História Dificil de explicar - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Aventuras, Colegial, Comedia, Drama, Romance, Suspense
Visualizações 29
Palavras 1.603
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Kk eae galera

Capítulo 1 - Adivinhe meu nome !


Ela pareceu impressionada pelo jeito que eu entrei . Eu a vi , ela estava a sentar sozinha , mesmo as carteiras sendo para duas pessoas. Não sei oque fiz demais , nem fechei a porta muito forte ou algo assim.. mas ela manteve seus olhos em mim , um pouco assustada. Um homem gordo de cabelos meio falhos me chamou pra perto dele com um pequeno sorriso receptivo. Provavelmente é o professor.. eu acho. Fui até sua mesa com as mãos nos bolsos do meu casaco, analisando o clima da sala , que parecia bem animado.

 - Bom dia ! Eu sou o Murilo , vou dar aulas de geografia pra você ás sextas e quartas. 

 - Ehr.. bom dia. - disse o encarando meio sério 

 - Quer que eu o apresente pra turma ? 

 - Não precisa .

 Ele pareceu não se importar com a minha resposta quando chamou a atenção da turma inteira pra mim. Só pareceu mesmo.

 - Atenção pessoal.  Esse é o novo coleguinha de vocês , o .. - ele disse dando grandes pausas no final,  tentando lembrar ou adivinhar meu nome

 - Samuel ! - respondi rapido pra não deixa-lo sem graça.

 - Isso.. ! Samuel foi transferido de colégio e vai estudar com vocês agora.. - ele deu uma pausa. - é isso . - terminou

  A turma nao pareceu se importar muito , apenas alguns acenaram pra mim. Já na hora de escolher meu lugar eu tinha duas opções : sentar do lado de um garoto com bigode e um piercing na boca , ou me sentar no fundão , do lado da garota que me fitava quando entrei. Ela tinha um olhar risonho , e parecia ser bem sociavel. O garoto do bigode ficou me encarando de longe com um pirulito na boca e eu definitivamente corri até a garota do fundão , com um certo desespero .

 Eu joguei minhas coisas debaixo da carteira e fiauei a olhar pra minha "parceira" de cadeira. Tinha olhos pequenos , algumas pintas espalhadas no rosto e uma marca nas bochechas que não reconheço o que é. 

 - Me admirando ? - ela disse entre risadas

Acho que só ai que percebi que já tinha passado um bom tempo encarando ela. Que vergonha , deve ter pensado que eu estava criando historias eroticas com ela.. nada disso !

 - Eu juro que não tava imaginando a gente transando em cima da mesa de jantar ou algo assim, não entenda errado ! -respondi assustado

 Ela me encarou um pouco séria , mas logo depois perdeu aquela pose e começou a rir descontroladamente , junto com algumas garotas de outras mesas aue conversavam com ela antes.

 - Que viagem mano ! Da onde você tirou isso ?! -ela disse ainda morrendo de rir

 - Ue , pensei que você tinha achado que eu tava ... deixa ! 
 
- Tarado ..! - ela disse fazendo uma careta de 
 
Não aguentei e ri. Cara , que vergonha... ahahaha

- Qual seu nome ? - perguntei depois de ter uma crise de risos 

Ela desviou o olhar de sua mochila pra mim .

 - Adivinhe ! 

 - Não sei. - respondi sério

 - Você não tentou adivinhar. - ela disse cruzando os braços 

 - Huh. Como vou poder adivinhar seu nome ? Pode ser qualquer um. 

 - Ah , você é entediante. -ela disse desviando seu olhar para seu livro , me deixando irritado.

 - Não sou entediante . -me defendi a encarando de braços cruzados. - Só não sei como poderia adivinhar seu nome . - completei.

 - Meu nome é Clara . -falou rabiscando o canto de seu livro. - Eu esqueci o seu nome . -terminou.

Eu pensei que ela fosse ficar enrolando de falar seu nome até o final da aula .. é , eu na maioria das vezes consigo acertar oque as pessoas vão fazer.

 - Pessoas legais não deveriam esquecer o nome das outras . - disse com um sorriso de canto debochado
 
 - É , e pessoas chatas não deveriam sorrir debochando . - ela retrucou imitando meu sorriso , logo depois deu uma pequena risada .

 - Por que sorriu assim então ? 

 - Pra servir de exemplo.  

 A aula passou rápido e não nos falamos muito depois disso. Até porque ela nem tinha tempo pra falar comigo , estava sempre se virando pra trás pra conversar com o resto do fundão. Debruçado na mesa eu tentava decifrar oque eram aqueles rabiscos na sua mesa e no seu livro. Talvez eu tenha perdido meu tempo fazendo aquilo .. quero dizer , aqueles rabiscos deveriam ser só pra matar o tempo dela. Clara.. ela é meio avoada. E não prestava atenção em nada que o professor dizia , como se isso não tivesse a minima importancia... e bem , estamos no último ano do colegial , isso tudo é sim muito importante ! Mesmo estando apenas na primeira semana de aula ! 

