História Dimensional Journey - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~Yukiko

Postado
Categorias Dragon Ball, Fairy Tail, High School DxD, Pokémon
Personagens Albion, Androide Nº 17, Androide Nº 18, Ash Ketchum, Asia Argento, Bardock, Bickslow, Carla (Charle), Cell, Cooler, Dabura, Erik (Cobra), Erza Scarlet, Evergreen, Freed Justine, Freeza, Frosch, Gajeel Redfox, General Tao Pai Pai, Gohan, Goku, Grandeeney, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Issei Hyoudou, Ivan Dreyar, James, Jellal Fernandes, Jessie, Kaiohshin, Kami-sama, Koneko Toujou, Kuririn, Kuroka, Laxus Dreyar, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Majin Boo, Meowth, Mestre Karin, Metalicana, Midnight, Minerva Orland, Mr. Satan, Nappa, Natsu Dragneel, Pantherlily, Personagens Originais, Piccolo, Porunga, Raditz, Rei Cold, Rias Gremory, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Shenlong, Sirzechs Lucifer, Skiadrum, Sting Eucliffe, Tenshinhan, Trunks, Turles, Ultear Milkovich, Vegeta, Videl, Wendy Marvell, Whis, Yukino Aguria, Yuuto Kiba
Visualizações 61
Palavras 5.860
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - O Poder da Vontade


Fanfic / Fanfiction Dimensional Journey - Capítulo 10 - O Poder da Vontade

Capítulo 10: O Poder da Vontade

 

Mewtwo nunca pensou que iria sentir medo de um humano porém lá estava ele tremendo um pouco, ao ver o jovem de cabelos prateados se aproximando. Wendy e Ash se puseram protetoramente na frente de Red para protegê-lo do suposto inimigo. A crença de que ele era um inimigo deles era reforçado por seu olhar maligno e cheiro de sangue.

 

Pikachu e Storm, o Pikachu de Red, se encolheram contra o garoto que os abraçava tentando confortá-los. Sua cauda havia se desenrolado de sua cintura enquanto balançava nervosamente. Tal ação era imitada por seu pai.

 

Ash: Quem é você?

 

Erebus (sorrindo divertido): Olha o que temos aqui... Um pokémon falso (Mewtwo estreita os olhos), restos de DNA ambulante (Red fica confuso sem perceber que Erebus se referia a ele), dois roedores elétricos (os dois faiscam as bochechas tentando intimidá-lo), um cachorrinho de Arceus (Ash rosna enquanto Aura banha as suas mãos) e uma bela garota.

 

Nisso ele olhou para Wendy lascivamente fazendo a Dragon Slayer estreitar os olhos e rosnar para ele. Erebus pensou:

 

"Rosne o quanto quiser. Assim que eu matar esses cinco você e eu ficaremos bastante tempo... A sós."

 

Ash: Eu agradeceria se você não ficasse encarando a minha namorada. E você ainda não respondeu a pergunta.

 

Erebus: Sou Erebus. (dispara uma Aura Sphere negra em Ash) E você é o meu alvo!

 

Ash rapidamente bloqueou o golpe com um Aura Shield mas muito para seu espanto este foi feito, em milhões de pedaços. A esfera negra o atingiu no peito o jogando longe mas ele se firmou. Erebus surgiu em sua frente a ele para a sua surpresa.

 

O meio saiyajin criou uma espada de Aura mas Erebus criou duas de Aura negra muito para a sua surpresa e começou a atacá-lo com elas, enquanto ele tentava se defender. Ash saltou para  trás tomando distância e disparou algumas Aura Sphere's nele porém Erebus bloqueava todos. Ash então voltou para o lado de sua companheira, filho e pokémons.

 

Mewtwo: Quer ajuda Ash?

 

Ash: Ele está num nível diferente de todos nós Mewtwo. (nisso um pergaminho surge na frente dele) Isso está ficando chato... Já é a terceira vez que estamos fugindo?

 

Wendy: Nós não estamos fugindo Ash-kun. Só estamos tendo uma... "Retirada estratégica".

 

Antes que Erebus pudesse reagir todos eles sumiram muito para a sua surpresa e fúria. Nesse momento os seis foram teleportados para Earth Land muito para a surpresa de Red e dos pokémons.

 

Mewtwo: Ash onde nós estamos?

 

Ash: Leia os meus pensamentos e saberá amigo.

 

Mewtwo assentiu e em seguida os seus olhos brilharam começando a ler a mente do Ketchum. Arregalando os olhos o clone de Mew ficou impressionado pelo que Ash e Wendy haviam passado recentemente, e os combates em que haviam estado. Nisso ele passou as memórias para Red, Storm e Pikachu que olharam para o meio saiyajin e a Dragon Slayer impressionados.

 

Mewtwo: Bem e o que está escrito nesse pergaminho?

 

Wendy: Que devemos retornar a Fairy Tail rapidamente.

 

Mewtwo: Entendo. Bem então isso leva ao outro motivo de eu ter vindo falar com você Ash.

 

Ash: Qual?

 

Mewtwo: Eu gostaria que você me capturasse.

