História Discovering Love(JiKook) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Exibições 8
Palavras 3.321
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Visual Novel
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente eu queria enviar os capítulo com imagens mas não sei porque não quer ir,então vai sem imagens mesmo.
Espero que gostem do novo capítulo 😍😍
Fiz com muito amor e carinho 💖💖

Capítulo 3 - Capítulo 2:Impatient


P.O.V Jimin

   Finalmente acordo e quando olho vejo meu secretário sem camisa e ele era realmente musculoso.

Confesso que ele era realmente bonito,tinha olhos castanhos da mesma cor do meus olhos e era alto.Depois percebo que ele está tirando minha camisa.

- O que pensar que está fazendo? - olho espantado para ele. - tire sua mão de mim.

- Desculpe eu só achei que ficando sem camisa seria melhor para abafar o calor. - Pareci esta funcionado pois eu não estava mas suando.

- Ta tanto faz. - Falo e puxo minha camisa da mão dele. - Você já ligou para alguém quem vir tirar a gente daqui?

- Já e falaram que estava resolvendo. - Ele disse meio nervoso. - Sua namorada ligou e pareceu bem preocupada.

   Pego meu celular do bolso para ligar e pedir ajudar novamente só que o celular estava descarregado.Tenho certeza que já se passara horas e ninguém ainda consertou esse elevado e esse calor insuportável,mesmo nós dois sem camisa ainda estamos suados.

- Eu realmente já estou impaciente. - Falo quebrando o silêncio que estava.  - Não acredito que seja tão difícil conserta um elevado.

  Quando acabo de fala olho para meu secretario e vejo o mesmo de olhos fechados.Meu Deus ele tinha desmaiado e eu não faço a minima ideia de como acorda a ele.

A única coisa que fiz foi pegar um papel dentro de minha maleta e começo apana-lo.Depois de um tempo vejo que finalmente o elevado voltou ao normal e então consigo sair dalí.

- Você está bem amor? - Sun me abraça bem forte.

- Sim estou,mas termos que leva meu secretário rápido pro hospital. - Digo desfazendo o abraço.

   Rapidamente chegamos no hospital  e logo atenderam a gente.

- Meus Deus e o Jungkook. - Um medico fala e Pareci conhecer a Jungkook. O homem era alto,olhos pretos, cabelos loiros e tinha um rosto bonito.

- Você o conhecer? - pergunto curioso a ele.

- Sim o conheço ele e meu melhor amigo. - então eles eram amigos. - Me chamo Kim Taehyung.Precisamos leva ele rapidamente pra fazer alguns exames.

   Depois de um tempo, o medico que era amigo de Jungkook aparece sorrindo.

- Graças a deus ele está bem. - Ele diz para mim. - Ele só desmaiou por conta do calor e pouco ar.Onde vocês estava para ele ter desmaiado?

- Nós estávamos no elevado e do nada o elevado parou. - Explico pra ele.

- Então foi por isso que ele desmaiou,por conta do calor e principalmente por ter pouco ar ali. - Ele fala para mim.

- Como está Jungkook? - Falam um homem e um mulher que pareciam preocupados com Jungkook.

- Calma Jin e  Tia Sun-Hi,ele esta bem. - Ele fala para eles dois.

- Ainda bem.Posso ver ele? - A mulher dizer a ele.

- Claro que pode,só que ele esta dormindo. - Ele fala para ele.

- Mas como isso aconteceu? - O homen alto que também pareci ser medico e tinha olhos e cabelos castanhos pergunta ao médico.

- Esse homem dizer que eles ficaram presso no elevado. - O medico Diz apontando para mim.

- Olá, sou Park Jimin.Eu sou o chefe de Jungkook. - Falo olhando para eles.

- Olá eu sou Sun-Hi mãe de Jungkook. - Uma mulher de olhos e cabelos pretos e da mesma altura que a minha se apresenta para mim.

- E eu sou Kim Seokjin e sou amigo de Jungkook. -  O homem fala para mim.

- Prazer em conhece-lo. - olho mo relógio após fala e já era 11:00 e eu tinha uma reunião muito importante as 14:00. - Desculpe tenho que ir.E diga a Jungkook que amanha eu espero ele as 7:30 na empresa pois vou precisa da ajudar dele.

