História Difficult Paths - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Bisca Connell, Cana Alberona, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Gajeel Redfox, Gildartz, Gray Fullbuster, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Sting Eucliffe, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria
Tags Gale, Gruvia, Jerza, Mila, Nalu
Exibições 45
Palavras 2.221
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Hentai, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo!

Que bom que estao gostando da fic, obrigado por deixarem um sorriso escapar do meu rosto 😳

Boa Leitura!

Capítulo 4 - Natsu 2!


Natsu, Levy e Wendy já estavam perante a mesa de jantar.. em um completo silêncio

Até..

- Nii-san, você vai falar com o Gray? - Wendy perguntou

- Sim.. eu agi errado.. - A conversa estava deixando Levy confusa, já que nada sabia a respeito

- Ele nem sabia.. devia ter levado a brincadeira.. - Falou a pequena um pouco irritada

- Desculpe.. - Abaixou a cabeça

Levy apenas deu de ombros..

- Então Natsu.. ansioso para ser outra pessoa? - Sorriu a azulada

- Cara.. sei lá, primeiramente nem sei por que estou fazendo isso..- O rosado falou enquanto revirava os olhos entediado

- Para ajudar seus amigos..? - Levy perguntou

- Não.. deve ser porque.. Ah esquece!- Natsu se levantou da cadeira - Obrigado pela comida.. Boa noite! - Subiu as escadas para seu quarto

- Falei algo errado? - Levy perguntou preocupada

- Não...

Dia Seguinte

23 De Março

6:58

Natsu já tinha se arrumado, hoje seria o dia da sua "infiltração" para ser amigos das garotas

Estava com seu cabelo bagunçado e espetado, como Levy ordenou.. assim desceu as escadas dando de cara com Levy

- Bom dia! - A pequena sorriu

- Bom dia.. - Falou calmamente indo em direção a mesa onde Wendy estava sentada

Se sentou e preparou seu pão com Nutella como sempre faz, deu uma mordida em completo silêncio, esperando que Wendy falasse algo, ela parecia triste..

- Aconteceu algo? Wendy.. - Chamou a atenção da garota que agora encara o rosado

- Ah.. Bom dia Nii-san, não aconteceu nada não.. - Sorriu sem graça enquanto encarava os olhos ônix de Natsu que estavam com um certo brilho

- Se você diz.. - Voltou a comer seu pão

Quando terminou de comer, foi ao banheiro e escovou seus dente, assim que saiu, Levy o abraçou de lado

- Vamos Nat! Ânimo, sorriso no rosto! Bagunça o cabelo! - Levy mandava sorrindo e o rosado fazia o que ela pedia e sorriu timidamente

- Vamos Levy! - Fez ânimo com seu sorriso que Levy achou lindo

- Me segura então! - Pulou nas costas do rosado que para a pequena não cair, segurou suas pernas mais precisamente na coxa.

Natsu e Levy riam do que fazia e saíram da casa sem mochila, já que tinham deixados em armários particulares

Levy ainda estava nas costas do rosado.

- É divertido... - Riu de leve

- O que é divertido? - Levy perguntou ainda mantendo o sorriso

- Fingir.. - Surpreendeu a garota mas que logo sorriu

- Há.. Divertido vai ser você pedindo desculpas pro smurf. - Começou a rir

- Cale-se tábua! - Tentou ofender a pequena

- Hahahaha.. Lembre-se, sempre sorria e não se irrite mocinho.. - Sorriu convencida e o rosado suspirou

- Você venceu.. - Riu, Levy só estava se deliciando com o poder de ganhar uma discussão com Natsu

- Né Natsu.. e se você tipo, ficar popular.. não me esqueça, tá? - Brincou e o rosado riu ainda caminhando com a pequena né suas costas

- Não conte vitória.. eu vou ser é odiado, do jeito que você diz que eu sou gostoso desse jeito.. - Falou e a pequena corou violentamente

- Donde eu disse isso!? - Exclamou completamente envergonhada

- Eu ouvi você falando sozinha enquanto abraçava seu travesseiro essa noite.. - Riu e a pequena corou novamente

- Baka.. - Virou o rosto

- Estamos chegando.. desce. - Falou calmamente

- Não quero.. - Sorriu travesso e o rosado só deu um longo suspiro enquanto se aproximava do enorme portão da escola

Após entrar no local, chamou atenção de vários olhares

- Viu só, todos estão olhando para nós.. - Continuava a carregar a pequena

- To nem ai. - Bagunçou o cabelo rosado do mesmo

- Já preciso começar a ser legal? - Perguntou passando por um corredor

- Sim. - Responde rindo

- Ei - Chamou a atenção da azulada - Donde tu tem tanta intimidade comigo, só nós conhecemos a dois dias.. - Sorriu de canto

- Nem sei. - Comentou com um sorriso

Natsu agora já abria a porta de sua sala, que quando abriu novamente foi nocauteado de olhares