 

Ash: Mas por que?

 

Mewtwo: Ultimamente eu percebi que mesmo apagando a memória de treinadores que me procuram tentando me capturar, estou sendo cada vez mais caçado. Eu ainda desconfio da maior parte dos humanos então...

 

Ash: Você quer que eu te capture?

 

Mewtwo: Se não for incomodá-lo. Você é o único humano, ou melhor dizendo meio humano, em quem confio.

 

Ash: Entendo. (pega uma pokébola) Hum... (sem graça) Pode apertar o botão para ser pego? Jogar a pokébola em você me parece errado.

 

Mewtwo deu de ombros antes de encostar na esfera e ser capturado por ela. O meio saiyajin então colocou a pokébola em seu cinto antes deles saírem em direção a guilda. Enquanto isso a quilômetros dali Natsu, Happy, Charle (Natsu estava cuidando dela enquanto Wendy estava na dimensão de Ash), Erza, Gray e Levy estavam num trem rumo a mais uma missão.

 

Em outras centenas de dimensões Erza levaria Lucy junto mas como a loira era inútil, ela chamou Levy McGarden. A azulada usuária da magia Solid Script geralmente faria missão com sua equipe, a Shadow Gear (Egrenagem Sombra), na qual ela era a líder e seus parceiros eram Jet e Droy. Porém as trapalhadas de ambos durante as missões estavam dificultando que ela conseguisse pagar o aluguel, de Fairy Hills facilmente.

 

Erza então a convidou para a missão para ajudar nisso. Natsu estava dormindo para evitar ter enjôos enquanto os outros jogavam uma partida de UNO. Levy então avisou que iria falar com o maquinista para perguntar sobre a nova locomotiva. Enquanto ela estava caminhando em direção a locomotiva ouviu uma voz feminina que devia pertencer a uma jovem da idade de Wendy:

 

"Me pergunto se serei aceita na Sabertooth..."

 

Levy: Hum? (nota uma menina de cabelos prateados) Yo. Sou Levy McGarden da guilda Fairy Tail. E você?

 

Yukino: Sou Yukino Aguria e pretendo me juntar a Sabertooth. Mas não sei se vão me aceitar.

 

Levy ficou de cenho franzido se lembrando do que ouviu sobre a Sabertooth enquanto olhava para a prateada. O mestre da guilda era um homem frio e haviam rumores que se um membro da guilda falhasse numa missão, era espancado antes de ser expulso. Ver a possibilidade daquela menina fofa sendo obrigada a ficar naquela guilda apertava o coração da azulada.

 

Levy (sorri): O que acha de se juntar a Fairy Tail? Somos como uma grande família.

 

Yukino (nervosa): Mas Fairy Tail é uma guilda famosa... Não acho que vão me aceitar.

 

Levy (sorri): Eles me aceitaram. (Yukino se surpreende) Por que não te aceitariam? (estende a mão)

 

Mesmo ainda estando um pouco insegura Yukino sorriu e aceitou a mão extendida de Levy. Em seguida as duas foram para o vagão em que os outros estavam e Yukino se apresentou para eles, menos Natsu que ainda dormia, revelando que era uma Maga Celestial. Erza então explicou sobre a missão em que eles estavam indo.

 

A ruiva havia explicado a eles que no caminho de volta a Magnolia ela havia ouvido falar que Erigor, o mestre da guilda das trevas Eisenwald, havia colocado as mãos na flauta de Zeref chamada Lullaby. Nela estava selado um demônio incrivelmente poderoso segundo lendas e os idiotas achavam, que podiam controla-lo. Sim eu também acho isso um plano estupído.

 

De qualquer maneira eles estavam indo procurar Erigor e arrancar a flauta de suas garras. Eles então saíram do trem... Esquecendo de Natsu.

 

De repente eles ouviram explosões e Natsu chegando segurando uma flauta numa mão e arrastando um homem na outra. Ele olhou para Yukino e depois para os outros pedindo uma explicação. Cinco minutos depois eles haviam derrotado a Eisenwald e foram se encontrar com Makarov na reunião de mestres.

 

Lá eles encontraram Makarov e outro mago das trevas que usou uma magia especial para liberar o demônio, mesmo que a flauta não estivesse nas mãos dele. Yukino então convocou sua Seiren Libra e pediu para que ela deixasse Lullaby tão pesado que ele não pudesse se mover.

 

Em seguida ela convocou Orphicius e pediu para ela destruir Lullaby por constrição esmagando-o e fazendo-o se desintegrar. Makarov começou a chorar de alegria por nada ter sido destruído desta vez e Yukino foi coberta de elogio pelos outros, enquanto corava muito, pela rapidez que ela resolveu o problema. Eles então se despediram de Makarov e os outros mestres e retornaram para Fairy Tail.

 

Chegando lá eles encontraram Wendy, Ash, Red e os Pikachu's também indo na direção da guilda. Após algumas apresentações, e Ash dizendo que Red era seu otouto (enquanto Wendy olhava para Natsu com um olhar de: "Explicaremos mais tarde."), eles entraram na guilda. Após Mirajane colocar a marca em Yukino uma festa foi iniciada.