- Sim irei fala. - A mulher que dizia ser mãe de Jungkook responde. - Obrigado por ter ajudado meu filho.

- De nada. - Falo e logo saio rapidamente dali por conta da minha reunião que teria as 14:00.


P.O.V Jungkook

   Acordo e percebo que estou num quarto de hospital.E lembro que estava no elevado junto com meu chefe e comecei a sentir um pouco de tortura e depois disso não lembro de mas nada.

- kookie você acordou já. - Tae fala entrando no quarto acompanhado com a mamãe e Jin. - Como está se sentido?

- Estou Bem.Mas porque estou aqui? - pergunto para ele.

- Você desmaiou por falta de ar no elevado. - Tae respondeu. - Foi seu chefe que lhe trouxe.

- Ele e um rapaz muito gentil e educado. - Jin falou.

- E é bonito apesar de se baixinho. - Tae rir ao falar baixinho.


   Ficamos um tempo conversando e Depois fui para casa com a mãe pois já estava me sentido melhor e já tinha recebido alto do hospital.

   Fui para meu quarto tomei banho e troquei de roupa vesti uma shot cinza e uma blusa preta.Depois fui jantar com a mamãe e fui dormi por que teria que acorda cedo pois eu teria que está ás 7:30 em pontona empresa.

   Fui acordado as 6:00 da manhã pelo despertado.tomei banho, fiz minha higiene pessoal e troquei de roupa vesti um blusa social branca,Calça preta e um palito preto.E descir para tomar café.

- Bom Dia mamãe. - tomei o café rapidamente. - Tchau tenho que ir já.

- Mas já,você nem comeu um pedaço do bolo. - Ela fala apontado para o bolo na mesa.

- Desculpe mãe quero chegar cedo na empresa hoje. - Dou um beijo em sua testa e vou embora.

   Chego na empresa ás 7:10,estaciono o carro,entro na empresa e e fui até a recepcionista.

- O chefe já chego? - ela olha para mim.

- Ainda não,mas você pode espera na sala dele. - Ela era uma pessoa realmente gentil.

   Então faço o que ela falou,pego o elevado e vou ate a sala do chefe e lá fico esperando até que ele chegasse.

  Ás 7:32 o chefe chega,ele usava palito preto,calça branca e sapato social.Ele Pareci estressado sua expressão mostrava isso.Ele se senta em sua mesa e começa a olha papeis espalhados em sua mesa.

- Bom Dia Chefe. - Ele olha para mim e depois volta a olha para alguns papeis em sua mesa. - Você esta bem?

- Não lhe interessa. - porque ele estava assim,ontem ele Pareci ser tao gentil e hoje está um pouco grosso. - Vamos começa a trabalha porque ainda termos muita coisa a fazer.

   Assim fiz,passamos várias horas trabalhando.Nem paramos para almoça ficamos direto revisando vários contratos, organizados papeis importante e organizando a viaja que iriamos fazer daqui a uma semana.

  Foi tudo bem calma que dizer nem tanto calma o humor de meu chefe estava péssimo.Me pergunto o que teria acontecido para ele está assim.Ele estava realmente assustado nem fala direto comigo só mandava eu fazer o que tinha que fazer e depois volta a ficar um completo silêncio naquela sala.

   Passamos a tarde todo também trabalhando e apesar de esta com fome continuei a trabalhar.Não sei como ele aguentava ficar ali trabalhando sem fica com fome.

- Oi amor. - Entra dizendo a namorada de Jimin. E de repente ele muda de expressão.Pareci esta feliz por ela ter chegaalgo.

- Oi querida, o que lhe trouze aqui? - Ele sorri de lado.

- Fique sabendo que tanto você quando seu secretário na comeram nada desde de manhã. Isso é verdade. - Ela olha para mim e depois volta a olha para ele.

- Tinha muita coisas para fazer.Não tivermos tempo para comer. - Ele sorri e ela se aproxima dele dando um beijo em seu boca.

- Ta mesmo que tenham muitas coisas para fazer você ainda sim tem que come algo. - Ela tira algo da sacola que eatava tira de lá comida e mas um suco.

- Pra que tudo isso. - Ele pergunta curioso.

- Pra você se alimentarem isso e óbvio. - Ela poem vários comida em cima da mesa. - Agora vocês vão parar de trabalhar um pouco e vão se alimenta, pois são são oita horas da noite.

