História Dias sem memoria - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Jiraiya, Mei, Neji Hyuuga, Personagens Originais, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi
Exibições 58
Palavras 893
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa a demora, espero que gostem.

Capítulo 12 - Precisamos conversar


Autora on
O rosto de Hinata fez uma expressão de medo e de surpresa, a jovem não reconhecia aquele garoto em sua frente.
Mesmos tendo a informação que ele era seu familiar, ela tentava recordar mas para ela parecia impossível, Naruto logo se pôs ao lado dela mara mostrar que iria proteger oque é seu.
Neji por outro lado, estava com uma expreção calma, poi estava muito feliz de ver a irmã bem, saudável,viva e sendo tão bem cuidada por alguém.
Hinata deu um passo a frente chegando perto de Neji, Naruto ficou sem reação, a garota ergueu sua mão até o rosto do jovem e o acariciou com o dedão.
Hinata- Eu estou muito feliz, espero que me perdoe, mas tive uma pancada muito forte na cabeça, não me lembro de você, mas meu coração se enche de alegria quando vejo que existe alguém do meu sangue preucopado comigo.
Neji- Hina volte para casa, todos estão muito preocupados.
Hinata- não posso fazer isso irmão, por dois motivos, o primeiro pela questão de segurança, ainda não me lembro de vocês e o segundo é muita falta de gratidão deixar meu namorado que me acolheu e cuidou de mim por dois meses sem pedir nada em troca, espero que entenda.
Neji- eu entendo, fico triste mas entendo, me faça apenas um favor, deixe nossos pais te visitarem eles sentem a sua falta acima de tudo que existe.
Hinata- certo, poderá vir me visitar e trazer nosso país, agora pessoal que saia, você é simpático mas tenho que conversar com Naruto.
Neji- ja está me mandando em bora?
Naruto- SAI AGORA!!!!!!!
Hinata- vá, agora.
Neji- esta bem.
Neji foi levado ate a porta pela irmã caçula, os dois foram em passos lentos, n ouve conversa e au chegar a porta a menina n dirigiu o olhar para Neji, ela não queria ter que começar um diálogo com ele naquele momento.
Hinata- vai para a sala houve alguns barulhos vindo do portão de entrada da casa, é o Sasuke com a Sakura, ela senta ao lado do namorado, e pega a sua mão.
Hinata- vem vamos falar no quarto. (Ela falou baixo e calmamente)
Naruto- você vai me deixar?
Hinata- falaremos lá em cima.
Os dois sobem, o silêncio agoniante predomina entre os dois durante a travessia da luxuosa casa, Naruto estava com uma expreção mórbida mesclada com desespero.
Hinata não olhava para o amado, durante o percurso seguiu calada, em passos curtos enquanto fitava o chão.
A chegada ao quarto n aliviou aquele clima horrível ente os dois, Naruto sentou na cama e olhou para a jovem que o fitava.
Hinata- Você sabia oque ele era?
Naruto- sabia. ( Sua voz saiu fraca e arrependida)
Hinata- porque fez isso? Você sabia que eu queria velos.
Naruto- Hina eu n pensei direito.
Hinata- COMO ASSIM NÃO PENSOU!!! VOCÊ PENSOU, MAS SO EM VOCÊ!
Naruto- VERDADE ( algum lágrimas caíram, ele fitou o chão) eu só pensei em mim, Hinata eu tr amo, não iria aguentar te perder, eu pensei em falar para você depois mas eu fiquei com medo, medo de você ir em bora e me esquecer.
Hinata- Eu nunca vou esquecer você, mas eu precisava saber.
Naruto- agora você sabe, e vai em bora assim que se lembrar.
Hinata- não.
Naruto- como assim?
Hinata- o meu lugar agora é do seu lado, mesmo com os seus defeitos, mesmo com os meus problemas.
Naruto- Hinata…..(ele se ajoelhou) você aceita casar comigo?( Tirando um anel do bouço)
Hinata-claro.
A menina pula emocionada nos braços de seu amado, e algumas lágrimas de alegria saem de seus olhos.
(No andar de baixo)
Sasuke on
Chegamos em casa e com a minha audição apurada consigo ouvir uma discussão, mas como n estou interessado volto minha atenção para  Sakura, ela está suada e eu também, ela me dá um beijou e sinto seus lábios quentes nos meu.
Sakura- eu vou para o banho, depois a gente se fala.
Ela subiu as escada rapidinho, espero alguns minutos ate que ouço o som do chuveiro, vou para o andar de cima, entro no banheiro, vejo que o celular dela está tocando música, e como o box é escuro ela não vê eu entrar, tiro a minha roupa e abro a porta do box devagar, vejo que a banheira está vazia, ela só estava usando o chuveiro.
Entro e vejo a expressão de surpresa dela, eu dou um beijo intenso nela, eu a coloco contra a parede, coloco meus dedos em sua intimidade fazendo movimentos de vai e vem, ela geme baixinho e isso me deixa excitado, sinto suas mãos passando pela minha nuca dando pequenos arranhões e puxando o meu cabelo.
Pego seu seio esquerdo com a mao livre e o massageio, não demorou muito e coloco a boca chupando com força.
Sakura- Sa..su…ke!!
Ela gemia auto, comecei a fazer pequenos chupões em seu pescoço, mas quando olho para um pequeno espelho que tem no box que eu uso para mr barbear vejo que meus olhos estão vermelhos devido a excitação, sargo Sakura rápida e saio do chuveiro sem ela ver meu rosto.
Sakura- oque aconteceu? Pq parou?
Sasuke- não posso falar agora.
Sai rápido do banheiro e me tranquei em meu quarto, eu n podia acreditar, não poderia fazer nada desse tipo com ela? Seria certo eu contar?
Nós precisamos conversar…..


Notas Finais


Obrigada por lerem🙏


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...