História Disconnection - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 2
Palavras 2.091
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Boatos



JungKook foi acordado pela luz de seu quarto sendo ligada
- Bom dia. – Disse Jimin sentando de seu lado na cama.
- Bom dia. – Disse JungKook desanimado.
- Sabe que dia é hoje? – Perguntou Jimin.
- Sim, eu sei. – Disse JungKook.
- É nosso aniversario. – Disse Jimin abraçando JungKook.
- Sim, parabéns para a gente. – Disse JungKook desanimado.
- Kook, você está bem? – Perguntou Jimin.
- Estou sim. – Disse JungKook se cobrindo com as cobertas novamente. 
- Sério? – Perguntou Jimin.
- Desculpa. – Disse JungKook dando um selinho em Jimin.
- Deixa para lá. – Disse Jimin levantando da cama.
Jimin saiu do quarto e foi para a cozinha, ao chegar viu J-Hope e Suga conversando.
- Bom dia. – Disse J-Hope.
- Bom dia. – Disse Jimin se servindo uma xicara de café.
- Problemas no paraíso? – Perguntou Suga como forma de deboche.
- Não é da sua conta Yoongi. – Disse Jimin.
- Que grosseria. – Disse Suga.
- Cala a boca Suga. – Disse J-Hope batendo no peito do mesmo.
- O que? – Perguntou Suga como se não tivesse feito nada demais.
Jimin saiu da cozinha e foi direto para a sala, J-Hope foi atrás dele.
- Jimin, o que está acontecendo? – Perguntou J-Hope.
- A droga do boato que teve de nós dois. – Disse Jimin.
- Ele chegou no Kook? – Perguntou J-Hope.
- Claro que chegou! – Disse Jimin.
- Tem certeza que é isso? – Perguntou J-Hope.
- Sim, a gente brigou sobre isso ontem à noite. – Disse Jimin.
- Uma briga que pelo jeito não deu em nada. – Disse J-Hope.
- Não mesmo. – Disse Jimin.
- Calma, é só questão de tempo até vocês estarem bem de novo. – Disse J-Hope.
- E por acaso o Taehyung já te perdoou? – Perguntou Jimin.
- Nós dois estamos juntos faz dois anos, ele sabe que eu não faria algo do tipo. – Disse J-Hope.
- Mas eu estou com o Kook a cinco meses! U tenho medo de sei lá, ele ainda ter sentimentos. – Disse Jimin.
- Pelo Suga? Eles terminaram faz tempo, não acho que tenha jeito do Kook ter algum sentimento por ele ainda. – Disse J-Hope.
- Não é besteira eu achar isso. – Disse Jimin.
- E como você sabe? – Perguntou J-Hope.
- Eu não sei, é só que o Yoongi poderia muito bem ter espalhado esse boato. – Disse Jimin.
- Por que ele faria isso? – Perguntou J-Hope.
- Desde que eu e o Kook começamos a namorar o Yoongi não sai do meu pé. – Disse Jimin.
- Tudo bem, isso realmente é verdade. – Disse J-Hope.
- Hoseok! – Gritou V entrando na sala.
- O que foi? –Perguntou J-Hope.
- O que aconteceu? – Perguntou V.
- Nada não. – Disse Jimin se levantando e em seguida saindo da sala.
- Não era para eu ter entrado né? – Perguntou V.
- Não Taehyung, não era. – Disse J-Hope.
J-Hope vai em direção a saída mas V segura seu braço.
- Bom dia também. – Disse V dando um beijo em J-Hope.
- Bom dia. – Disse J-Hope.
V foi até o quarto de JungKook e Jimin e entrou sem mesmo bater na porta.
Ao entrar viu JungKook pelando começando a se vestir.
- Não sabe bater não?! – Perguntou JungKook bravo.
- Pelo amor de Deus como se eu nunca tivesse te visto pelado. – Disse V.
- Faz sentido, mas o que você quer aqui? – Perguntou JungKook.
- O que está acontecendo entre você e o Jimin? – Perguntou V.
- A gente está namorando. – Disse JungKook.
- Não idiota, eu vi o Jimin com Hoseok e ele estava triste, alguma coisa aconteceu. – Disse V.
- Aconteceu a mesma coisa que deveria estar fazendo você ficar chateado com o Hoseok. – Disse JungKook.
- Sério? O boatinho dos dois terem se pegado? Aqueles dois nunca chegariam nem perto de se beijar. – Disse V.
- Como você sabe? – Perguntou JungKook.
- Aqueles dois são amigos de namoro, tipo assim, eles são aquele tipo de melhores amigos para conselhos e essas coisas. – Disse V.