- Agora até você vai ficar mandando na minha vida,já não basta meus pais. - Ele parecia furioso.Será que ele e bipolar,pois vive mudando de humor.

- Não quero manda sua vida,mas sim um namorado saudável. - Ela sorri de lado.

- Ta deixe isso aí na mesinha e vá embora pois estou muito ocupado agora. - Ela poem o alimento em cima da mesinha de vidro e vai embora.

   Depois que ela foi embora o clima ficou estranho e em silêncio.Ele continuava com uma expressão de raiva em seu rosto.

- Você está realmente bem? - quebro o silencio em que estávamos.

- Já falei e vou fala de novo "Não lhe interessa". - Ele volta a fazer o que estava fazendo.

- Você não quer fala, irei respeita sua vontade. - então após fala isso o silêncio volta a reina naquela sala.

Já era dez horas da noite e nos não tínhamos nem tocando na comida deixada pela namorada dele e nem parado de trabalhar.


P.O.V Jimin

   Já era dez da noite e tanto eu quanto meu secretário Jungkook não tínhamos parado para comemos.Sei que ele estava com fome e casando tava para percebe mas não podia para agora,pois tinha que mostra para meus pais principalmente pra o papai que eu seria capaz de contrala sozinho essa empresa.

   Mesmo nós trabalhados por horas sem para Jungkook nem reclamava ao contrario ele continuava ali trabalhando mesmo com fome e casando.

- Você não quer come algo? - Ele pergunta para mim.Eu estava com fome,mas queria termina essas papeladas antes de nossa viajem.

- Não estou com fome. - Ele continuo olhando para mim e eu não sei porque mas me deixava em comodado seu olha fixado em mim. - o que você tanto olha para mim?

- Ah me desculpe só que eu já terminei o que o senhor tinha mandado eu fazer e eu queria saber - De imediato ele abaixa seu olhar. - se já posso ir para casa?

- Claro amanhã nos continuamos já e mais de dez horas e você ainda não comeu nada. - Ele se levanta da cadeira e vai até a mesinha de vidro pega umas das marmitas que minha namorada tinha deixado e traz até a mim.

- Você também não comeu nada ainda. - e põem a marmita sobre minha mesa. - coma por favor o senhor não se alimentou direito hoje.

- Obrigado. - Pego a marmita e abro.olho para ele e lá estava ele me olhando novamente. - Você também não comeu nada pegue uma marmita também.

- Obrigado. - Ele foi ate a mesa e pegou uma marmita para ele.

   Nós comemos em silêncio e depois pegamos o elevado e saímos da empresa já era 23:00.

- Você quer carona? - Ele olha para mim e sorri.

- Obrigado,mas eu tenho carro. - Ele me dar tchau e vai embora para estacionamento eu faço o mesmo pego o meu carro e vou embora para casa.


P.O.V Tae

   Lá estava em tendo de trabalha de madrugada de novo.Já estava morrendo de fome e de sono.Mas fazer o que eu era médico.

- Tem um homem que foi baleado é  esta realmente ferido. - Enfermeira entra na minha sala assustada. - Você vai precisa ópera-lo agora.

- Claro já estou indo.Vou só me troca. - Me troco rapidamente e vou para sala de cirurgia.

   Quando chego lá todos me esperava para começa a cirurgia.Chego perto e vejo o paciente.Ele tinha olhos e cabelos castanhos claros e tinha um rosto delicado.

- Qual seu nome? E O que aconteceu? - pergunto par enfermeira.

- Seu nome e Jung Hoseok.Ele foi baleado num assalto.A bala esta localizada no lado esquerdo de seu estômago. - Ela explica tudo para mim.

   Então começamos a cirurgia, a cirurgia duro 2 horas e meia e graças a Deus ocorreu tudo bem.Após termina a cirurgia faço uma revisão no paciente e então o deixo descansado.Saio do quarto e vou ate a sala de espera para fala que na cirurgia ocorreu bem.

- Quem aqui e responsável pelo paciente Jung Hoseok? - Pergunto.

- Sou eu. - Quando vejo era Park Jimin chefe do Jungkook.Ele estava assustado e preocupado.

- Você e o que para ele? - pergunto a ele.