A pequena só riu

- Vai descer ou vai querer que te derrube? - Perguntou num tom aumentado

- Oxe, calma Nat. - Puxou a bochecha do mesmo

- Desce logo, minhas costas estão doendo sua gorda! - Falou e alguns da sala riram

- Insensível.. - Bufou descendo das costas do garoto

- Ai que alívio.. - Massageou as costas

- Natsu é você mesmo? - Uma voz feminina perguntou

- Não não, é a xuxa não tá vendo? - Respondeu com uma pergunta irônica fazendo todos presentes na sala rirem

- Engraçadinho.. haha to morrendo de rir.. - Forçou uma risada

- Ah que bom que está rindo, pensei que minha piada tinha sido ruim.. - Começou a se fazer de irritante fazendo uma veia saltar da cabeça da garota - Tô brincando.. Yo Lucy, como vai? - Falou que era brincadeira como o que Levy disse.

- Vou bem.. - Mentiu a loira - Mas enfim, não penteou o cabelo não? - Perguntou rindo

- Bem que queria.. mas fui acordado por uma louca pulando em cima de mim gritando: Natsu!! - Imitou a voz feminina de Levy fazendo a mesma se irritar mesmo sabendo dos passos

- Sortuda.. - Pensaram algumas garotas olhando para Levy

Lucy apenas riu

- Mas então, cadê a Erzita e as outras? - Natsu perguntou

- Tão paquerando por ai.. - Fez Laxus, Gray e Jellal ficarem de cabeça baixa

Natsu percebeu e teve uma ideia de botar os amigos pra cima

- Que nada, a Erza está vendo uns negocio com a diretora, a Juvia está conversando com suas amigas da natação e a Mira está na biblioteca devolvendo um livro chamado, cinquenta de cinza.. - Fez todos rirem e seus amigos sorriram

- Desse jeito vou achar que você está espionando minhas amigas.. - Ficou com uma gota na cabeça - Mas se sabia, por que perguntou?

- Excelente pergunta Lucy! - Estralou os dedos com um sorriso animado - Mas.. eu nem sei responder.. - Tirou o sorriso fazendo todos caírem para trás

- Por que você está assim, diferente? - Lucy perguntou confusa

O rosado tirou o sorriso e se aproximou da loira e sussurrou:

- Estou seguindo seus passos.. sendo outra pessoa.. estou fingindo, Lucy. - Surpreendeu a loira

- E..er.. acho que vou ir ao banheiro.- Se levantou da cadeira quase em lágrimas e saiu da sala

Natsu se fez de confuso, mas sabia o que a loira sentiu..

- Natsu.. er.. - Sentiu uma mão tocar em seu ombro

- Gray, amigo! - Sorriu de canto - O que foi?

- Eu queria pedir desculpas por tocar tão indelicadamente no seu passado.. - Falou de cabeça baixa - Você está me ajudando.. só por causa de uma paixonite.. só te conheço há um dia e já te considero como um amigo de infância.. mas, acima de tudo, estou arrependido por ter dito aquilo para você, mesmo sendo sem querer.. - Falou surpreendeu o rosado

- N-não, você nem tem culpa, eu que sou idiota, por ser frio e chato, por isso estou querendo mudar.. como pode ver.. - Sussurrou com um sorriso

- Obrigado mesmo.. mas agora, por que você está me ajudando tão de repente? Sem nada em troca? - O garoto perguntou sem jeito

- Porque eu não quero que vocês sofra o mesmo que eu.. - Abaixou a cabeça

Gray simplesmente sorriu e logo o restante dos alunos chegaram e o professor Gildartz logo depois..

- Bom dia! - Exclamou o professor sorrindo

- Quebra De Tempo -

9:16

Agora finalmente era hora do intervalo, Natsu tinha acabado de sair da sala

Foi em direção ao refeitório junto com Gray e Laxus, o que ele estranhou, era por que Gajeel não estava com ele..

- Laxus, você é o próximo.. - Natsu falou calmamente

- Eu o que? - Perguntou o loiro confuso (N/A: Lembrando que o Laxus daqui é o jovem, não o adulto )

- O primeiro a dar o primeiro passo.. para a Mira. - Sorriu de canto e o garoto corou

Gray só sorriu.

