História Dirty Laundry- The Rich Girl {IMAGINE TAEHYUNG} - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Imagine, Imagine Taehyung, Imagine V, Lemon, Tae, Taehyung
Visualizações 16
Palavras 2.079
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Lies?


Fanfic / Fanfiction Dirty Laundry- The Rich Girl {IMAGINE TAEHYUNG} - Capítulo 7 - Lies?

Acordei dentre os lençois da minha cama. Algo que eu estranhei pois, quando adormeci, eu estava na casa de tae. Levo meus braços até o criado mudo e pego meu celular, sentindo uma dor extremamente gritante da minha cintura pra baixo. 


-APPA JIMIN!- falei entre lágrimas

-oi! oi! oi!- ele chegou abrindo a porta do meu quarto rapidamente e entrando quase correndo

-A-a-appa- falei estendendo os braços continuando a chorar

- O que aconteceu?- falou se deitando ao meu lado e fazendo carinho no meu cabelo

Em meio aos soluços falo que Minha perna estava doendo muito, não de uma maneira que foi abusada da noite anterior. Mas as pernas literalmente, como a minha coxa estava doendo pra cacete.


Appa Jimin abaixou a coberta e começou a tocar minhas coxas


- Oh meu Deus __________!- ele falou completamente estasiado


Saiu correndo e ouvi o som dele descer as escadas, voltou com um potinho de óleo e o telefone em mãos

-Sim, uma emergência. Minha filha está com um roxo enorme na parte interna da coxa- ele começou a falar e eu comecei a entrar em desespero, olhei para baixo vendo a parte internna de minha coxa completamete coberta por um roxo quase preto, dando pra ver uma certa elevação do músculo.

Estendi o braço para o criado mudo com a maior força que tive e agarrei meu celular. Appa jimin me pegou no colo e descemos até a sala, ele me deitou no sofá e passou um pouco do óleo em minhas pernas 

-vai melhorar um pouco, desculpa não posso te dar analgésicos sem saber o que você tem.

- e-esta d-do-doendo appa- falei continuando a chorar

-e-eu sei- ele falou massageando o local com leveza

Uma ambulância chegou em frente de casa, Várias pessoas entraram em casa, no mínimo umas 4, elas me levantaram em uma maca e me dirigiram até dentro da vã.... Lá me fizeram perguntas, as respondi levando algo na veia, somente acordando em cima de uma cama completamente branca com minhas roupas trocadas

- o que....- falei descendo minhas mãos pela minha cintura sentindo minha perna durmente

-___________!!!- Meus Appas gritaram em sincronia

Appa Jungkook estava de jaleco, jaleco branco Provavelmente estava trabalhando hoje. Appa Namjoon estava ccom uma roupa toda preta e um crachá pendurado no pescoço, Appa jimin estava com Uma blusa branca, calça e sapatos sociais, com o crachá de secretário que usava todos os dias ao trabalho.

-o que.....- continuei sem entender nada

- Olha... é meio difícil de falar tudo assim na hora mas...- Appa Jungkook chegou mais perto análisando a atadura e mostrando-me os pontos da cirurgia

-você rompeu um tendão da coxa, por enquanto o único motivo que encontramos foi excesso do uso do músculo. pelo mal aproveito de exercícios e etc.

-entendi...- quando passei o final de semana na casa de tae, nós saímos pra correr algumas vezes, juntamente quando fizemos sexo deve ter causado isso.

-Já ligamos pros seus amigos e explicamos o que aconteceu, eles ainda estáo em perdíodo de aula, mas disseram que logo viriam- Falou Appa Jimin

- O que vocês ainda estão fazendo aqui?- falei- Vocês estão em horário de trabalho. Não me considerem um fardo

Os 3 ficaram com uma cara de bunda

- como assim fardo?- indagou Appa Namjoon- Nós pegamos uma folga no serviço pra vir cuidar de você e você ainda quer que vamos em bora?

- sim- falei- eu já to bem olha :)

-Okay então- ele falou se aproximando de mim, depositou um beijo na minha testa e segurou minha mão- quando o turno do trabalho acabar eu venho te visitar. Juro.- falou e se afastou sorrindo

-tchau Appa namjoon!- sorri balançando a mão

Logo Appa jimin também se despediu, bejando minha mão e me fazendo rir, logo indo em bora também

- e o senhor?- levantei a sobrancelha me ajeitando na cama com dor e olhando para Appa Jungkook sentado na poltrona do acompanhante

-Sou seu médico- falou sorrindo e cruzando os braços- não va adiantar me mandar em bora.

- nooosssaaaa- fiz um bico

-Não fui eu que te operei... Lógico, por causa da lei que não deixa. Mas confio nos meus amigos colegas e sei que foi uma boa cirurgia.

-boa pra quem?- perguntei

-pra você. Queria morrer de dor?