 

Natsu: O que vocês querem me falar sobre Red? (eles estavam um pouco afastados dos outros e observando o garoto brincar com Chelia)

 

Ash: Ele é nosso filho. (Natsu manda a eles um olhar de "O que você disse?") O que aconteceu é... (explicando)

 

Natsu: Teu mundo é complicado Ash. (observando as garotas acariciando os Pikachu's)

 

Wendy: Mas também é muito bonito Natsu-san.

 

Ash: E Yukino-san é uma maga celestial?

 

Natsu: Sim. (brincando com duas chaves na mão) Ela é digna dessas chaves.

 

Ash: Hum... Se é assim depois irei perguntar a ela se as deseja.

 

Nisso todos sentiram tremores e saíram do prédio para descobrir o que estava acontecendo. Eles ficaram esbasbacados ao ver um grande "Megazord" se aproximando da guilda.

 

Ash: O que diabos é aquilo?

 

Levy: Parece... O prédio da guilda Phantom Lord.

 

Charle: Mas por que eles estão fazendo isso?

 

Erza: O mestre da Phantom Lord, Jose Poorla, é rival do mestre Makarov. Uns tempos atrás eles discutiram quem estava no comando da guilda mais poderosa e essa discussão virou briga.

 

Gray: Que o vovô venceu só para constar.

 

Sherry: E agora ele quer vingança? Isso parece clichê de anime ou desenho animado.

 

Quando o "Megazord" estava a uma distância relativamente próxima a de Fairy Tail ele ordenou que o Mahō Shūsoku Hō: Jupitā (Canhão Convergente Mágico: Jupíter) fosse disparado contra a guilda. O disparo atingiu o topo da guilda vaporizando o segundo andar para o espanto de todos os presentes. Em seguida o canhão estava mirando novamente nos magos.

 

Gargalhando Jose dispara o canhão novamente porém Erza reequipa sua Kongou no Yoroi e juntando as duas partes de seu escudo ela tenta bloquear, o ataque com alguma dificuldade. Notando que o escudo e a armadura estavam rachando a ruiva escurece os mesmo usando o seu Busoshoku Koka aumentando o poder defensivo. Quando a rajada de magia cessa o escudo e a armadura da ruiva estão rachados mais não quebrados.

 

Erza (cai sobre um joelho ofegante): Eu subestimei o poder dessa rajada mágica. (sua armadura some) Baka! Se eu tivesse usado meu Haki desde o início não teria gasto tanta magia para defender!

 

Wendy: Está ferida Erza-san?

 

Erza: Não... Só exausta. Vou precisar de meia hora para poder convocar uma armadura decente.

 

Jose (de um auto falante): Saibam que vocês só tem quinze minutos antes do canhão disparar de novo.

 

Mirajane: Afinal o que você quer?

 

Jose: Eu quero que vocês me entreguem Lucy Heartphilia. Se fizerem isso eu irei embora.

 

Lucy (pensando arrogantemente): É claro que eles não farão isso.

 

Porém muito para a sua surpresa todos pareciam considerar essa ideia.

 

Natsu: Bem... Se fizermos isso não vou ter de aturar ela me pertubando para pegar uma missão todo santo dia.

 

Happy: E iria poupar o trabalho da Erza para fazer Lucy sair da guilda.

 

Gray: O problema é que nossa guilda tem a reputação de não ceder as exigências dos vilões. Então não podemos fazer isso.

 

Bisca: E ainda tem a possibilidade dele disparar esse canhão de qualquer maneira.

 

Levy: Desculpe Jose-san mas infelizmente a resposta é não!

 

Nisso Jose ficou furioso e alguns magos decidiram destruir o "Megazord" disparando magias nela. Porém provocam poucos danos e Happy sugere que eles tentem atacar por dentro. Natsu abriu suas asas e voou destruindo uma parede se vendo na frente da Lacrima que dava a energia ao canhão.

 

Antes que ele destrua a mesma suas chamas são bloqueadas por Totomaru, um membro do Element 4, que mostra a capacidade de controlar todos as chamas na área, mesmo as de Natsu. Porém este revela que já havia notado sua presença e havia ouvido falar de suas habilidades sendo que havia usado seus poderes em baixo nível. Para provar isso ele lança uma chama maior contra Totomaru, que estava na frente lacrima, e este arrogantemente tenta bloquear porém a mesma o atinge jogando-o contra a lacrima destruindo-a e nocauteando-o.

 

Natsu: Bem e esse foi o fim do canhão. (vê Wendy, Charle, Ash, Happy, Gray e Elffman entrando)

 

Elffman: Isso foi muito macho Natsu! (todos ficam com gotas)

 

Gray: E agora?

 

Natsu: Vamos chutar os traseiros do resto dos Element 4 e de Jose é óbvio.

