História Doce Ilusão - Capítulo 9


Escrita por: ~ e ~thamysbessa

Postado
Categorias Originais
Visualizações 11
Palavras 825
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Poesias, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Um trabalho pode ser o início de uma disputa, escolham o seu lado.

Capítulo 9 - 09- A aproximação


Pov Juan or Jonhy C.

 

Eu observava tudo de longe e sabia exatamente tudo o que não sabiam, e no final eu também estava envolvido em tudo de certa forma.

 

Só não sei como isso irá terminar, afinal o passado ainda trás cicatrizes bem escondidas.

 

Vou agir no momento exato, ou seja tenho que começar a ganhar a sua confiança para que tudo dê certo.

 

Pov Narradora

 

As coisas andavam estranhas no típico e ilustre colégio Proud, só estudavam lá pessoas ricas e os nerds que conseguiam bolsa integral.

 

Ali era a nata da nata, o trigo separado do joio,a alta classe com pequenas reis e rainhas.

 

Alexia era considerada uma das abelhas rainhas,pois o seu jeito bad girl misteriosa conquistava os demais.

 

Ela tinha fama, sua melhor amiga Luna era filha de uma estilista renomada internacionalmente já Thalia era a típica nerd que estava amparada pelas pessoas com maior influência no colégio, e de quebra ela estava em um relacionamento a três com pessoas importantes.

 

Hoje era apenas mais um dia de trabalho em dupla e a professora Lana da disciplina de História resolveu juntar Alexia e Juan; Alysson com Luna; e Thalia com Dinorá, os demais eram duplas fixas já estipuladas anteriormente.

 

Pov Juan vulgo Jonhy C.

 

Essa foi uma oportunidade certeira finalmente consiguirei chegar perto da intocável Alexia,ela é a garota mais bonita da escola e também a mais respeitada.

 

Depois que a professora passou o trabalho me juntei a ela para discutir detalhes sobre a Revolução Francesa.

 

Ela ficou me encarando como se já me conhecesse, nossa conversa foi amistosa  e em pouco tempo já estávamos introsados fazendo brincadeiras um com o outro.

 

Em um determinado momento da aula gargalhamos alto e recebemos bronca da professora e um olhar ameaçador de Luna e um de surpresa de Thalia, um era de ciúme, o outro era de análise e contentamento.

 

Cocei a cabeça sem graça por tantos olhares sobre nós, mas logo coloquei meu melhor sorriso e de quebra dei uma piscada para minha mais nova amiga e futura namorada Alexia.

 

Pov Alexia

 

 

Engraçado parecia que eu conhecia o Juan, ele sabia me ler, e logo foi natural nossa conversa,ele é um típico galanteador, mas eu já era comprometida então o via como um novo amigo.

 

Adorei seu jeito engraçado,algo em seus olhos me dizia que ele seria um grande amigo.

 

Me senti protegida ao seu lado, e nem sei o por quê já que eu mal o conheço não é?

 

 

Pov Luna

 

Não gostei nada desse trabalho em dupla, tudo bem gostei da minha dupla Aly parecia ser uma boa menina, mas não gostei do seu irmão gêmeo Juan,ele olhava para Alexia com olhos de veneração e desejo, e isso estava me irritando, não creio parecem muito íntimos, mas que porra ela tem que ficar abraçando o idiota como se ele fosse o seu abrigo?

 

Minha vontade era puxar ela pelos cabelos,e perguntar se ela queria trocar de namorada,para namorado.

 

Mas me bateu um medo dessa hipótese, o bom é que faríamos tudo na mesma casa, já que minha dupla era irmã da dupla dela.

 

Irei vigiar a minha mulher bem de perto.

 

Não sei se minha vontade era de bater nela,ou de a possuir, meu corpo as vezes parecia necessitar do dela.

 

E isso era surreal já que eu era totalmente apaixonada por outra não é?

 

Pov Thalia

 

Tudo está indo como o planejado pobre tolinha, mal sabe que será atingida feito um trator.

 

Não terei misericórdia ela me feriu profundamente, me tirou uma parte importante da minha vida e agora ela vai começar a pagar.

 

E ainda sim, será pouco ela merece algo pior, mas me contentarei a ver ela não ter ninguém,a admirada menina vai ser uma ninguém,isso eu prometo.

 

E de sobra terei Luna aquela criatura doce e envergonhada,sei que ela acha que me ama,mas no fundo sei que não, mas ela será minha para sempre,a farei ser minha.

 

Pode não ser o que planejei no início,mas assim que a beijei algo mudou no meu plano, não a faria pagar,por algo que ela também era culpada.

 

Essa era talvez a minha redenção ser menos ruim, pois meu ódio por uma delas se transformou em amor.

 

Pelo menos me parece isso, já até vejo um futuro eu e ela juntas.

 

Não é doentio,foi algo surpreendente não pensei que poderia amar alguém, quando minha real intenção era uma vingança.

 

E Isso eu planejei desde nova,desde tudo o que aconteceu no passado.

 

 

 

 

 

 

  Não gosto de sentir tantas coisas e não saber definir, tudo é intenso, e conforme o tempo passa vejo que talvez seja nova demais e ainda não saiba tanto da vida quanto achei que sabia.

 

 Só sei que sinto algo semelhante a cólera quando a vejo sorrindo para você, ou quando noto o seu olhar de cobiça voltado a ela a minha namorada.

 

Por Luna.

 

Desculpem a demora,mas ao menos estou postando dois ótimos capítulos,se divirtam,curtam e comentem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...