri mais sobre "O Punk Antissocial" - é assim que me chamam naquele colégio - e depois de ficar sabendo o que ele queria, espalhou pra escola toda e me largou. Todos ficaram sabendo...

Nunca mais confiei em ninguém...

Luke, a minha vida é horrível, uma verdadeira merda. Já tentei me suicidar, mas até pra isso eu não sirvo... Na hora de morrer, bateu aquele medo... Aquela incerteza se eu deveria fazer aquilo... Aquela esperança de se eu continuar vivo alguma coisa boa vá acontecer ou como se algo fosse melhorar e eu tivesse que estar lá pra ver isso acontecer.

Queria que a minha vida fosse importante pra alguém... Vivo isolado... Meus pais me tratam como lixo descartável... Como a minha vida iria piorar? - você pensa, mas ela é pior que isso sim. 

Sofro bullying por ser gay, esquisito e estranho; descobri que tenho uma doença grave agravada em mim e não tenho como pagar o tratamento, vou apenas fazer a consulta daqui a alguns dias pra saber quanto tempo eu ainda tenho de vida.

As coisas poderiam pior na minha vida?

Sim, poderiam.

Descobri a pouco tempo que quem eu achava que era meu pai, era, na verdade, meu padrasto. O meu pai biológico é um estuprador e eu sou fruto de quando ele estuprou a minha mãe. Ela sente nojo de mim e de si mesma por não ter abortado quando pode. Ela queria ter abortado, Luke! Ela queria que eu não tivesse vindo ao mundo!

Luke...

A minha vida poderia piorar?

Sim, por outros motivos, a minha vida é pior que isso.

Luke...

Eu quero morrer e essa doença veio na hora certa...

Eu vou morrer e tudo isso vai acabar.

Meu inferno pessoal vai acabar junto com a minha porcaria de vida!

Luke, 17 anos da minha vida foram dedicados a viver uma mentira. Eu estou num colégio interno - onde a minha mãe e o meu padrasto me largaram pra não ter que me olharem na cara novamente... para não voltarem a sentir o desgosto que sentem quando me vem... - e as pessoas me olham com desdém. Sinto nojo de mim mesmo.

Luke...

Por que eu estou vivo?

Por que eu tive que viver 17 anos, se era só pra sofrer?

O mundo já me matou, Luke... Já destruiu a minha alma... só que... ninguém percebeu isso... Todos acham que o meu sorriso forçado é porque eu não sinto nada quando me fazem sofrer... Quando me destroem pouco a pouco... 

Luke...

Eu morri a muito tempo e ninguém percebeu... Ninguém...

Fui idiota ao ponto de achar que nas horas difíceis alguém fosse me ajudar, mas... Quando chegou essa hora... eu estava sozinho... como agora...

Como é um colégio interno, eu fico num dormitório... Eu deveria dividir com alguém, mas...

Quem quer dividir o mesmo espaço com um rejeitado?

Queria que fosse fácil viver, mas é mais difícil que morrer... Ainda mais... Quando você está sozinho...

Vivo isolado e dentro dessas paredes, a solidão me faz companhia...


Notas Finais


O que acharam? Eu devia continuar? Porque eu vou, já comecei a escrever no celular e agora tô passando pro computador... Vou continuar agora o que comecei...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...