-tuchê- falei- então me explica mais

-bom... você vai ficar uma semana ainda de cadeira de rodas, foi um rompimento bastante grave. Mas com bastante acompanhamento médico- se auto promoveu- e bastante fizioterapia logo vai poder sair correndo e cair de cara no chão enquanto anda de bicicleta

-Ei! isso só aconteceu uma vez- ri

-você parece bastante bem- falou

- está doendo bastante, mas é administrável- falei

Ouvi um bip. Era de meu appa.

-parece que estão te chamando- falei

- eu vou mas volto logo- falou se levantando e colocando um crachá- vou perdir para que tragam algo pra você comer. 

-Ah seu celular está de baixo do travesseiro- falou antes de fechar a porta

Passei a mão debaixo do travesseiro e senti meu celular, o peguei e desbloqueei.

Mozão:

-____________, durma bem baixinha (05:32)

- MEU DEUS ____________!!!- (12:43)

- COMASSIM ROMPIMENTO DO TENDÃO?

- VOCÊ TA BEM??

-MEU DEUS EU TO MUITO PREOCUPADO

- FALA ALGUMA COISA AAAAAAAAA

- _______________!!!!!!!!!!!!!

Aa@

-VOCÊ TA DIGITANDO AAAAAAAH  (16:21)

-________________!!!!! MEU DEU DO CÉU EU TO MUITO PREOCUPADO FALA ALGUMA COISA

Tá tudo bem Tae! acabei de acordar-

não se preocupe, eu não morri-

- aaah meu bebê frágil- (16:22)

-assim que acabar essa aula eu saio correndo 

pra te ver, meu bebê

Meu deus Tae-

foi só um tendão rompido-

eu não tenho ebola-

-fica sentadinha aí sem fazer esforço. Eu já já to aí

Também te amo tae-

- <3










Qq

Bem... Os dias se passaram.... e eu finalmente pude ir pra escola, pois já estava de muletas.

Fiz um penteado bem bonito e fofo com os meus cabelitchos.... a quem eu to tentando enganar, eu só penteei eles como sempre. 

coloquei minhas roupas e coloquei a meia só na perna direita (a que não sofreu o rompimento), coloquei um shorts em baixo da saia, para que nada de ruim acontecesse e desci as escadas.

-Bom dia- falei

Meus appas já estavam vestidos para o trabalho

- Bom dia ___________!- disseram em harmonia

-como minha paciente está hoje?- Appa Jungkook perguntou

- Sua filha está muito bem- ri pegando uma maçã e mordendo

-tchaú :3 - falei pegando minha mochila e a colocando em um ombro só

- tem certeza que você não quer que eu te leve de carro?- falou Appa Jimin

-ta tudo beeem- falei fechando a porta da frente e me dirigindo ao caminho da escola

Coloco meus fones de ouvido e me solto completamente do mundo, passo a passo com as muletas. 

De repente sinto alguém dar um "empurrão" em minhas pernas, me fazendo sentar em algo macio, me despertando curiosidade e tirando meus fones

-tae?- falei assustada

-seu namorado- falou a voz aveludada sorrindo, quando eu olhei para cima

- porque você trouxe uma cadeira de rodas?- falei me referindo a qual ele estava me empurrando agora

-porque eu tenho que cuidar de você, assim é uma maneira de você nunca ficar longe de mim.- falou

No caminho para escola fomos privilegiados, deram lugar para o tae sentar, em frente a mim que estava na cadeira de rodas, nós saímos e nos divertimos apostando corrida com Jin e Hoseok até o portão da escola, onde nos damos de cara com a diretora a minha espera

-____________!- falou a mesma- seus pais me alertaram sobre os seu condicionamento...- falou

- boa sorte com isso- sorriu e fez um carinho no meu cabelo

-Obrigada senhora diretora- falei e tae me empurrou para dentro

No meu armário, coloquei as muletas, juntamente de alguns livros, colocando a mochila nas costas da cadeira, carregando no colo a mochila de tae. Fomos até a lanchonete, onde pedimos pequenos pãezinhos para comer, junto de chá

As aulas passaram rápido, dando tempo da gente se preparar para a Educação Física. 

Tae me levou até a quadra, e me deixou lá plantada enquanto foi no vestiário de trocar.

-Oi ___________.....- Falou uma voz se sentando ao meu lado

- y-y-yoon?- falei virando meu rosto e me deparando com a face pálida do mesmo

-eu mesmo- sorriu em deboche

- que cadeira de rodas bonita- falou- mais bonita quem está sentada nela.- riu 

-O que você quer?- 

-Ah minha cara __________

-eu quero Vingança ao seu namoradinho Taehyung- riu em deboche novamente

-ele estragou muita parte da minha reputação aqui no colégio e fora dele também...