 - Podem ir pro recreio. - aquela talvez tenha sido a frase que eu mais estava esperando desde que pisei na sala de aula. Metade da turma saiu correndo da sala , a outra metade saiu calmamente. Alguns alunos demoraram um pouco mais na sala , provavelmente estavam esperando alguns amigos terminarem de copiar ou eles mesmos ainda estavam copiando. Acho que eu me encaixo mais na galera que saiu calmamente , até porque eu não entendia porque tinham tanta pressa assim , e eu tava morrendo de sono pra ir rapido.

 Quando pus meus pés no refeitorio pude entender o porque daquela correria da turma.. a fila da cantina era enorme , quase dava uma volta na quadra ! A única coisa que eu pudia pensar era em como iria comprar meu bendito lanche. Eu realmente nao tava afim de pegar aquela fila toda .. acabei resolvendo nem ir comprar nada até a fila diminuir. As mesas eram todas muito lotadas ,não tinha espaço algum pra eu me sentar ali .. dei sorte que colocaram alguns bancos grandes nos cantos. De longe pude reconhecer Clara , que tava sentada num desses bancos com um garoto loiro .

 - Eu não entendo nada disso , porque você nao aceita ir morar com ela logo ? -ouvi Clara falando isso pro loiro quando eu me sentei ao lado deles. Assim que me perceberam pararam a conversa um pouco constrangidos . 

 - Desculpe. Se estou atrapalhando , eu posso sair..-eu disse meio envergonhado por estar ali.
 
Os dois se entre olharam e deram um sorriso pra mim , indicando que eu poderia estar ali. O garoto loiro usava uma touca marrom clara , enquanto Clara usava um casaco da mesma cor. Os olhos do garoto eram verdes , o de Clara eram um castanho bem escuro , com alguns pontos mais claros. O loiro usava um brinco preto em uma das orelhas e ela usava um anel da mesma cor. Suas aparências combinavam tanto que não sei porque , mas me deu a impressão de que eram um casal. É .. nao tem nada haver , eu sei.

 - Ooh cara , que preguiça ! - disse Clara entre bocejos

 - Nem me diga . Imagine eu que tive que ficar uns 20 min em pé , parado em frente a porta da minha sala. Juro que ainda mato a maldita professora Viviane  -o garoto loiro disse fazendo uma careta

 - Também tenho preguiça. Acordei 4 da manhã hoje , acho que posso desabar de sono a qualquer hora. -entrei na conversa.

 - Que merda cara ! -os dois disseram juntos

 - É , hehe. - disse coçando a cabeça por trás. - Você é um aluno novo também ? -perguntei pro 

 - Bem .. mais ou menos .. entrei aqui em outubro do ano passado. Mas eu faltava muito , então me considere um aluno novo .

 - É ahaha ! Samuel , você não tem noção do quanto que ele faltava. Só vinha em algumas terças ! -Clara disse entre risadas

 - Oque voce fazia em casa , cara ? -perguntei risonho

O loiro nos encarou um pouco , fazendo uma careta.

 - Estava muito ocupado com minhas coisas de gente ocupada . - respondeu sorrindo debochado.

Depois disso rimos um pouco e ficamos um tempo em silêncio.  Um silêncio confortavel , que as vezes eram preenchidos por algumas risadas sem sentido vindas da Clara. 

 - Qual seu nome ? -perguntei olhando pro loiro 
 
 - Gabriel. Bem pessoal , por hoje é só , vou ir pra minha turma agora. - ele disse saindo , deixando eu e Clara sozinhos naquele banco. Um silencio meio desconfortavel ficou lá , mas ela não parecia estar incomodada. Estava calma , ainda com um sorriso nos lábios. 

 - Você gosta dele ? -perguntei rindo debochado.

 - Não , haushaua ! Ele era meu melhor amigo quando eu ainda era do sexto ano. Ele mudou de escola , e so nos reencontramos ano passado , mas dos mesmo jeito nem somos da mesma turma. 

Eu a fitei com os braços cruzados , ainda com um sorriso de canto debochado. O sinal que indicava o fim do recreio bateu e acabou que eu nem comi nada. Fiquei se mau humor o resto da aula , não suportava estar com fome e com fome ao mesmo tempo . E o pior de tudo foi a Clara reclamando do meu mau humor na sala .. ela jogava até lápis em mim pra chamar minha atenção. Acabei de conhecer ela e ela já está sendo muito irritante com essas palhaçadas..Grr!

 


Notas Finais


Kkk tchauae galera


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...