- Sou seu amigo.Seus pais estão viajando,mas já liguei pra eles e já estão chegando. - Ele responde sério.

- Desculpe já era pra mim ter vindo aqui após a cirurgia mas preferi fazer uma revisão antes de vir avisá-lo. - Ele me ouvir atentamente.

- Como ele está? - Ele logo pergunta.

- Calma ele está bem. - Ele pareceu mais aliviado. - A cirurgia ocorreu bem e ele ficou sem nenhuma sequela.

- Gracas a Deus. - Ele estava mas calmo agora. - Posso ver ele?

- Não e permitido visitas agora,mas de manhã você podera vê-lo. - Falo e logo me despeço dele e volta ao quarto onde estava Jung Hoseok.

   Ele continuava dormindo, estava tão bonito dormindo,ele foi meu primeiro paciente que tive que era bonito.Dormi tão delicadamente e tão calmamente que fiz uma revisão rápida para não acorda a ele.

   Disse para enfermeira que eu iria fica com ele,mesmo sabendo que que quem deveria fica era uma enfermeira.Mas queria cuidar dele e não seu porque,só queria ficar ali cuidando dele.

   Alí fiquei até as 4 horas da madrugada quando acabei pegando no sono ali mesmo na cadeira do lado dele.


P.O.V Hoseok

   Abro meus olhos e a primeira coisa que vejo é a uma medico de cabelos Loiros do meu lado dormindo em uma cadeira.

  De repente começo a sentir uma dor do lado esquerdo do meu estômago era um dor muito forte.

- Você está bem?Está sentido dor? - O ser que estava dormindo do meu lado fala ao acorda.Ele tinha rosto tão belo olhos pretos tão bonitos.

- Sim estou.Só meu estômago que está doendo. - Falo nervoso. - Onde eu estou?

- Você não se lembra? - Ele olha para mim.

- Não lembro do que? - pergunto curioso,pois não lembro de nada.

- Você levou um tiro no lado esquerdo do seu estômago em um assalto. - Daí cair a fixa.Eu lembrei do que tinha acontecido. - Você se lembra agora?

- Sim,lembro que estava saindo de casa e então fui parado por um homem e ele atirou em mim sem nenhuma razão e depois não lembro de mas nada. - Ele ouve atentamente o que eu falava.

- Ele não pediu dinheiro para você? - Ele parecia curioso.

- Não ele só atiro. - Eu não fazia a mínima ideia do porque ele tinha atirando em mim. - Mas não faço ideia do porque.

- Tudo bem.O que importa e que você está bem. - ele sorri para mim.Seu sorriso era encantado. - Seu pais e seu amigo vieram ver você.

- E minha namorada? - pergunto para ele.Ela e muito importante para mim assim como sou importante para ela.

- Não sei se ela veio.Só seu que seu amigo Jimin veio e que seus pais estão vindo para vê-lo.- Ele fala meio em comodado.

- Posso fala com eles. - Peço a ele e ele vais que sim com a cabeça.

- Vou chamar a eles e já volto. - Ele sair da sala.

  Depois de um tempo entra meu pais e meus amigos Jimin e Namjoom.Todos entram na sala menos minha namorada.

- Como esta querido? - Mãe fala preocupada.

- Estou bem. - Respondo a ela.E tanto ela quando meu pai e meu amigos pareceram mais calmos.

- Eu já vou indo.Vou deixa vocês a só. - Ele já estava saindo da sala.

- Espere. - falo e no mesmo momento ele para e vira-se para mim. - Qual seu nome?

- Me chamo Kim Taehyung. - Ele sorri.Seu sorriso era realmente encantado.

- Prazer em conhecê lo. - Falo e me despeço dele.

- Ah sim,Hoseok a Mi-Cha não pode vim pois ela está fazendo um filme e realmente não podia parar as gravações. - Já era de se espera de minha namorada.Mi-Cha era uma boa pessoa mas leva muito a sério seu trabalho de atriz.As vezes realmente tava vontade de termina com ela.

- Tudo bem eu compreendo a ela. - Não sei até quando iria aguentar esse relacionamento.

- Mas como foi que isso aconteceu? - Pai perguntou sério para mim.

