História .do ré mi. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Taeyong
Tags 2taeil, Dotae, Jaeyong, Johntae, Johnyong, Marktae, Nct, Sfnctfreesoul, Taeje, Taemin, Taesung, Taeten, Taewin, Yutae
Visualizações 36
Palavras 796
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Musical (Songfic), Slash, Yaoi
Avisos: Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioioioi
Bem, esse é meio que um repost... eu tinha essa OS na minha antiga conta, infelizmente foi uma das únicas coisinhas que consegui recuperar, enfim, vou explicar essa parada louca aqui:
O POV do capítulo pode ser quem você quiser, mas independente de quem for, vai estar falando sobre o Taeyong, os insultos, etc... vão ser tudo relacionados ao Tae.
Acho que deu para entender hehe vou parar aqui e deixar vocês lerem. Espero que gostem e desculpas qualquer erro!

obs: Outra coisinha que esqueci de dizer, Do ré mi é uma música do rapper Blackbear, se quisetem escutar, super recomendo, porque a música é ótima!!

Capítulo 1 - .do ré mi.


Fanfic / Fanfiction .do ré mi. - Capítulo 1 - .do ré mi.

Dó Ré Mi

Dó ré mi fá sol

Yeah yeah

Dó ré mi fá sol

Yeah

Yeah

Se eu pudesse voltar para o dia em que nos conhecemos

Era verão, aquele canudinho entre seus lábios, junto com as pernas cruzadas me encarando com desejo.

Provavelmente teria apenas ficado na cama

Não teria perdido meu tempo com uma putinha como você.

Você passa a boca por toda a cidade

E isto deixa o som de vidro quebrado no meu carro.

O estouro foi escutado, quando aquele charlatão chegou dizendo que havia posse em você, o barulho da arma, aquilo mirado em minha direção.

Me pague todos os presentes que eu enviaria

Ou acabou, vadia

Era um trouxa por completo certo? Somente mais um na sua listinha.

Fodeu com meus amigos pelas minhas costas

Eles também me traíram, mas a iniciativa foi sua de ter os seduzido, assim como a mim, não os culpo por completo, no final das contas era seu trabalho.

Da próxima vez ficarei dormindo

Rezo ao senhor para guardar minha alma.

Me livrar do que passei com você, tenho que admitir, não foi de todo o mal, as noites viradas contigo foram incríveis, mas apenas me levaram a um rumo de pecados que nunca imaginei que teria.

E você me fez pensar ultimamente

Vadia, você é louca

E nada nunca é bom o suficiente.

Assim como o sexo, sempre querendo mais, pedindo por mais, sua loucura era contagiante, tão contagiante que me atingiu em cheio, para aceitar aquelas propostas... com certeza deveriam ser.

Escrevi uma pequena canção para você

Ela soa assim:

Dó ré mi fá só cansado pra caralho de você, garoto

Só cansado pra caralho de todos os jogos que você joga

Eu não sou nenhum jogo da velha

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

Dó ré mi fá só cansado pra caralho de você, garoto

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

Se eu pudesse voltar para o dia em que nos conhecemos.

Nossos corpos se chocando um contra o outro, o fricção de nossas ereções, ah! Era tudo tão excitante.

Provavelmente teria apenas ficado na cama

Valeu uma fodinha rápida com você, mas não foi tão boa, se eu estivesse ciente do que estava prestes a me acontecer, acho que não faria questão nem de acordar naquela manhã para ir a Praia, e encontrar você, radiante.

Você acorda todos os dias e me faz sentir um incompetente.

Se eu tivesse coragem, atiraria na sua cara, eu estava com a mão do gatilho, se apertasse um pouco mais, adeus, você não existiria hoje.

Sapatos de grife e comprimidos tranquilizantes

Parabéns, sua bolsa de maquiagem

Típico de uma vadia como você.

Você nunca teve que comprar uma bebida para si.

Porque todos queriam bater na sua bunda alguma hora.

Seduzir era seu jogo, você era bom no que fazia, ganhava dinheiro de modo sujo, doando seu próprio corpo a um desconhecido, um velho nojento, mas para você não fazia diferença a ideia ou a aparência, tendo dinheiro na carteira estava de bom tamanho, não é mesmo?

E você me fez pensar ultimamente

Vadia, você é louca

E nada nunca é bom o suficiente.

Aqueles outros caras, também devem ter experimentado da sua loucura, se bem que te conheço, eu não fui o único na sua lista, as drogas, bebidas, alucinações durante a madrugada, estava louco para matar alguém.

Eu escrevi uma pequena canção para você

Ela soa assim:

Dó ré mi fá só cansado pra caralho de você, garoto

Só cansado pra caralho de todos os jogos que você joga.

Eu não sou nenhum jogo da velha

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

Faça como fazia nos velhos tempos.

Dó ré mi fá só cansado pra caralho de você, garoto.

Uma hora, a gente se toca

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

A sua também vai chegar, não se preocupe.

Eu escrevi uma pequena canção para você

Ela soa assim: dó ré mi fá só cansado pra caralho de você, garoto.

Por tanto não vá atrás de mim, mesmo se eu fosse o cara mais rico do mundo, não gastaria nenhum tostão com você.

Só cansado pra caralho de todos os jogos que você joga.

Enjoei de tudo, não é mais sexy, não tem mais graça. Acho que agora está na hora de enfim chegar o Game over para você.

Eu não sou nenhum jogo da velha

Você já acabou para mim, dessa vez eu ganhei, a sensação de ser humilhado é bom? Me diga.

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

Dó ré mi fá, cansado pra caralho de você, garoto

Envie os abraços e beijos para outra pessoa, eu morri

Até nunca mais!




Notas Finais


Fim hehehe


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...