História Do You Believe? ¦ YoonMin - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 168
Palavras 1.031
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi, oi gente, acordei meio Kéfera hoje.

Capítulo frexxxxquinho pra vocês, tá bom?

Boa leitura ~~

Capítulo 6 - 0.5


O dia anterior não saia de sua cabeça, ele ainda não entendia tudo aquilo que aconteceu. Resolveu que iria passar o dia inteiro assistindo série, colocou seu celular no silencioso e pegou algumas besteiras para comer. Abriu o notebook e logou na Netflix, decidiu começar por Orphan Black.

Estava a quase quatro horas ali e havia visto 6 episódios. Levantou, se espreguiçando, e decidiu ir até a sua janela. A rua estava consideravelmente quieta, apenas algumas pessoas passavam por ali. Viu um belo garoto de cabelos verdes e pele extremamente branca do outro lado da rua, encostado em um muro, que lhe encarava. Quando percebeu que havia sido pego no ato acabou sorrindo envergonhado e abaixou a cabeça. Jimin o achou fofo e sexy ao mesmo tempo, se perguntou o que o mesmo fazia ali. Não precisava de outro stalker atraente ao extremo pra lidar.

Desviou o olhar ao lembrar de Taehyung e quando voltou seus olhos para o muro o garoto não estava mais ali. Procurou por todo o lugar onde sua visão o deixava ver claramente, mas não achou. Começou a se perguntar se o garoto tinha sido uma grande brincadeira do seu cérebro.

Voltou para dentro e viu seu celular acender em cima da cama. Havia algumas mensagens de Jungkook e Hoseok, nada muito importante. Eram cerca de sete horas da noite. Começou a se sentir incrivelmente desconfortável dentro de casa. Resolveu tomar um banho, se arrumar e ir para o mesmo bar onde havia se encontrado com o loiro no dia anterior.

Em algum lugar bem próximo Taehyung sorriu satisfeito.

Em cerca de uma hora já estava no lugar, se sentou no balcão e pediu uma cerveja, que logo se encontrava a sua frente.

- Parece que Deus ouviu minhas preces. - a frase foi dita com tanta ironia que Jimin acabou rindo ao ouvi-la.

- Você não tem cara de quem faz a linha "rezo para uma força superior". - Jimin sorriu de canto, observando o loiro sentar ao seu lado.

- Realmente, não é do meu feitio. - deu de ombros, analisando o menor. - Você parece ainda mais bonito hoje.

- Sempre tão direto. – Jimin carregou sua voz em sarcasmo, o que fez o loiro soltar uma gostosa gargalhada.

Ficaram um bom tempo conversando, mas Taehyung precisou ir embora cedo demais na opinião de Jimin. Marcaram de se encontrar no mesmo local na quarta-feira.

***

Não é como se Jimin estivesse ansioso pra encontrar o garoto com que havia sonhado os últimos dois dias, ele só queria estar ao mesmo nível do loiro. Quando achou que já estava exagerando demais decidiu sair. Caminhou até o bar que não era muito longe. Se sentou novamente próximo a bancada e esperou. Esperou. Esperou.

Ele não apareceu em momento algum. Jimin já estava bêbado e muito puto. Se levantou quase derrubando o banco onde ele estava sentado, jogou algumas libras sobre o balcão e saiu cambaleando pelas ruas. Em certo momento quase caiu e foi ajudado por uma garota.

- Acho que alguém aqui bebeu demais. - ela disse rindo.

- Tive meus motivos. - disse seco e se soltou dos braços da menor.

- Okey, desculpa, não está mais aqui quem falou. - levantou as mãos em rendimento. - Só estava tentando te ajudar.

- Desculpa pela grosseria, é que eu fui deixado plantado em um bar por um cara. - deu de ombros e voltou a andar com a garota lhe acompanhando de perto.

- Você não pensou em ligar pra ele? Ele não te passou uma mensagem? - ele perguntou enquanto segurava Jimin novamente quando ele tropeçou.

- Nós não trocamos números. - fez uma careta quando de repente sua visão girou.

- Então você não pode ficar com raiva dele, afinal, pode ter ocorrido uma emergência e ele não tinha como te avisar. - ela deu de ombros.

- Você tem razão... Errr, como é mesmo o seu nome? - olhou na direção dela quando parou em frente onde morava.

- Violett.

- Bom, obrigado por me salvar de vários tombos. - acenou rapidamente e se virou, deixando a garota para trás.

- De nada, Jimin. - sussurrou ao mesmo tempo que seus olhos ficaram completamente negros.

***

- TaeTae! - a garota de cabelos negros gritou pro galpão consideravelmente vazio. - Sério Taehyung, cadê você? Você não foi para o seu encontro com o baixinho da bunda grande.

- Eu tô aqui, Violett. - a voz fraca veio de trás de uma pilha de caixas de papelão.

A garota correu naquela direção e encontrou o loiro deitado no chão. Seu corpo estava coberto de hematomas, alguns machucados com sangue seco e seu rosto estava um pouco inchado.

- Inferno, o que aconteceu com você? - tirou a camisa rasgada com cuidado do corpo loiro.

- Yoongi descobriu meus planos. - bufou irritado - EU JÁ ESTOU CANSADO DESSE ANJINHO IDIOTA! - gritou, mas logo se arrependeu, pois sentiu um corte em seu abdômen doer.

- Você vai dar um jeito de encontrar Jimin amanhã, eu cuido do imaculado. - revirou os olhos.

Violett se levantou e foi em busca de álcool e algo para fazer curativos. Voltou após alguns minutos com tudo em mãos, deixando perto da cama improvisada onde Taehyung estava passando os dias. Pegou o loiro no colo e o deitou ali. Vantagens de ser um demônio era ter uma força elevada. Limpou o tronco e braços do garoto e fez curativos onde foi necessário.

- Prontinho, amanhã você está novo em folha. - sorriu para o seu trabalho finalizado.

- Vem cá. - abriu os braços e a garota se deitou ao seu lado, com a cabeça em seu ombro - Você não vai precisar cuidar do anjo, eu fiz questão de deixar ele muito pior do que eu estou.

Violett assentiu sentido as mãos do loiro passearem por seus cabelos negros. Levantou levemente a cabeça e olhou para os olhos castanhos do demônio. Analisou o rosto perfeito que Taehyung tinha, percebendo que ele já estava quase totalmente recuperado. Sorriu e se aproximou, deixando um beijo no canto da boca do loiro.

- Eu tenho certeza que sim.


Notas Finais


Suga e V caíram na porrada por causa do Jimin. Own~~

Por hoje é só, até quinta. XOXO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...