Ele então entraram no refeitório e logo pegaram seus lanches

Sentaram numa mesa separada de todos, mas Natsu se lembrou que tinha que se infiltrar junto com as garotas

- Gente, agora vou começar o plano "infiltração ninja para ajudar uns maricas da porra" - Natsu disse sério fazendo os dois ficarem com uma gota na cabeça

- Não gostei do nome.. mas tá. - Gray disse

O rosado se levantou com sua bandeja que por cima estava seu lanche, caminhou então até a mesa de Lucy e das outras

Ele se sentou ao lado de Lucy sorrindo

- Quem é você? - Erza perguntou brava não reconhecendo o rosado

- Não sei, mas é muito lindo! - Mirajane e Juvia pensaram ao mesmo tempo

- Não me reconhece Erza? - Aquela voz, tinha certeza que sabia muito bem de quem era - Apresentando, Natsu dois! - Fez um V com os dedos e com um sorriso lindo

Surpreendeu as três que nem acreditaram

- Mentira?! - Juvia e Mira ficaram de boca aberta

- Verdade! - Riu o rosado

- Hunf.. mesma merda.. - Erza virou o rosto

- Também tive essa reação, mas agora o que tu ta fazendo aqui? - - - Lucy perguntou

- Me infiltra.. Cof cof.. Quero ser amigo de vocês, posso? - Perguntou sem jeito fazendo as quatro se surpreenderem

- Já me conquistou gato.. - Juvia e Mira disseram com um brilho nos olhos

- Essas duas é barra pesada.. por que vocês tinham que gostar das mais atiradas, hein? - Pensou com uma gota olhando de canto Gray e Laxus olhando tudo de longe

- Não quero ser amigo de gente chata.. - Erza falou

- Por isso, Natsu dois.. não quero ser mais frio e chato como você diz, não quero ser mais solitário.. - Só Lucy sabia a verdadeira resposta e por isso se sentou especial e deu um sorriso de canto.. verdadeiro

Erza se surpreendeu mas nada falou.

Logo o rosado pode ver alguém derrubar seu lanche, ao se virar viu Gajeel com um olhar sério

- Yo Gajeel! - Sorriu com os olhos fechados lembrando do que Levy disse para se alguém o provocar, não revide ou faça algo, apenas sorria.

- Ei Gajeel, por que derrubou o lanche dele? - Lucy perguntou irritada

- Cale-se loira.. se você se mover daí eu não hesitarei em te bater.. - Falou sério - Quero resolver umas coisas com esse panaca - Puxou Natsu pela gola da camisa e agora todos olhavam os dois

- Resolver o que, Gajeel? - Perguntou o rosado mantendo o sorriso inocente

- Você mentiu.. disse que iria me ajudar com a Levy, mas você que está se ajudando.. pensa que não vi hoje? - Perguntou irritado

- Não sei do que você tá falando Gajeel.. - Sorriu e após isso levou um soco

- Gajeel para! - As garotas disseram

- Não estou entendendo Gajeel.. - Natsu se levantou sorrindo - Seja lá o que for.. você deve ter um motivo idiota qualquer para me bater.. - Falou rindo - Vamos Gajeel, me bata! - Surpreendeu a todos

Gajeel cerrou os punhos com raiva..

Natsu abriu os braços ainda com seu sorriso que irritava mais o grandão

- Me bata, está esperando o que? Seja o ignorante que você está sendo e me bata sem nem mesmo perguntar uma explicação.

- .. Me bata Gajeel! - Riu se divertindo com aquilo - Me bat... - Foi interrompido com um soco do mesmo que agora cuspiu sangue

- Idiota.. - Se virou mas arregalou os olhos ao ouvir o rosado rir

- Olha.. só.. por um momento pensei que iria hesitar.. mas agora, que acabou seu showzinho de ignorância, me de licença.. - Falou sorrindo surpreendo a todos

- Ora seu! - Carregou outro soco em direção ao rosado, mas parou ao ver Levy entrar na frente do rosado

- Se você encostar um dedo nele.. eu juro que não vou ter piedade de você.. mesmo sendo fraca, eu sou o inteligente o bastante pra te fazer chorar! - A pequena falou irritada fazendo todos que estavam vendo segurar a risada por ela ter zoado o mesmo

- Me bate.. Gajeel? - O rosado perguntou rindo

- Fica pra próxima.. - Falou se distanciando

- Você é louco.. - Erza falou rindo

- Baka.. poderia revidar.. - Mira e Juvia disseram

- Retardado.. - Lucy falou

- Tantas ofensas credo.. e você Levy, está bem por ter brigado com seu amorzinho? - Perguntou sério

- Não.. - Virou o rosto para olhar o rosado - Ah seu idiota! - Começou a socar o mesmo

- Natsu, você ta bem? - Gray chegou para ajudar o garoto

Laxus veio logo atrás

- To sim.. mas é um idiota mesmo.. esse Gajeel.. - Falou com nojo

- Ele sempre foi assim.. cabeça dura, mas logo vai ta pedindo desculpas.. relaxa.. - Laxus falou e o rosado sorriu de canto,

:P


Notas Finais


Foi mei forçado esse final da briga de Gajeel e Natsu nao foi? Gomen

:P

O spirit num sei pq esta tirando todos os negritos e italicos que ponho, e sabe como é dificil e travado editar pelo celular


Entao desculpe novamente ;)


Fui!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...