  Explico tudo o que tinha acontecido e todos ouviram atentamente.Depois de ouvir ficamos conversando ate a hora de termina a visita.Quando o tempo acabou todos se despediram e foram embora.

  Depois de um tempo entra um homem pela porta de cabelos e olhos castanhos.Ele segurava um prontuário na mão.

- Olá sou Kim Seokjin.Como está se sentido? - Pergunto o médico sorrindo para mim.

- Sim estou me sentido bem,mas cadê o médico que estava responsável por mim. - Ele olha meio confuso para mim.

- O Tae,quer dizer Kim Taehyung. - Então o apelido dele era Tae.O medico parece ser próximo o Kim Taehyung pois até apelido sabia dele.  - Eu fiquei num lugar dele, ele está deste de ontem de manhã nesse hospital,ele precisava descansar.

   O médico Kim Seokjin fez alguns exames para ver de eu estava bem.Depois disse que eu poderia sair do hospital amanhã,mas que era para toma cuidado com o ferimento da bala em meu estômago.Logo depois fui dormi.

   Quando acordei já era de manhã.Me levantei e fui toma banho, pois no quarto onde estava tinha banheiro.Troquei de roupa porque o Jimin tinha me trazidos,vestir com cuidado por causa do ferimento uma blusa preta,uma jaqueta preta e calça colada preta sim parecia um homem gótico vestindo todo de preto.

- Oi Jung Hoseok,como está? - Pela voz parecia se Kim Taehyung.

- Estou bem Tae. - Riu após fala seu apelido. - Já estou de alta.

- Serio que bom,fico feliz por você .Mas como você sabe meu apelido? - Ele fala curioso.

- O médico de ontem deixou escapar. - falo rindo.

- Kim Seokjin tinha que ser ele. - ele rir. - Espero que possomos continua a se fala.

- Eu também.Mas já tenho que ir. - Antes de ir dou um abraço rápido mesmo sendo estranho pois era homens.Quando o abracei sentir um frio no estômago não sei porque.

- Tchau,até logo - saímos do abraço e vejo que ele estava com a bochechas vermelhas.

- Até. - Falo e vou embora.

   Confesso que o Tae era bastante atraente, gentil e educado.Espero que nós possomos nos encontra de novo.


P.O.V Jungkook

   Ontem o chefe não veio trabalha pois seu amigo tinha sido baliado e ele ficou com ele no hospital.Tive que trabalha ontem sozinho.

  Hoje ele disse que viria as 8:00 e falo para mim que era para eu está antes das 8:00 aqui na empresa esperando ele,pois teríamos uma reunião muito importante as 10:00.

   Ele chega as 8:00 em ponto na empresa então de imediato começamos a trabalhar nem se quer ele falou comigo só mandou eu organiza a papelada para a reunião. Não sei porque ele me tratava tão mal as vezes.

  As 10:00 começou a reunião,ela durou mais ou menos uma duas horas.terminamos as 12:00.Depois da reunião nos vamos pra sala ele arrumou sua coisas e foi embora para almoça e nem seguer falou comigo.

   Ele mudou tão rapidamente comigo, no primeiro dia ele me tratou tão bem e agora nem fala mas comigo fala.

  Fui almoça na carinha da empresa e depois fui para o escritório espera o chefe chegar.Quando ele chegou sentou em sua Cadeira e novamente não falou comigo.Aquilo já estava me deixado realmente com raiva.

- Porque você não está falando comigo? - Ele tira seu olha da papelada em sua mesa e de imediato olha para mim e logo depois voltou a olha para as papeladas sua mesa.

   O silencio volta e esse silêncio estava me matando,pois não fazia a mínima ideia do porque dele não fala comigo.

- Você realmente não vai fala comigo? - pergunto mas uma vez.Ele olha serio para mim.

- Nós estamos aqui para trabalhar não conversa. - Ele fala olhando ainda as papeladas em sua mesa.

- Eu fiz alguma coisa para o senhor para esta tão bravo? - Ele olha novamente para mim.

- Você quer realmente saber. - Ele se levanta da cadeira e vem em minha direção.E segura com as mãos tão pequenas que tinha minha jaqueta.

- O que você está fazendo? - Falo nervoso.


Notas Finais


Gostaram??
Espero que sim.
O próximo capítulo sair domingo as 21:00 ate lá beijos 😙😙😙😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...