- do que você ta falando??- fiquei surpresa

-depois que você ficou com ele, rolou uns boatos de que eu te traía e pegava outras meninas..- suspirou- quem será que lançou esses boatos?- falou com expressão de pensador

- Minha querida __________...- falou virando a cadeira de rodas e me virando para frente dele- todas as pessoas mentem para conseguir o que querem.... e o seu namoradinho não é diferente

-Como vou saber que você não está mentindo pra mim?- falei irritada

-Simples... Hoje no Handebol. O seu namoradinho vai fingir machucar o braço, apenas para não ter que te levar para casa e se encontrar com outras garotas....

- isso é ricículo- falei virando minha cadeira e mexendo meus braços em direção para o outro lado mas ele segura uma das rodas

-Foi o que eu ouvi no vestiário antes de vir...- falou- acredite, eu estou compromissado agora. Você sabe que eu to namorando a Kang. - olhou em meus olhos- somos amigos agora ____________.... e você tem que acreditar em mim

-você é ridículo- bufei me levando para o outro lado da quadra e esperando os meninos e meninas entrarem. As meninas se disperçaram pelos cantos com cordas e bolas enquanto os meninos foram jogar handebol no centro

Tae era o goleiro

Em um dos recebimentos, ele defendeu uma bola que soou tão alto que deu para ouvir o som de seu gemido de dor de onde eu estava. 

todos se aglomeraram em cima dele, mas ele só ficou olhando para o braço, em um minuto o professor chegou, espantando todos e o mandando ir para a enfermaria junto de outro colega

- Eu vou Professor Kang.- falei já seguindo tae 

-Taehyung?- falei olhando pra ele- ta tudo bem, Oppa?

-t-ta s-sim _____________- falou apertando o passo até a enfermaria

-tae, porque você ta assim?- ele ta tão seco comparado ao antes do vestiário

-eu to bem ___________.

-não você não tá!- falei alto

- EU JÁ FALEI QUE TO BEM ______________, PARA DE INSISTIR, EU NÃO PRECISO QUE VOCÊ CUIDE DE MIM AGORA OKAY?

-ah é?- falei com raiva

- então vai, já que você não precisa de mim.- dei meia volta com a cadeira de rodas e segui o corredor, voltando dessa vez para a biblioteca, pegar uns livros

O sinal tocou e eu me dirigi até a sala de aula, sendo a primeira a chegar, pois os outros ainda estavam se trocando da educação física. Deitei minha cabeça na mesa e tentei relaxar o corpo... Mas acabei dormindo.

Acordei com o sinal da hora do amoço.

esfreguei o meu rosto com as mãos e me dirigi até o banheiro. Quando saí da cadeira de rodas para sentar no sanitário, ouvi um estalo da cadeira, mas ignorei. Quando sentei novamente na mesma, após terminar o meu serviço, sinto que à algo de errado. 

dou duas arrancadas com a cadeira e sinto um lado dela descer mais

Se eu fosse a frente mais um pouco a roda iria sair.

fiquei ali parada, esperando alguiém passar. mas eu estava no andar de cima e todos estavam em baixo, almoçando

Liguei para Hoseok

-Hope. você pode me trazer minhas muletas que estão no meu armário? A senha é 1508

- Posso, posso sim. Mas o que aconteceu?

- é urgente, por favor. Só venha pra ca

eu não poderia ficar em pé sem as muletas, se não eu iria cair e machucar mais ainda meus tendões.

Ouvi alguèm bater na porta

-___________!

-é o Hoseok!

-eu não achei suas muletas, tem certeza de que elas estavam no seu armário?

-t-t-tenho!- falei sentindo a cadeira se desmontar um pouco mais

Um dos ferros estava apontando para minha coxa, se eu não saísse dali rápido é possível que sofresse um corte fundo.

Eu comecei a entrar em pânico. Eu tinha acabado de acabar de ferrar o meu tendão e agora eu ia ferrar a minha outra perna. Maldito seja o ser que tirou alguma coisa desta maldita cadeira. 

Fui me levantando devagar e sentindo uma dor se distribuindo pela perna do tendão rompido. e quando eu fechei os olhos para diminuir a dor mentalmente, apenas escuto o barulho da porta sendo aberta bruscamente e algo me segurar. 

Foi me levando no colo até uma das salas

-ME DESCULPA TAE EU NÃO DEVIA TER TE DEIXADO ALI MACHUCADO, EU DEVIA TER FICADO COM VOCÊ ME PERDOA EU TO MUITO ARREPENDIDA DISSO EU DEVIA TER CUIDADO DE VOCÊ COMO VOCÊ SEMPRE FAZ COMIGO TAE POR FAVOR ME PERDO.....

-_______________?- escutei uma voz que não era a do meu namorado

.

.

.

-Yoongi?


Notas Finais


Hehe


Vcs sabem que eu adoro fazer mistério pra postar só 40 anos depois



Até daqui 40 anos💛


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...