- Não entendi. – Disse JungKook.
- Vem cá, é o seguinte, eles são muito amigos para isso. – Disse V.
- Só por causa da amizade deles você acha que eles não ficariam? – Perguntou JungKook.
- Parabéns você conseguiu entender. – Disse V.
- Discordo. – Disse JungKook.
- Jeon JungKook! – Gritou V irritado.
- O que foi? – Perguntou JungKook.
- Você é a vida dele, ele te ama como sei lá, sinceramente eu não amo o Hoseok da mesma forma que o Jimin te ama. – Disse V.
- Onde você quer chegar com isso? – Perguntou JungKook.
- Que o Jimin faz de tudo para você, você não imagina sorte que você tem por ter ele do seu lado, então acorda para vida e trate de tratar ele como mercê. – Disse V.
- Eu não consigo. – Disse JungKook.
- E por que não? – Perguntou V.
- Eu não sei explicar, eu só não consigo. – Disse JungKook.
- JungKook! Acorda para vida! Ele é a melhor coisa que você já conseguiu! Ele nem se compara com o Yoongi! – Disse V.
- Não fale mal do Yoongi. – Disse JungKook.
- Então é isso? É o Yoongi? É por isso que você não consegue ser um cara legal com a droga do seu namorado?! Porque você ainda tem sentimentos pelo Yoongi! – Disse V irritado.
- Só me diz o que isso tem a ver com a sua vida! – Gritou JungKook.
- O Jimin é o meu melhor amigo! Eu não gosto de ver ele triste! – Gritou V irritado.
- Vai embora daqui! – Gritou JungKook.
- JungKook! – Gritou V.
- Nada do que você falar me interessa Taehyung! – Gritou JungKook.
V saiu do quarto e fechou a porta com força, fazendo barulho pela casa toda, ao olhar para o fim do corredor viu Jimin, chorando.
- Desculpa. – Disse V.
- Você não precisava fazer isso, agora ele está bravo comigo e com você. – Disse Jimin.
- Eu precisava fazer alguma coisa por você Jimin, você meu melhor amigo. – Disse V.
Jimin foi andando até V e o abraçou.
- Você quer passar a noite no quarto meu e do Hoseok hoje? – Perguntou V.
- Não precisa, eu espero estar de boa com o JungKook no final do dia. – Disse Jimin.
- A vontade. – Disse V.
V foi até seu quarto.
Jimin entrou no quarto dele e de JungKook, assim que entrou viu JungKook sentado em posição fetal na cama, chorando.
- Kook? – Perguntou Jimin.
- Desculpa. – Disse JungKook.
- Pelo o que? – Perguntou Jimin.
- Por ser um babaca com você. – Disse JungKook.
- Eu já estou acostumado. – Disse Jimin secando as lagrimas.
JungKook se levantou foi até Jimin e começou a beija-lo.
- Tem algo que faz tempo que a gente não faz. – Disse JungKook tirando a camisa.
- Tem certeza? – Perguntou Jimin meio sem jeito.
- Desde que você esteja de acordo. – Disse JungKook.
- Sei não, se possível mais tarde tudo bem? – Perguntou Jimin.
- Vai por favor. – Disse JungKook agarrando a bunda de Jimin.
- Kook, ainda está de manhã, hoje à noite tudo bem? – Disse Jimin.
- Tudo bem, hoje à noite então. – Disse JungKook.
Jimin se virou para abrir a porta e JungKook deu um tapa em sua bunda.
- Já disse que amo sua bunda? – Perguntou JungKook.
- Dá para perceber. – Disse Jimin.
Jimin foi até o quarto de V e J-Hope, bateu na porta e perguntou se podia entrar.
- Pode sim. – Disse J-Hope.
Jimin entrou saltitando no quarto dos dois.
- O que foi? – Perguntou V.
- Não é obvio? Ele se reconciliou com o JungKook. – Disse J-Hope.
- Ata, faz sentido. – Disse V.
- Obrigado V, se não fosse por você nada disso teria dado certo. – Disse Jimin abraçando J-Hope e V.
- E eu? – Perguntou J-Hope.
- Claro que também tenho que agradecer a você. – Disse Jimin.
Jimin parou de abraçar os dois e saiu do quarto, trombando com Jin.
- Ai meu Deus, desculpa Jin. – Disse Jimin.
- Tudo bem. – Disse Jin.
- Agora licença. – Disse Jimin.
- Calma aí, por que tanta animação? – Perguntou Jin.
- O JungKook e eu estamos de boa de novo. – Disse Jimin.
- Jimin, você não está um pouco apaixonado demais? – Perguntou Jin.
- Como assim? – Perguntou Jimin.
