História Difficulties Jikook - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys (bts), Colegial, Drama, Jikook, Romance, Yaoi
Visualizações 56
Palavras 1.440
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Lemon, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gentiny eu escrevir esse capítulo ouvindo rebelde, tipo tava na playlist You tube em músicas bads, eu fiquei tipo SCR QUE NOSTALGIA, ai rebelde saudades.
Ta vocês não querem saber mas eu quis compartilhar isso.
Boa leitura:3
Desculpem algum erro.

Capítulo 7 - Mais tarado que Yoongi não tem


Preso em meus pensamentos não sei mas o sentido de nada, e porque sofremos tanto, ficar sofrendo o resto da vida, um dia não estaremos mais aqui, e realmente isso não faz sentido algum.

Existe pessoas más, pessoas não estão nem ai pras outras, porque temos que ser legais com as mesma se somos tratados como lixo ou pior, eu realmente não entendo.

Nem sempre se é feliz, nem sempre teremos alguém pra nós amar, se você se é infeliz qual é o sentido de tudo isso.

Pessoas são como flores, algumas nasce saudável cheia de vida se cuidamos bem no fim ela irá morrer mas pelo resto de sua vida sempre foi saudável feliz e bem cuidada, outras acabam morrendo por falta de descuido.

    ---------------------------------------

Acordei e sentir meus braços sobre jimin, ele ainda estava dormindo sua respiração era pesada, seus olhinhos fechados tão fofinhos, não o quis o acordar, então tirei meus braços do mesmo e fui com cuidado na cozinha.

-Bom dia meu pequeno -a mesma deposita um beijo em minha testa-

-Bom dia- dou um sorrisinho forçado-

-Dormiu bem

-Sim, até demais - susurro pra mim mesmo a última parte-

-Oque disse

-Ah, nada

-Hoje é sábado, vou trabalhar só pela parte da manhã então você pode ficar um tempo sozinho ne

-Posso, aish mãe para de me tratar como um bebê, em cadê o pai

-Ele foi viajar hoje de manhã, só volta amanhã​

-Porque ee-le não se despediu de jungkook

-ta piorando a fala denovo, ele pediu desculpas, não queria te acordar, já vou, coma alguma coisa, tchau -ela deposita um beijo em minha testa e sai pela porta-

É sempre assim meu pai não dá a mínima pra mim, as vezes me pergunto se ele me ama mesmo, bebo um pouco de café e subo pro quarto e lá vejo jimin deitado em minha cama ainda com um sono pesado, ele estava sem a camisa e não posso mentir ele era muito bonito, seu rosto seu corpo, me sento em seu lado na cama e fico encarando seus ferimentos passo a mão em alguns, estavam bem roxos, estava pra me levantar quando vejo os olhos do mesmo abrir

-Ah, eu dormir muito, quantas horas são

-Ainda é 7 da manhã fique calmo

-Nossa você acorda bem cedo, nem tem aula hoje

-Eu sei mas acordei com alguns barulhos na cozinha e desci, era minha mãe então resolvir descer ela podia entrar no quarto pra me chamar pra tomar café e te vê

-Assim, e cadê ela

-Hoje ela trabalha pela manhã toda, acho que é por conta que sua mãe viajou

-Um, desculpe por está incomodando, de verdade onde está minha camisa preciso me vestir

-A aqui -pego em cima da cama e o entrego-

-Obrigado, acho que já vou

-Mas já

-Sim, já te incomodei demais -o mesmo fala vestindo a camisa-

-A que nada

-Tchau, obrigado mesmo -ele tenta me abraçar mas o recuso-

- Ae esquecir, mesmo assim obrigado mesmo -ele sai do meu quarto e vai embora-

Agora estou sozinho em casa no maior tédio, eu estou tão feliz por poder tá conseguindo me controlar mais, a companhia de jimin me faz bem, ele me faz bem, acho que vou o considerar meus melhores amigos.

Estava em meu quarto fretando o teto quando sinto meu celular apitar, pego o mesmo do criado mudo era mensagem de Yoongi

Yoongi Panaca: Ei jungkook, vou ai na sua casa hoje, aconteceram tantas coisas ontem que preciso te contar

Nossa, que oferecido não✓✓

Yoongi Panaca: para isso que amigos server, chego ai mais tarde porque agora eu vou dormir um pouco, não dormir nada a noite voltei em casa agora

Onde tava, você não dormiu, você não tem jeito mesmo em Yoongi✓✓

Yoongi Panaca : a não enche, eu tava em uma festa, tchau, me espere com comida

Folgado*emoji olhos revirados*✓✓

Yoongi Panaca: Ainda nem sei porque sou seu amigo, cara emoji não

Af tchau✓✓

Deixo meu celular na mesa do computador e me jogo na cama, é tão chato sem ele, é tão chato sem jimin, me deito na cama cama e tento dormir de novo, afinal já estava muito cedo. 

