História Different Summer - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Matthew Gray Gubler
Personagens Matthew Gray Gubler, Personagens Originais
Tags Amanda Seyfried, Dr Spencer Reid, Matthew Gray Gubler, Romance, Spencer Reid
Exibições 64
Palavras 1.126
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Algo muito importante ta perto de acontecer, gente <3 <3 <3

Capítulo 18 - Beach Party


Fanfic / Fanfiction Different Summer - Capítulo 18 - Beach Party

Já era 2 horas da manhã, e muita gente ainda estava na casa. Eu não tinha mais trocado nenhuma palavra com Sofia, o que me deixava triste, porque ficar sem conversar com ela, é uma das piores coisas para mim. Luiza se chateou comigo porque eu estava muito calado, então ela meio que ficou conversando com outras pessoas, e muitos eram caras que até davam em cima dela, mas ela dava um fora. O que é estranho é que eu não sinto ciúmes com ela como sinto com Sofia. 

- Então garoto, anda muito pensativo demais, aconteceu algo? - Derek sentou ao meu lado, olhando para frente, como eu

- Esse Harry, você acha que ele é uma boa pessoa? - perguntei olhando em direção à Sofia e Harry que dançavam devagar e ela ria com um certo brilho nos olhos. Derek olhou para mim e deu uma risada com o canto da boca.

- Eu acho que sim.. preocupado, prettyboy? - ri fraco e voltei minha direção aos dois, que riam e continuavam dançando. Revirei os olhos e bufei. 

- Ela é como irmã para mim, me preocupo - falei baixo. Era torturante ver a cena dos dois ali. 

- Aham... você parece estar mais preocupado com a Sofia do que com Luiza.. - ele falou com a sobrancelha arqueada. - Eu te conheço há muito tempo, Reid, se lembre disso - então ele se levantou indo em direção à Garcia que estava dançando. 

P.O.V. Sofia

Enquanto dançava com Harry, ele falava de vários planos que ele tinha criado, o que me fazia rir até a barriga doer. Ele tinha recebido a ligação de um amigo, falando sobre uma festa na praia que iria ter, e me convidou para ir. Eu não sabia se minha mãe iria querer que eu fosse, por conta do que tinha acontecido mais cedo, então resolvi perguntar, para não ter nenhuma confusão. 

- Sofia, você só pode estar de brincadeira comigo? - minha mãe falava alto, parecendo um pouco estressada. Ela estava em uma roda com amigos, alguns deles era JJ, Rossi e Hotch.

- Mãe, Harry vai estar lá, eu vou só tentar me divertir um pouco, por favor - falei fazendo uma carinha de cachorro abandonado, o que a fez rir. No mesmo momento, chegou Luiza acompanhada de Spencer, que parecia não querer estar ali. 

- Ok, Sofia, agora tome cuidado - e na mesma hora Spencer pareceu se interessar na conversa. Sorri e dei um beijo na bochecha da minha mãe e subi para pegar um casaco. Senti alguém vindo atrás de mim, mas achei que era só impressão. Entro no quarto procurando meu casaco e coloco também uma sandália. Assim que fecho a porta do quarto, esbarro com Spencer.

- É sério que você vai em uma festa? Depois de tudo que aconteceu? - ele falou sério e preocupado. 

- Spence, ta tudo bem, Harry vai estar lá, eu não vou correr pela praia, tá tudo bem - sorri tentando passar tranquilidade para ele. Não podia falar para ele que na verdade minha cabeça estava doendo bastante. 

- Eu acho isso uma loucura, eu vou também - ele então foi em direção ao quarto que ele estava hospedado e eu fui atrás dele. 

- Você não precisa dar uma de babá, Spence - falei séria.

- Eu me preocupo, você não me escutou hoje e olha o que aconteceu - ele saiu do quarto com um casaco na mão. Notei pela sua expressão que estava realmente preocupado e então apenas assenti com a cabeça. Descendo, Luiza se aproximou dele. E Gabi estava com minha mãe no fundo.

- Amor, onde você vai? - ela perguntou parecendo estar confusa. 

- Vai ter essa festa na praia, achei que poderiamos ir - ele sorriu então ela sorriu junto. 

- Na verdade eu to bem cansada, amor, mas se divirta - então deu um selinho nele, chamou Gabi, que deu um beijo na minha testa e subiu com ela. 

Nos despedimos de todos e fomos andando até a praia, que ficava muito perto dali. Harry foi falado ao telefone com algum amigo e Spence foi ao meu lado, mas sem falar nada. Eu sentia que ele queria falar algo, mas ele ao mesmo tempo preferia ficar calado. Coloquei meu casaco pois tinha começado uma ventania forte. Eu continuava com frio, o que fez com que Spencer percebesse, fazendo-o me dar também o seu casaco. Sorri como forma de agradecimento e ele sorriu também. Colocou as mãos no bolso e continuou andando. 

Chegando, percebi que eu deveria ter ficado em casa. Havia tanta gente, que parecia um festival de show. Harry disse pra gente esperar ele e soltou uma piscada para mim. Eu tinha entendido o que ele ia fazer, era mais um plano dele. Revirei os olhos porque sabia o que ia acontecer. Já estava bem claro que Spencer apenas me vê com sua irmã. 

- Quer que eu pegue algo pra você beber? - ele perguntou e afirmei. Álcool era exatamente do que eu precisava. Mas não foi o que eu ganhei. 

- Peguei um refrigerante pra você, sem álcool, o médico disse - revirei os olhos e ri, o empurrando de leve. 

Seguimos pela praia, e muita gente esbarrava em mim, fazendo com que Spencer se tornasse mais protetor do que ele estava sendo. Eu tinha que começar a ve-lo como apenas um irmão mais velho. O som estava muito alto e a maioria das pessoas pareciam estar bêbadas. Não encontravamos de maneira nenhum Harry, então resolvemos sair daquele monte de pessoas e caminhas um pouco pela praia. 

- Então.. você e Harry? estão ficando? - ele falou parecendo estar um pouco desconfortável. Sorri olhando para baixo e olhei para ele. 

- Não.. não estamos - me agachei para pegar uma conchinha que tinha achado. 

- E por que ele te beijou hoje? - ele perguntou parecendo que estava guardando essa pergunta por um bom tempo. 

- Não sei.. - falei um pouco nervosa. Paramos em um lugar e nos sentamos ali mesmo. Ficamos olhando a Lua e eu suspirava fundo. 

- Eu fiquei muito preocupado hoje, Sof - ele falou olhando em direção a Lua. 

- Eu sei, me desculpa por ter sido teimosa - olhei para baixo. Ele então segurou meu queixo e levantou me olhando nos olhos. Sorriu e meu coração acelerou. Ele realmente não estava facilitando pra mim, com aquele sorriso no canto da boca e essa voz rouca dele.

Deitei minha cabeça em seu ombro e começamos a conversar sobre o namoro dele, e sobre um pouco da minha vida no Brasil. Falei sobre como era comigo, Gabi e nosso amigo Arthur. O clima entre nós dois parecia estar voltando ao normal. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...