 

No entanto, uma ameaça maior do que o canhão de Júpiter se aproxima quando o Super Mage Gigante Phantom MK II começa a lançar o Abyss Break . Assim, os membros que se infiltraram no robô procuraram uma maneira de detê-lo. Mirajane, ainda vestindo a aparência de Lucy, fica chocado ao ouvir que Elfman está entre eles, preocupado por ele. Para acabar com o sofrimento de seus companheiros de alianças, ela posteriormente se mostra para José, alegando ser Lucy, disposta a se render e se entregar.

 

À medida que Elfman corre por um dos corredores do Phantom Lord Guild, um olho aparece do chão e o Sun de Element 4 brota disso. Ele se apresenta como Monsieur Sun. Elfman diz que seu timing é perfeito e ele poderia forçar o Sun a dizer-lhe como parar o Mago.

 

Ele transforma seu braço direito em Beast Arm: Black Bull. Sun pergunta para ele se ele tem certeza apenas com o braço direito e depois diz que parece que os rumores são verdadeiros. Elfman diz-lhe que já teve o suficiente de seu "blá, blá" e tenta golpeá-lo com seu Beast Arm, mas Sun esquiva.

 

Sun provoca Elfman com suas más lembranças, lembrando-o de como Lisanna morreu por causa de seu fracasso em um Full-Body Take Over. Elfman transforma seu braço no Beat Arm: Iron Bull e tenta bater novamente em Sun, que esquiva e envolve o braço e a perna direita de Elfman. Ele tenta desprender Sun usando a outra mão, mas, como isso não funciona, ele diz "Moncher Sol" para livrá-lo. Sol corrige sua pronúncia com um chute no rosto.

 

Elfman observa que Sun é muito mais forte do que parece. Elfman dispara em outro golpe em Sun, mas é parado quando vê um Clone da Terra de Lisanna feito pelo mesmo. Ele pede desculpas e afirma que quando Elfman pisou nele mais cedo, ele leu uma lacuna em sua memória e criou Lisanna fora dela.

 

Ele diz a Elfman que ele tem uma preciosa irmãzinha e pergunta onde ela pode estar agora. Sun acrescenta que ele foi grosseiro porque Lisanna está enterrada no chão frio e escuro. O braço da fera de Elfman desaparece assim que o Clone da Terra de Lisanna abre seus olhos e grita para Elfman.

 

Ele tenta um Full-Body Take Over, se recusando a ser enganado, mas Sun o rodeia com vários Clones da Terra de Lisanna. Isso o distrai e ele falha no Take Over. Sun percebe que o poder mágico de Elfman enfraqueceu consideravelmente e diz-lhe para não tentar fazer o que ele não consegue lidar.

 

Elfman responde que Sun deve lutar contra ele como um homem, justo e quadrado, o punho no punho. Sun retorna todos os Clones da Terra de Lisanna ao pó e afirma que ele não pode aceitar o questionamento de Elfman sobre sua masculinidade porque ele não tem direito porque ele é um lixo que matou sua própria imouto.

 

Sun lança o Plater Sonata um feitiço que forma um punho em gesso que golpea o inimigo e envia para longe Elfman criando um buraco. Através desse enorme buraco, Elfman vê Mirajane sendo lentamente esmagado pelo Giant Mage. Sun explica que ela está sendo punida por tentar enganar José. Sun fala com ele quando percebe que Mirajane é a irmã mais velha de Elfman, que antes era temida como o "Demon".

 

Ele diz a Elfman que ele verá sua irmã mais velha morrer antes de seus próprios olhos, assim como com Lisanna, sua irmã mais nova. Sun diz que Elfman é apenas um mago impotente que não sabe nada, mas falha sobre virilidade e, como cavalheiro, não pode perdoá-lo. Ele dará a Elfman sofrimento eterno como ele se torna um com a terra.

 

Ele lança seu Merci la Vie e lentamente transforma Elfman em pedra. Enquanto está em transe, Elfman vê memórias antigas que compartilhou com Lisanna. O primeiro é quando ele ainda era jovem, chorando no túmulo de periquitos mortos e Lisanna veio consolar-lo e diz que todos os seres vivos morrem algum tempo, mas se ele se lembra deles, eles viverão para sempre em seu coração.

 

Elfman rejeita o conforto de Lisanna e isso faz com que ela chore. A segunda memória é do tempo que eles foram para ajudar Mirajane em uma missão de classe S. Eles estavam se despedindo de Natsu e Happy por um tempo.

 

Elfman tenta dizer-lhes para não ir nessa missão ou pelo menos levar Natsu com eles, mas a memória desaparece. A terceira e provavelmente a pior lembrança é quando ele foi controlado pela besta e perdeu a razão. Ele feriu Mirajane, que disse a Lisanna para correr.

 

Mas Lisanna não partiu e tentou conversar com Elfman, dizendo que ele não pode ter esquecido dela e Mirajane porque ambos o amam muito e eles devem ir para casa. Isso não convenceu Elfman de volta ao normal e ele joga Lisanna com muita força e isso causa sua suposta morte.

