História Distante - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias The 100, The L Word
Personagens Anya, Clarke Griffin, Costia, Dra. Abigail "Abby" Griffin, Echo, Lexa, Octavia Blake, Personagens Originais, Raven Reyes
Tags Clexa
Exibições 99
Palavras 1.394
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Luta, Policial, Romance e Novela, Saga, Suspense, Yuri
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bem ai esta, como Clarke vai estar...

Capítulo 30 - Uma Semana... Primeiro Dia... Começo da Noite...


Fanfic / Fanfiction Distante - Capítulo 30 - Uma Semana... Primeiro Dia... Começo da Noite...

Uma Semana... Primeiro Dia... Começo da Noite...

 

_ Você e covarde Griffin!! Isso sim... Vai ferir Alycia somente porque não tem coragem de viver seu amor e de lutar por ele... Eu odeio você, queria que nunca tivesse entrado em nossas vidas...

Clarke acorda assustada, ela tinha sonhado com o que Echo tinha dito a ela, então ela percebe que não esta em seu quarto então fleche do ocorrido na galeria e no seu apartamento voltam a sua mente... Ela tenta se mexer, mas, então percebe que suas duas mãos estão sendo seguras, ao olhar percebe que Lexa esta no seu lado direito e Echo no esquerdo, ela sorri, mas, depois...

_ Você e covarde Griffin!! Isso sim... Vai ferir Alycia somente porque não tem coragem de viver seu amor e de lutar por ele... Eu odeio você, queria que nunca tivesse entrado em nossas vidas...

Essas palavras ressoam na mente de Clarke, ela sem perceber afasta sua mão de Echo, a jovem acorda, ao ver sua irmã desperta Echo imediatamente abraça Clarke, mas, para sua surpresa sua irmã não retribui o abraço, Lexa sente a movimentação na cama e percebe que Clarke estava acordada e diz:

_ Clarke... Oh graças a Deus você esta acordada...

Clarke meio que tenta sorrir, mas, não conseguia, mas, então diz:

_ Onde estão Luna e Niylah?!

Nesse momento Echo fica muito tensa, desde que ficou gravida, Clarke as chama de mãe, isso era um mau sinal, então Echo diz:

_ Mamas... Elas foram falar com os médicos... Daqui a pouco elas vão estar de volta...

Clarke suspira e diz:

_Alycia esta com quem?!

Nesse momento Lexa responde:

_ Esta com Raven e Anya... Ela não sabe o que houve... Fique tranquila...

Clarke sente um alivio tão grande, Echo fica olhando para ela, Clarke não sabe como agir perto dela, e como se fosse uma pessoa completamente estranha para Clarke... Nesse momento Luna chega e vê a tensão no quarto, Niylah esta logo atrás e percebe também... As duas se olham então Niylah diz:

_ Minha filha... Como você sente?!

Clarke olha para Niylah e nesse momento a mulher sente algo muito ruim, olhar de Clarke era totalmente diferente estava frio, vazio Luna também percebeu, elas olham para Echo e percebem o medo do no olhar dela, então Clarke quebra o silencio e diz:

_ Niylah... Eu preciso falar com você e Luna...

Quando ouvem seus nomes saindo dos lábios de Clarke, fica chocadas, isso era o sinal que elas mais temiam Clarke definitivamente estava querendo se afastar delas Luna vai ate sua filha, e diz:

_ Certo... Lexa você poderia nos dar licença, por favor...

Lexa sabia que esse momento devia ser muito serio, afinal Luna estava com um semblante muito tenso, ela despede de Clarke, beija sua testa e diz:

_ Mesmo que você não acredite... Eu te amo Clarke... Vou estar aqui fora se precisarem de mim...

Clarke sorri então Lexa sai... Luna pega uma cadeira senta ao lado da cama de Clarke, Niylah esta sentada ao lado dela, Echo fica do outro lado da cama, ela continuava a olhar para Clarke, mas, a jovem pintora não devolvia olhar, então Luna diz:

_ Bem... O que vamos discutir...

Clarke respira funda e diz:

_ Primeiro eu queria muito, mas, muito agradecer a vocês duas... Afinal graças à bondade de sua, eu realizei meu sonho, não tenho palavras para agradecer...

Echo sentia que essa conversa estava indo para algum tipo despedida... Clarke continua:

_ Sei que por minha causa vocês perderam alguém muito importante, sei que vocês disseram que não me culpavam pela morte de Roan... Mas, vamos ser sinceras isso não e totalmente verdade...

Nesse momento Echo sente uma dor no peito, Clarke estava mesmo se despedindo delas, isso não podia estar acontecendo... E tudo era sua culpa... Luna e Niylah ouviam atentamente a tudo que Clarke estava dizendo, em seus corações tinham a mesma impressão que Echo...

