História Do You Believe? ¦ YoonMin - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 184
Palavras 512
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Se tiver algum nome que não faça sentido, me perdoem. Eu comecei a escrever essa fic com Larry e depois resolvi adaptar pra YoonMin.

Boa leitura ~~

Capítulo 4 - 0.3


Yoongi deveria ter um oito anos quando conheceu Jimin, um garoto sem fé alguma. Sua missão era fazer com que ele voltasse a crer em Deus, mas ele falhou...

- Você deve voltar agora, Yoongi. - Nanjoon deu um suspiro cansado e passou as mãos pelo cabelo do garoto - Antes que suas pequenas dúvidas se tornem problemas bem maiores e irreversíveis.

- Mas Nam, eu ainda não completei minha missão. - a confusão estampada no rosto infantil.

- Eu sei, pequeno, mas é para o seu próprio bem, okey? - Min concordou.

- Posso te pedir uma coisa, hyung? - o mais velho apenas concordou - Me deixe tentar uma última vez?

- Tudo bem, mas seja rápido, precisamos voltar logo.

Infelizmente, como vocês já devem imaginar, Yoongi não conseguiu convencer Jimin e assim acabou dando a mãozinha pra Namjoon e voltando com ele para o céu.

***

Yoongi não voltara pra terra até que completar 26 anos. Quando o dia finalmente chegou ele se foi sem avisar a ninguém.

A primeira coisa que fez assim que encostou seus pés na terra foi procurar saber de Jimin. Não entendia porque tinha sido afastado do amigo.

Ele estava tão bonito e tão... pequeno. Não que pudesse falar muito, era apenas um pouquinho mais alto.

Min preferiu não se aproximar de primeira, já se sentia bem melhor em saber que o garoto estava vivo e saudável.

Apenas ficava por perto, tendo certeza que ele estava bem, até que um dia viu algo que o deixou em alerta.

- Taehyung. - rosnou.

- Oh, anjinho... Qual é mesmo o seu nome? - fez uma expressão pensativa. - Lembrei! Yoongi, não é?

- O que faz aqui? - ignorou a pergunta do loiro.

- Ah, Yoongi, depois que você foi embora à anos atrás eu decidi fazer o seu trabalho de ficar perseguindo Jimin, sabe? - deu de ombros. - Você perdeu a parte mais divertida da vida dele. A adolescência de um humano é bem interessante, eu aproveitei bastante. Nunca quando ele estava acordado, claro. Só me infiltrava nos sonhos molhados dele e me divertia um pouco. Agora eu estou querendo algo mais real, sabe?

- Não ouse colocar um dos seus dedos imundos no Jimin. - sua voz saiu mais grave que o comum, enquanto ele a deixava sair entre dentes.

- Ciúmes, anjo? Que eu saiba você não deveria ter esse sentimento de posse sobre ele. - riu demoniacamente.

- Cale essa sua boca, Kim, e se afaste do Jimin. - fechou o punho com força, queria tanto quebrar a face perfeita do demônio, mas é claro que era só porque eles eram inimigos naturais. Só isso.

- Eu faço o que eu quiser Min, você pode ter conseguido chegar nele primeiro que eu, mas não esqueça que você também o abandonou. - sorriu - Você me entregou ele em uma bela bandeja dourada. Eu só estou aproveitando o presente.

Yoongi estava pronto pra arrancar aquele sorrisinho maldito do rosto do loiro, mas quando foi fazer isso ele já tinha desaparecido.

Droga.


Notas Finais


Eu realmente estou com meus dedinhos coçando pra postar logo, mas tenho medo de depois não conseguir entregar capítulos tão rápido e fico desesperada e AAAAH.

But, como diz minha querida mãe, vida que segue. E aí mozões, o que estão achando? Digam para mim, por favor?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...