 

A quarta memória veio, e foi dele e Mirajane chorando no túmulo de Lisanna. Na memória, ele é visto culpando-se pela morte de Lisanna, mas Mirajane diz-lhe que não é sua culpa e que Lisanna lhe disse que todos os seres vivos morrem por algum tempo. Eles prometem viver ao máximo no lugar de Lisanna durante esse tempo.

 

A quase-estátua Elfman grita quando ele é trazido de volta à consciência pela voz de Mirajane. Elfman vê as lágrimas de Mirajane e se levanta, irradiando com poder. Ele diz que ele jurou nunca mais ver as lágrimas de sua irmã e ele pergunta por que ela está chorando.

 

Com fúria, ele pergunta quem fez isso e o que a fez chorar. Elfman afirma que Lisanna morreu porque ele era fraco e ele nunca mais quer se sentir de novo e afirma que quer se tornar um homem forte que possa proteger sua irmã. Mirajane reconhece a luz que Elfman irradia e tenta convencer Elfman a não tentar fazer um Full-Body Take Over.

 

No entanto, Elfman é consumido com luz e é bem sucedido com o Full-Body Take Over, Beast Soul. Isso faz com que o Sun entre em pânico, que é atingido várias vezes por Elfman até o ponto em que o seu rosto fica inreconhecível. Elfman ouve a voz de Mirajane chamar de fora e ele sai e se aproxima dela. Mirajane está ligeiramente nervoso por causa da possibilidade de ele ter perdido o motivo novamente. No entanto, como Elfman libera Mirajane das garras do Giant Mage e fala com ela em sua voz normal, ela percebe que não era o caso.

 

Ele se desculpa com ela porque provavelmente nunca quis vê-lo nessa forma de novo. Ele afirma que foi porque ele não foi capaz de controlá-lo corretamente a primeira vez que Lisanna "morreu". Mirajane diz-lhe que ele é lúcido porque ele explica que não havia mais nada que pudesse fazer porque queria protegê-la e Fairy Tail.

 

Mais uma vez, Mirajane diz-lhe que não foi culpa dele que Lisanna morresse, ele tentou o seu melhor para protegê-los na época também. Embora Elfman insiste que ele falhou porque Lisanna morreu, Mirajane diz que ela ainda está com ele e lembra-lhe a decisão de viver uma vida plena por causa de Lisanna. Isso faz Elfman chorar aliviado que Mirajane esteja tudo bem.

 

Mirajane percebe como o Gigant Mage de repente desacelerou ao lançar Abyss Break. Quando ela pensa sobre como Abyss Break é lançado usando os quatro elementos (fogo, vento, água e terra), ela pergunta a Elfman quantos do Element 4 sobraram para o qual ele responde que faltam dois. Mirajane explica que o Elemento 4 é a fonte de energia do Mago Gigante e que, se eles são capazes de derrotar o Element 4, Abyss Break deve ser cancelado.

 

Eles saem para procurar os dois membros restantes do Element 4. Com Wendy, Ash, Charle e Pikachu os quatro entraram num salão e viram uma cena bem... Estranha.

 

Gray estava com a mão esquerda congelada no seio de uma mulher de olhos e cabelos azuis vestindo uma roupa no estilo russo. Ele reparou os quatro ali e corou fortemente.

 

Gray: Isso não é o que parece!

 

Wendy: Gray-san nós viemos aqui impedir a destruição da nossa guilda e não fazer filhotes com nossos inimigos.

 

Juvia: Juvia acha que está gostando.

 

Gray (desesperado): Não é isso! Enquanto lutavamos minha mão congelou nessa área dela! E como Juvia é uma maga de água eu não posso descongelar o gelo!

 

Ash: Isso não explica porque você está só de cueca Gray...

 

Gray: O que? (nota que só está vestindo a referida peça de roupa e cora ainda mais) Juvia isso não é o que parece!

 

Juvia: Juvia entende Gray-sama. Juvia vai se juntar a você... (começa a tirar as roupas da melhor forma que podia)

 

Gray: Calcinha roxa boa e... Espere! O que está fazendo?

 

Charle: Creio que esteja tirando as roupas como você fez...

 

Pikachu: Pikapi...

 

Gray (repara eles rindo): Isso não é engraçado! Como a Juvia é feita de água eu não posso descongelar minha mão!

 

Ash: Bem... Nós temos de ir agora então vamos deixá-los sozinhos.

 

Wendy: Não façam muitos filhotes enquanto estivermos fora!

 

Juvia: Juvia e Gray-sama farão uma família cheia de filhos e filhas! Juvia não pode esperar!

 

Gray: Talvez isso não seja tão ruim...

 

Enquanto isso Wendy. Ash, Charle e Pikachu haviam saído dali gargalhando. Quando eles saíram dali viram Sun espancado no chão.

 

Wendy: Pelo visto o Elffman-san passou por aqui.

 

Ash: Ei cabelo de meleca ainda tem algum mago para enfrentarmos?

 

Sun: O nome dele é Gajeel Reedfox. Terceiro corredor a direita.

 

Ash: Obrigado.

 

Sem qualquer consideração os quatro passaram por cima de Sun e seguiram na direção indicada. Lá eles viram Gajeel sentado numa cadeira enquanto jogava facas contra alvos atrás de uma Lucy pálida.

