História Do not let me - Namjin - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mark, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Markson, Namjin, Sexo, Sobrenatural, Vhope
Exibições 63
Palavras 671
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Hentai, Magia, Romance e Novela, Slash, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bem desde já agradeço a você que lê minha fic, to tentando ao máximo escrever bem a fic. Perdoem os erros de português

Capítulo 6 - Capítulo 5


P.O.V. Namjoon

   Pergunto a Jin sobre a garota que o havia abraçado, meu ciúmes estava muito, queria muito mostrar meu lado obscuro e fazer algo com aquela garota mas não podia...

   --Vamos Jin, tô esperando uma resposta quem é esse ser? -- Digo em um tom de voz alterado

   --Bem... Essa é a Jisoo - Ele me responde -- Tchauzinho foi bom te ver Jisoo, vamos Namjoon - ele sai andando e me puxando

   Ouço a voz feminina da garota a chamar Jin e ele a ignora andando um pouco rápido tentando... fugir dela?

   Percebo a mesma não vir atrás de nós então ignoro, mesmo estando com ciúmes eu não posso controlar tanto o Jin assim.

   Chego a casa do mesmo e logo o deixo lá lhe selando varias vezes e sorrindo logo em seguida. Saio andando até minha casa.

   Estava caminhando quando ouço a mesma voz feminina a me chamar, me viro e a mesma vem em minha direção.

   --Olha só vou lhe dizer uma vez, se afaste do Jin, ele é meu só meu você não o toque novamente e nem chegue perto do mesmo ou sofrerá as consequências -- ela diz e vejo como se fogo estivesse em seus olhos

   --Garota ele é praticamente meu... Er.. Namorado... então eu tenho o direito de fazer o que quiser, e você se afaste de mim e dele, não ouse falar comigo -- Digo e saio andando até minha casa

   Chego na mesma e entro logo deito em minha cama.

P.O.V. Jin

A noite havia caido e eu estava mal, lembrando do meu passado com Jisoo, aquela garota me fazia mal, muito mal. Sai para tomar um ar, fui andando em passos lentos até a porta e abri a mesma me sentando ali fora. Respirei fundo aquele ar e repeti isso mais três vezes até sentir um perfume.

Eu conhecia aquele perfume, mesmo sem lembrar de onde continuei a apreciar aquele cheiro, logo recordações me vem a cabeça, recordações de Jisoo e logo reconheço o cheiro.

Percebo alguém a vir em minha direção, pela silhueta percebi ser um homem o que me deixou mais aliviado por alguns segundos, até o mesmo me agarrar pelo braço e me puxar até um carro, onde vi Jisoo lá, logo respirei fundo, não poderia me mostrar fraco não perto dela.

Olhava em volta, até que em algum momento sou acertado na cabeça por algo, vejo apenas minha visão ficar embaçada e logo não consigo ver nada.

P.O.V Namjoon

Acordara com o barulho de meu celular a tocar, olho o visor e vejo um número desconhecido. Atendo o mesmo.

Ouço Hoseok me falando que Jin sumiu, e que ele estava no quintal, logo desligo o telefone e saio correndo a casa de Jin.

Chego na mesma e vejo JungKook e Hoseok sentandos perto a janela olhando. Bato na porta e logo me atendem sem saber o que fazer.

Sinto um cheiro familiar, havia sentido aquele cheiro logo quando estava a falar com aquela gsrota cujo nem o nome me lembrava. Acho que era Jisoo.

Aviso que iria tentar o procurar e logo vejo-os entrar. Uso de meu olfato apurado e sigo o cheiro, chegando em um local abandonado que tinha um carro estacionado.

P.O.V. Jin

Acordo em uma sala com meus braços e pernas amarrados na cadeira na qual estava sentado. Tento me soltar mas é em vão.

Vejo a silhueta de ums mulher ali, era Jisoo. Ela se aproxima e deposita um beijo no canto de minhs boca, ela percebe a cara de nojo que eu havia feito e logo pega um chicote que havia ao seu lado e bate com o mesmo em minhas pernas, fazendo com que uma marca vermelha apareça em mim.

--Não me recuse garoto -- ela dizia com raiva -- você é meu e de mais ninguém -- ela diz e logo me encara

Sinto meus olhos lacrimejaram, não por causa da dor mas sim com medo dela fazer o que fazia no passado comigo. E até mais que disso, dela machucar Namjoon...


Notas Finais


Bem saibam que eu me esforço ao máximo, desculpem se não estou sendo uma boa escritora...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...