- É que vocês estão a só cinco meses. – Disse Jin.
- Ata, isso é o seguinte a gente meio que está junto já faz um ano, mas ele só me pediu em namoro faz cinco meses. – Disse Jimin.
- Então tudo bem, boa sorte para a noite de hoje. – Disse Jin.
- Que? Como assim? – Perguntou Jimin.
- Hoje é aniversario de cinco meses de vocês, e todo mundo sabe que o Kook curte umas brincadeiras em datas comemorativas. – Disse Jin.
- Ata entendi. – Disse Jimin rindo.
Enquanto isso JungKook foi para a sala de recreação, onde tem todo qualquer tipo de jogo, podendo ser jogos de tabuleiro, eletrônicos, sinuca e outros.
JungKook estava lendo quando ouviu o barulho da porta se fechando.
- Jimin? – Perguntou JungKook tirando o livro da frente do rosto.
Ao tirar o livro da frente do rosto viu que quem havia entrado na sala era na verdade Suga.
- O que foi Yoongi? – Perguntou JungKook.
- Yoongi? Poxa, sinto falta de quando você me chamava de Yoon. – Disse Suga.
- Isso era quando a gente namorava, dois anos atrás. – Disse JungKook.
- E você não sente falta dessa época? – Perguntou Suga.
- Sinceramente? Não. – Disse JungKook.
- Pois saiba que eu sinto, e muita. – Disse Suga.
- Pena que isso não me importa nem um pouco. – Disse JungKook.
- Bom, quando você viu o boato do Hoseok e do Jimin, você não se importou de vir chorando pros meus braços. – Disse Suga.
- Sobre isso, é bom que fique só entre a gente. – Disse JungKook.
- Quem sabe eu não abra minha boca para um famoso Taehyung. – Disse Suga.
- Yoongi, é bom você não contar o que aconteceu, se o Jimin de alguma forma ficar sabendo, eu te quebro. – Disse JungKook.
- Ai que medo do Maknae. – Disse Suga.
- Eu posso ser o Maknae mas sou bem mais forte que você, e você sabe muito bem disso. – Disse JungKook.
JungKook saiu da sala, assim que ele saiu Suga fez um sorriso.
- Você é tão fofo bravo. – Disse Suga baixo para que JungKook não ouvisse.
- Você é doente. – Disse Rap Monster que estava no fundo da sala.
- Desde quando você está ai? – Perguntou Suga.
- Assim, se você não me viu entrar é obvio que eu entrei antes da briga sua e do JungKook começar. – Disse Rap Monster.
- Você me acha mesmo doente? – Perguntou Suga.
- Suga eu te adoro, você é um dos meus melhores amigos, mas assim, isso que você acabou de fazer foi um pouco assustador. – Disse Rap Monster.
- Foi? – Perguntou Suga.
- Ameaçar estragar o relacionamento do seu ex já deixa claro que você não superou um termino de dois anos atrás, o que é meio preocupante, e essa sua frase depois dele sair "você é tão fofo bravo", isso já soa bem sinistro. – Disse Rap Monster.
- Não é culpa minha! Eu sou o único nessa droga que está solteiro! Eu preciso de amor também! – Disse Suga.
- Mas não é de um cara compromissado que você vai conseguir isso. – Disse Rap Monster.
- Mas o Kook foi o meu primeiro e único amor. – Disse Suga começando a chorar.
- Yoongi, você tem que conhecer gente nova. – Disse Rap Monster.
- Como? – Perguntou Suga.
- Já sei, vou te levar para uma balada. – Disse Rap Monster.
- Namjoon, eu sou gay, achar caras gays ou bis a uma hora dessa em uma balada é quase impossível. – Disse Suga.
- Mas eu o Jin sempre vamos. – Disse Rap Monster.
- Vocês estão noivos, caras gays e bis compromissados é bem fácil achar, mas solteiros já vira outra história. – Disse Suga.
- Eu acho que devo ter perdido o jeito para balada. – Disse Rap Monster.
- Deve ter perdido? – Perguntou Suga.
- Tudo bem, então hoje à noite a gente vai. – Disse Rap Monster saindo da sala.
- Não se eu estiver com o Kook. – Disse Suga baixo.
- Sério? Pensei que a gente teria alguma evolução com essa conversa. – Disse Rap Monster.
- Se eu não estiver com ele a gente vai. – Disse Suga.
- Bom mesmo. – Disse Rap Monster saindo de novo da sala.
- Mas eu com certeza estarei com ele. – Disse Suga baixo.
- Yoongi! – Gritou Rap Monster do corredor.
- Desculpa! – Gritou Suga.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...