 

Ash: Você está evitando atingir a vaca de propósito?

 

Gajeel: Eu precisava matar o tédio. Vieram salvar sua amiga?

 

Wendy: Na verdade viemos enfrentar magos da Phantom Lord para salvar nossa guilda. Salvar a Valucy é consequência disso.

 

Gajeel: Entendido. (se levanta) Bem vamos começar a lutar?

 

Sua resposta foi Ash socá-lo mas ele disse antes de bloquear:

 

"Um soco no meu peito."

 

Ash: Kenbunshoku Haki?

 

Gajeel: Talvez... Tetsuryuu no Uroko (Escamas do Dragão de Ferro). (seu corpo é coberto por escamas de ferro) Tetsuryuukon (Bastão do Dragão de Ferro)!

 

Ele tentou atingir o Ketchum com seu bastão mas este esquivou e em seguida Wendy o chutou na face não provocando, muitos danos. As escamas de Gajeel haviam dado a ele um grande poder defensivo. A azulada disparou seu Tenryuu no Hoko (Rugido do Dragão do Céu) contra ele porém o Reedfox contra atacou, com seu Tetsuryuu no Hoko (Rugido do Dragão de Ferro).

 

Os dois ataques colidiram criando uma explosão cegando Gajeel. Ash saiu da fumaça correndo na direção dele com o punho escurecido porém ele saltou esquivando do golpe. Sua trajetória o levou para onde Wendy o esperava em cima e o chutou com o pé escurecido por Bosushoku Haki: Koka.

 

O moreno de olhos vermelhos colidiu com o chão e rosnou ao ver que suas escamas haviam rachado um pouco. Ele ativou seu Tetsuryuuso (Lança do Dragão de Ferro) e em seguida ele usou o Kishin (Ataque do Demônio) para disparar, várias pontas de ferro nos adolescentes. Os dois são atingidos por algumas criando cortes em seus corpos que começam a sangrar.

 

Gajeel então os golpeia com socos e chutes e eles mal conseguem bloquear alguns e são atingidos por outros. Ash dispara uma grande Aura Sphere contra o peito e Gajeel... Enquanto ele estava muito próximo dele e Wendy.

 

Com a explosão todos no recinto foram jogados contra as paredes com força. Isso teve o efeito colateral de provocar danos na estrutura interna e causar destroços caírem sobre alguns dos magos da Phantom Lorde, que gritava:

 

"Sobrou pra nós!"

 

Ash: Ok eu admito que isso não foi a minha melhor ideia...

 

Wendy: Cuidado com isso Ash-kun.

 

Do nada todos caíram de joelhos no chão sendo que a maioria dos magos da Phantom Lord e alguns de Fairy Tail desmaiaram. Erza estava enfrentando Aria naquele momento e se surpreendeu ao cair de joelhos enquanto seu adversário desmaiava. A ruiva sussurrou:

 

"É Natsu."

 

Com o Dragneel:

 

O mago de fogo estava na frente de Jose Poorla que foi muito espancado por ele. Jose havia dito furioso para Natsu que ele não tinha o direito de negar-lhe sua vingança ao que o Dragneel respondeu, que o Mago Santo, provavelmente em breve ex-Mago Santo, estava se comportando como uma criança mimada apenas por perder uma briga. Natsu então havia zombado dele dizendo que ele era um mestre de guilda ruim e um lutador pior ainda.

 

Jose disse que iria destruir Fairy Tail porém Natsu disse que ele não tinha força para isso e para provar suas palavras, usou seu Haoshoku Haki. Nesse momento ele pode sentir várias presenças da Phantom Lord e algumas de Fairy Tail desmaiando. Jose surpreendentemente aguentou ele usando seu Haoshoku, em baixa potência, por cinco segundos antes de desmaiar.

 

Natsu: Fracos... Vamos ver os que desmaiaram de Fairy Tail foram: Macau, Wakaba, Romeu, Jet, Droy, Alzack e Lucy. Por que eu não estou surpreso?

 

Nisso ele viu Elffman, Mirajane, Erza, Gray e Happy se aproximando dele sendo que ele explica o que ocorreu. Após o fim da guerra o exército do Conselho Mágico chega para aprender sobre o que aconteceu. Depois de uma semana de interrogatório e um pequeno julgamento os juízes chegaram a um veredito.

 

Fairy Tail é inocente como há testemunhas que a Phantom Lord foi a atacante e a primeira guilda apenas se defendeu, José foi despojado de seu título de Mago Santo, e a Phantom Lord é dissolvida deixando de ser uma guilda. Makarov então se encontra com Yajima, um dos conselheiros, bem como um velho amigo, sendo um dos principais motivos do bom resultado do julgamento. O último diz que ele não pode continuar a proteger Fairy Tail de todas as acusações e que Makarov deve considerar a aposentadoria.

 

De volta a guilda Natsu recebe uma carta do Conselho da Magia dizendo que eles estavam fazendo dele um Mago Santo. No envelope estava o distintivo provando que a carta era legitíma. Yukino recebeu as chaves de Virgo, Sagittarius e Aquarius que estavam com Natsu e Ash.