----------------------------------------

-Ja vou -passo minhas mãos em meus olhos com sono-

-Que demora em jungkook -diz Yoongi entrando em casa com a maior folga-

-Mais folgado não tem -ele se senta no sofá e coloca as pernas na mesinha, me sento ao seu lado-

-Então você não sabe

-Oque

-Eu terminei com o Hoseok

-Mentira sério

-Se eu tô falando resto de aborto, agora me escuta

-Grosso

-E gostoso

-Mais respeito Hyung

-Ta bom , vai me deixar contar

-Ta fala ai

-Então eu fui em uma festa ontem com ele né, ai nós bebemos, até demais, ai ele me confessou tudo que não gostava mais de mim e....-

-Nossa você fala isso com uma facilidade, você ta bem porque..-

-Me deixa falar inferno

-Ta desculpa continua

-e falou que estava apaixonado por outro cara, eu me sentir tão mal naquele momento jungkook, então eu sai de perto dele e estava bêbado, minha cabeça estava explodindo, fiquei tão mal, então eu..E eu fiquei conversando com um amigo meu, ai ele me falou que o amigo dele tava sozinho e precisa se divertir um pouco, ai perguntei seu nome, e ele me falou que ele era solteiro, então eu tava a procura dele e advinha ele se esbarrou em mim, e sem pensar duas vezes eu beijei ele, beijei muito, seu beijo era tão bom, então apareceu o Hoseok e fez barraco, me puxou e gritou com o menino, você tinha que vê, ele espancou ele todo, então lágrimas começaram a escorrer pelo meu rosto, eu depois não vi mais nada, eu desmaiei.

-Yoongi você é doido, porque não foi embora, você deixou o menino ser espancado

-Eu sei, não precisa jogar mais na cara, me sinto mal, o menino era tão bonito, eu quero procurar ele denovo, ele nem me viu direito também estava bêbado, ah jungkook eu Quero ele denovo, com seu beijo mesmo que seje agressivo me vez esquecer o Hoseok, aquele puto mal comigo.

-A Hyung, você é a vadia mais vadia que eu conheço

- Que, onde você andou aprendendo essas coisas Jeon Jungkook

-Ah, eu vi em um filme em que meu primo Namjoon esqueceu em casa, que por sinal era bem peculiar, você tinha que vê Hyung ele fazia com que o outro cara...

-Me pouper dos detalhes

-É tão estranho você se apaixonar rápido por uma pessoa, deve ser estranho

-Isso porque você nunca se apaixonou, ainda é BV jungkook

-Oque é BV

- Aish realmente eu não ouvir isso, BV é um pessoa boca virgem, que nunca beijou na boca

-Ah entendi

-Quer que eu tire seu BV-o mesmo me olha maliciosamente-

-Eca eca, não -o empurro-

-A qual é, não vai significar nada

-Mas eu quero beijar a primeira vez com alguém que eu ame

-Você não me ama -finge cara de choro-

-Amo, mas como amigo, idiota

-A mas você é muito o tipo romântico que nunca se apaixonou, bom acho que já vou, eu só vim dá uma passada mesmo, estou indo pra um almoço que me chamaram na casa do amigo do garoto que beijei ontem, espero o encontrar la- ele me olha maliciosamente-

-Você é um tarado mesmo Hyung

-Ate mais- vejo ele sair pela porta-

Logo depois ouvir batidas na porta acho que era minha mãe, ela entra com rapidez dentro de casa, estava chorando, sentou no sofá e deixou as lágrimas em seu rosto

-Mãe, oque você tem, por favor me fala

-Sente-se aqui jungkook, Tente olhar nos meus olhos pelo menos uma vez -a tento encarar mas não consigo algo dentro de mim não deixa-

-Aish, eu queria, não chore, em não chore, me conte

-Fica calmo, eu não fui trabalhar hoje, na verdade eu fui no médico fazer um exame, pois estava com muita dor forte no pulmão quando dormia, e eu estou com câncer jungkook, está avançando, e mesmo com tratamento não vai adiantar só vai prolongar meus dias de vida, e acho que se eu fazer esse tratamento não vai adiantar, eu não tenho dinheiro, estamos em crise, eu te amo jungkook, eu te amo, não fiquei triste eu sempre vou tá com você, você é muito importante pra mim, resolvir te contar logo pra depois não ficar pior, eu não demonstrava está doente, eu tinha medo de se preocupar demais, então hoje não estava mais aguentando e fui fazer os exames, jungkook me prometa ser forte OK, seja o menino forte que criei, você ainda tem muito ainda pela frente, não fique abalado, não fique triste pelo resto da sua vida, eu sempre vou está com você

-Maã-e não chore -eu não consigo, realmente não consigo olhar diretamente em seus olhos​, não consigo abraça-la, você é um inútil Jeon Jungkook, e eu estava lá paralisado olhando pra ela chorar, eu realmente não estava Acreditando, isso não podia está acontecendo, não podia ficar pior, isso não pode ser verdade, não pode-


Notas Finais


I a coisa sta tensa ai SAD.

E GENTE PQP PQP vocês viram o comeback de Monsta X, meus bebês só lacra bixo, MÚSICA VICIANTE SLK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...