História Dias de Guerra - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Itachi Uchiha, Kiba Inuzuka, Madara Uchiha, Naruto Uzumaki
Tags Abo, Sasunaru, Yaoi
Visualizações 321
Palavras 434
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gostaria de agradecer a todos que favoritaram e comentaram.

Capítulo 10 - Mentiras jogadas ao vento


Depois de se recuperar do "maravilhoso" orgasmo, Sasuke voltou a pensar, após o nó ser desfeito, saiu de dentro do menor, vestiu suas roupas, fitou o Ômega fazer o mesmo.
Já devidamente vestidos, assumiu a postura de indiferença, continuando de onde tinha parado à conversa:

– Como conseguiu entrar no exército e o que fez com o seu cheiro? – repetiu a mesma pergunta, sabia que o loiro já havia respondido, mas quem disse que ele prestou atenção tendo o ômega debaixo de si?

– Não tenho cheiro, nasci assim – Responde olhando para o lado, estava muito envergonhado depois do que fez com o General.



Sasuke pensou, caso alguém além dele soubesse, mandaria o loirinho direto para a forca por quebrar uma das regras do reino.
Se ele queria isso? Não, e nem sabia o porque.
Olhou para o loiro, que permanecia com o rosto meio corado virado para o lado, analisou a casa bem simples, provavelmente o omega é muito pobre.

– E seus pais Omega?

– Naruto, meu nome é Naruto. Sou órfão General, meu padrinho assim que percebeu minha deficiência, conseguiu documentos de um Beta para mim.

Agora são duas regras, o loiro não iria só para a forca, ia receber uma bela punição, seria torturado e depois sim, enforcado.

– Existe mais alguma regra que você quebrou?

– Não, só essas.

– Alguém mais sabe sobre isso?

– Não General – Mentiu, não queria meter o Kiba nessa história, vai que sobra pro beta.

Sasuke pensou, pensou e tornou a pensar.
O certo seria arrastar o ômega "Naruto" até seu pai e agir conforme as leis.
Porém não queria fazer aquilo. Aonde está o temível alfa Lupus impiedoso que não poupa ninguém?
É, ele também não sabia.

– Não conte nada a ninguém. E não apareça amanhã para os treinos – Sasuke estaria ficando louco? iria mesmo acobertar o loiro?

– Mas General, preciso do salário – Naruto disse desesperado.

– E como será quando você entrar no Cio heim? Acha que não vão descobrir?

– Dou um jeito General. – Agora o loiro o fitava com os olhos brilhantes.

– Não.

Sasuke disse, nada o faria mudar de ideia.

– Vai me denunciar? – Naruto pergunta tenebroso.

– Talvez eu vá – Respondeu com um sorriso de canto se retirando da casa.

(...)

Sasuke resolveu ir embora, deixando um loiro pensativo para trás.
Iria esquecer que o conheceu, e se no futuro descobrissem, iria ignorar e fingir que não sabia de nada.
Chegou em casa, seu pai e irmão discutiam alguma coisa no escritório, ignorou e foi procurar o que comer e depois tomar banho.
Teve cuidado para tirar totalmente o cheiro do Omega de si, estava fraco, mas conseguia sentir.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...