 

A jovem ficou emocionada e jurou cuidar muito bem dos Seirens. Alguns dias depois ela viu Loke deprimido e perguntou o que havia acontecido. O jovem então contou a prateada de olhos azuis sua história e revela que ele é na verdade o seiren Leo.

 

Depois de terminar sua história, Loke começa a desaparecer da existência de sua extensão excessiva no mundo humano, mas Yukino se recusa a deixá-lo morrer e tenta pensar em uma maneira de abrir seu portão. Yukino então eleva sua magia fazendo todos os seus Seirens surgirem enquanto tentava abrir o portão para o Mundo Celestial.

 

Nisso o Seiren O surgiu e ficou impressionado com a determinação de Yukino para salvar Loke/Leo. Ao vê-la sofrendo o Seiren O decide fazer uma exceção e permite que Loke volte ao Mundo dos Espíritos Celestiais devido à decisão de Yukino para salvá-lo. Loke inicialmente se recusa devido ao seu pecado contra Karen, mas é dito para viver e lutar por seus aliados como um meio para expiar.

 

À medida que seu Portão abre ele chora e agradece a Yukino por sua ajuda e apoio. Ele expressa alívio ao poder seguir do passado e lhe dá sua chave, formando um contrato com Yukino.

 

Dimensão DxD:

 

Issei: Azazel está fazendo... (olhando para um Tyrannossauro Rex vermelho de seis andares) Robôs gigantes? De Power Rangers?

 

Vali: Ele viu Might Morphin Power Rangers na semana passada e resolveu fazer os mechas da série no mundo real.

 

Akeno: Ara, ara. Se bobear ele faz os dispositivos de transformação também.

 

Azazel: Na verdade eu já os fiz. (mostra os ditos dispositivos para a surpresa dos três) Só falta eu encontrar algumas cobaias para testar a transformação.

 

Akeno: Por que não tenta com robôs?

 

Azazel: Porque o robô que eu usei para testar a transformação foi comprimido pelo traje e explodiu. Algum de vocês quer testar?

 

Automaticamente os três jovens deram um passo muito corajoso... Para trás. Eles não são idiotas.

 

Vali: Er... Onde está a Asia-chan?

 

Azazel: Foi meditar para conversar com o Fafnir dentro da Sacred Gear que dei a ela.

 

Ddraig: Ainda estou preocupado que você tenha dado aquele pervertido a Asia-chan.

 

Albion: Concordo com o vermelho.

 

Azazel: Deixem de ser chatos! Agora se me dão licença eu vou continuar criando meu satélite da Liga da Justiça.

 

Akeno: Satélite?

 

Vali: Ele quer por um satélite em órbita?

 

Issei: Não deveriámos impedi-lo?

 

Akeno: Sim.

 

Vali: Onde estão Kiba, Irina e Xenovia?

 

Issei: Michael-sama os chamou para serem os primeiros humanos a se tornarem anjos pelo sistema "Brave Saint" (Santos Bravos). Depois que a Asia-imoutochan terminar sua sessão com o Fafnir ela também vai vê-lo para se tornar um anjo.

 

Akeno: Ara, ara. Como eles fizeram esse sistema?

 

Vali: Azazel conseguiu por as mãos em algumas Evil Pieces anos atrás e criou o sistema "Fallen Saint" (Santos Caídos). Depois que a reunião ocorreu ele mandou os dados do sistema para Michael.

 

Issei: De quem eram essas Evil Pieces?

 

Vali: De um akuma que estava me perseguindo por causa de Albion. Longa história.

 

Earth Land:

 

Erza havia ganho ingressos vip's para o Resort Akane e seu cassino sendo que havia convidado Natsu, Gray, Yukino, Happy, Charle, Sherry, Chelia, Wendy, Ash, Red e os Pikachu´s para irem com ela. A maioria dos mesmos decidiram aproveitar um pouco a praia fazendo Gray perceber que Juvia estava na mesma. Ash estava babando por Wendy num biquíni verde que realçava as curvas da azulada que sorria para ele.

 

No hotel Erza relaxa em seu quarto e se afasta para dormir. Ela sonha com seus horrores de infância na Torre do Paraíso, onde ela trabalhou como escrava para construir o R-System. Ela se esconde em um canto e chora quando a voz de Jellal Fernandes sussurra para ela que a liberdade é apenas uma ilusão.

 

Erza então acorda e se olha no espelho notando que Red, Chelia e Storm (usando um lenço azul no pescoço) estavam ali. A ruiva se virou para eles.

 

Red: Por que estava chorando Erza-san?

 

Chelia: Se você se machucou eu posso te curar.

 

Erza: Não é nada. Por que não estão com seus irmão e prima?

 

Chelia: Nós queriámos explorar o hotel.

 

Red: Estavamos passando quando ouvimos você gritando.

 

Erza: Eu estou bem. (acaricia Storm que havia saltado em seu colo)

 

Chelia: Ok. Você devia evitar usar a armadura mais Erza-san.