_ Então depois o que aconteceu entre mim e Lexa, eu percebi que minha mãe tinha razão, eu não sou boa o suficiente para fazer parte dessa família, eu vou acabar prejudicando vocês, eu já fiz isso quando me envolvi com Bette e tomei a decisão quando tudo aqui estiver pronto eu irei embora junto com Alycia, mas, quero que vocês a entendam sempre será neta e vocês, passara as feria com vocês, e tudo mais, somente eu não estarei presente...

Quando ela termina de falar, uma lagrima escorria solitária na sua face...

Echo ficou olhando para Clarke, isso era ridículo como assim ir embora. Ela não iria aceitar isso então com raiva ela levanta da cadeira e diz:

_ Você não pode estar falando serio Clarke... Você não pode ir assim sem mais nem menos... Somos sua família...

Pela primeira vez naquela noite Clarke olha para Echo, ao ver olhar de sua irmã, Echo senta sem reação então Clarke diz:

_ Por essa razão eu agradeci a Luna e Niylah, mas, e chegada a hora da minha partida, não posso mais por vocês em risco eu não...

Nesse momento Luna levanta-se e começa a sair do quarto de Clarke, Niylah acompanha a mulher então Echo diz:

_ Vocês não vão falar nada...

Luna olha pra Echo e diz:

_ Não... Por enquanto não...

Niylah sorri e diz:

_ Não podemos discutir esse assunto assim, Clarke ainda esta se recuperando, quando ela volta para casa falaremos sobre isso...

Clarke suspira e diz:

_ Vocês duas não podem adiar minha ida para sempre...

Nesse momento Luna se vira para Clarke caminha ate ela toca sua face, havia um corte pequeno em cima de seu olho esquerdo, ela se abaixa e beija no local e diz:

_ Eu não estou adiando nada, somente estou dando o tempo para sua cura... Prometo que depois que você estiver totalmente curada vamos conversar sobre isso...

Niylah sorrindo beija Clarke também e diz:

_ Você querendo ou não querendo e nossa filha Clarke, nada vai mudar isso...

Clarke sorri, mas, então depois que elas saem, Echo diz:

_ Você não pode fazer isso... Você não tem esse direito...

Clarke suspira e não diz nada, ela fica olhando para outra direção, fugindo do olhar de Echo, a morena perde a paciência e grita...

_ PORRAA!!! Clarke fala comigo... Grita comigo... Qualquer coisa...

Nesse momento Clarke se assusta seu coração começa a bater mais rápido, seu corpo começa a tremer, lembranças do ataque veem a sua mente, Echo percebe o que fez e corre e abraça sua irmã, Clarke tenta se afastar, mas, Echo se mantém firme no aperto e diz:

_ Clarke sou eu... Por favor, não fuja de mim...

Clarke finalmente relaxa, ela começa a chorar, Echo chora junto e diz:

_Me perdoa... Eu fui uma estupida... Você e minha irmã Clarke.... Sempre será...

Clarke queria acreditar nas palavras de Echo, mas, não conseguia, quando ela se acalma ela diz:

_ Você pode me soltar agora...

Nesse momento Echo, faz o contrario e diz:

_ Não...

Clarke tenta, mas, ainda estava fraca e com raiva diz:

_ Echo me solta...

_ Não...

Clarke já estava perdendo a paciência e diz:

_Me solta merda...

_ Não... Ate você falar comigo direito...

Clarke suspira triste e diz:

_ Não temos nada para falar certo...

Echo solta Clarke, fica de frente para Clarke e diz:

_ Temos sim... Eu fui injustiça com você...  Não devia ter dito aquilo... Eu queria ter ido atrás de você, mas, mama Luna não deixou... E quando fiquei sabendo o tinha acontecido com você quase morri...

_  Você não falou nada demais, somente o que estava sentindo. – diz Clarke...

Echo começa a chorar e diz:

_ Eu somente estava brava... Eu te amo Clarke você e minha irmã... Eu não te culpo pelo passado... Fui uma idiota em falar aquilo...

Echo não parava de chorar, estava parecendo uma criança que tinha perdido um pai, nesse momento Clarke se lembra desse sentimento e diz:

_ Não chore... Eu n...

Antes que ela terminasse a frase, Echo estava abraçando ela, e dizia no meio do choro...

_ Não ouse dizer que você não merece Clarke... Você e minha irmão querendo ou não. Nem que eu tenha que abrir sua cabeça e por essa verdade lá dentro...

Então sem outra opção Clarke aceita o abraço de Echo, e as duas ficam assim ate adormecerem...


Notas Finais


Até Sábado...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...