 

Erza: Huh? (nota que esqueceu de colocar a Heart Kreuz Armor) Eu me esqueci de por.

 

Fonte Termal do Akane Resort:

 

Ash e Wendy estavam na área hotel com uma fonte termal após voltarem da praia. ora os dois estavam completamente nus na fonte, com exceção de toalhas, observando um ao outro corados. Foi Wendy quem ironicamente tomou a atitude deixando sua toalha cair e se aproximando de seu companheiro, esfregando os seus seios de médio porte nele.

 

Wendy (tom envergonhado mais com alguma firmeza): Você me quer Ash-kun? (ela está lentamente deixando seus instintos assumirem)

 

Ash: Não me provoque Wendy-chan. (ele também está deixando os seus instintos assumirem)

 

Wendy: E se eu não quiser? (sorri maliciosamente) Você vai me punir por ser uma "menina má"? (a resposta dele é agarrá-la e fazê-la se sentar em seu colo esfregando sua masculinidade (ainda coberta pela toalha) em sua feminilidade fazendo-a gemer)

 

Ash: Isso responde a sua pergunta? (brinca com um dos seios dela fazendo-a gemer mais) Você tem algo a dizer minha Dragoa do Vento má?

 

Wendy (tom pervertido): Sim Ash-kun! Eu sou uma Dragoa má! E dragoas más merecem ser punidas!

 

Wendy: Colocando a sua "espada" dentro de mim! (com a face vermelha de vergonha e excitação quando Ash a coloca deitada na cama)

 

Ash: Já que insiste Wendy-chan... (tira a toalha da cintura exibindo sua grande masculinidade ereta para a azulada)

 

Wendy (pensa): É tão grande... (nervosa e fala) Será que vai caber?

 

Ash (calmo): Eu vou ser gentil.

 

Wendy preparou-se quando viu Ash alinhar seu membro com seu núcleo. Ash, em seguida, começou a entrar lentamente em Wendy, estremecendo com o quão apertada ela era. Wendy soltou um longo gemido quando ela sentiu que estava sendo forçada a se separar pelo membro de Ash.

 

O meio saiyajin deu a meia dragoa um beijo apaixonado antes dele perfurá-la até o fim fazendo-a soltar um pequeno grito. Ash beijou Wendy novamente enquanto ele continuava a penetrá-la, antes de assentamento para fora como a ponta de seu membro pressionou contra seu ventre. Wendy se contorceu em desconforto, sentindo-se como se tivesse sido espalhar para seu limite por Ash.

 

O moreno começou a dar estocadas lentas e cuidadosas na azulada enlouquecendo enquanto ela gemia murmurando, o seu nome. E mais ainda por estar dentro da intimidade apertada dela. Algum tempo depois os dois sentiram os seus ápices.

 

Eles rosnaram enquanto gozavam um no outro. Ash estava prestes a sair de Wendy quando ela o surpreendeu deitando-o na cama, ficando por cima dele. Ela sorriu maldosamente exibindo as suas presas.

 

Wendy: Não acabamos ainda Ash-kun! (começa a saltar na masculinidade dele) Só vamos terminar quando eu disser! (gemendo de prazer)

 

Ash (gemendo): Se você diz... (sorri ferozmente) Você não é a única que conhece esses truques! (dá tapas na bunda dela fazendo-a gemer)

 

Mais tarde no cassino do hotel:

 

Lá Gray encontra Juvia que admite que esteve seguindo-o por toda aquela semana. Os dois falam sobre a saída dela da Phantom Lord e que a azulada gostaria de entrar na Fairy Tail. Naquele momento um homem chamado Simon aparece na frente deles, afastando Juvia e exigindo saber onde é Erza.

 

Enquanto isso Natsu está jogando Black Jack e vencendo pela quarta vez seguida muito para o desespero, do anfitrião. De repente um homem de queixo estranho se aproxima do Dragneel e pede para ele pegar leve. O jovem estava prestes a responder quando viu uma arma apontada para sua face antes de ser disparada.

 

Simon: Eu vou perguntar apenas mais uma vez. Onde Erza está?

 

Gray: Por que eu deveria responder? (vê Simon preparando sua magia e imita sua ação)

 

A dita ruiva e Sherry estavam jogando um jogo de cartas quando alguém colocou várias cartas, que soletravam "morte" em inglês. As duas olham para a pessoa que colocou as cartas na mesa e Erza arregalou os olhos ao reconhecer quem era:

 

"Shô?"

 

Nisso as duas ouviram uma explosão e viram Natsu muito chateado segurando Wally pelo pescoço. Em seguida viram uma garota com características felinas, que Erza reconheceu como Milliana, chegando segurando os exceeds e os pokémons contra seu peito. Wendy, Ash, Red e Chelia chegaram com gotas observando essa cena.

 

Gray: Tem certeza que ainda quer arrumar briga Simon-san?

 

Simon: O que aquela mulher disse era verdade... (todos o olham confusos)

 

Shô: Que mulher? E do que está falando Simon?

 

Simon: A verdade sobre Jellal.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...