História Doce Suga...★♥★ - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Fanfic, Imagine, Suga, Suga Sexy, Yoongi
Exibições 86
Palavras 3.536
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpe a demora, aconteceu tanta coisa na minha vida :(

Mas está ai um cap pra vocês espero que gostem...

Boa leitura! (:V)










(PS: Essa capa eu coloquei pq hj não deixa de ser niver do ChimChim mozao né?)

Capítulo 6 - Eu te amo~ PS: UM ESPECIAL! SQN( SERIO EU NÃO FIZ ESPECIAL)


Fanfic / Fanfiction Doce Suga...★♥★ - Capítulo 6 - Eu te amo~ PS: UM ESPECIAL! SQN( SERIO EU NÃO FIZ ESPECIAL)


Depois que Jin ter me contado que JB tinha beijado ele me lembrei de quando JB me conheceu, ele era amigo de Jin, eles viviam grudados, mas um dia pararam não sabia o porque mas estavam estranhos...

Pov Jin on~

Estava arrumando a casa, já que S/n não se pôs a me ajudar ela vai ver, estava tudo tranquilo ate que...

-Olá Kim SeokJin...-me virei e vi JB- Tenho uma novidade boa pra você!- se aproximou de mim, fui me afastando, mas acabei batendo de costas na parede- Agora vou namorar a S/n, agora você é um parente meu e eu vou te arromentar, e destruir sua vida- falou se aproximando e me beijando a força, empurrei ele e ele revidou com um soco.

-Para com essas suas maluquices!

-Você me rejeitou, e agora está com um namorado, eu não entendo- me olhou bravo

-Eu também não entendo, você vai iludir minha irmã pra poder conviver perto de mim? Isso é doentio!!- me empurrou no sofá e num passe de mágica tirou minha calça e me beijou a força novamente.- Oq você está fazendo ?

-Você vai ver oque eu vou fazer- me beijou de novo e massageou meu pênis por cima da box, na tentativa de me excitar.

-Me larga seu filho da puta- Consegui me levantar e arrumar minhas calças, JB se jogou em cima de mim fazendo nós dois cair no chão, tentou me beijar mas eu impedi dando um soco na cara dele, ficamos nessa por tempo de mais ate eu pegar meu celular e me esconder no banheiro.

-Cade você Daddy? Está com medo do que eu possa fazer?-gargalhou e começou a me procurar, enquanto isso consegui ligar pra S/n, a mesma disse que estava a vir. Sai do banheiro vendo JB sentado no chão chorando.-Porque você não me ama?- fungou chorando mais.

-Ninguém vai te amar se você forçar-la a fazer oque ela não quer.-massageei as costas dele com a tentativa de ser carinhoso, mas não deu certo ele me deu um tapa, peguei ele pela orelha e nesse instante s/n chega...

Pov Jin off~

Jin me contou tudo que JB tinha falado pra ele, que ele me iludiu e muito mais, me senti mau e sai do apartamento triste, fui pra casa de um amigo meu, a gente sempre marcava de sair mas nunca saia, o nome dele é Jeon Jungkook. Cheguei na casa dele e fomos pra uma balada, cheguei la tímida e fui beber algo com ele.

-Uma vodka, misturado com
fanta maça verde porfavor.

-Nossa S/n, tu sabe que bebida doce é mais rápida de ficar bebada né?

-Eu sei- dei um sorriso e minha bebida chegou, dei uns gole nela, e JungKook tomou um pouco, porque quem ia me levar para casa era ele, ele pediu uma bebida rosa, não conheço o nome. Depois de um tempo, estava me sentindo tonta e me levantei pra dançar.

Pov JungKook~

-JungKook! Vamos dançar!- me puxou e começou a dançar, já estava muito bêbada- ai Kookie se mexe viado!- apenas me mexi mais não estava tão bêbado, derrepente me puxou pra mais perto e começou a dançar mais sexualmente, porque a música pedia isso. Passou umas horas e resolvi levar ela pra casa.

-S/n, temos que ir.- começou a rir e falou.

-Você parece meu irmão, sempre preocupado comigo.- deu uma risada e me agarrou.- Daddy, a BabyGirl quer dormir com você hoje.- me deu um beijo molhado no pescoço que me fez arrepiar, tive que manter a calma, e eu consegui, não era tão difícil, eu sou bi, mas ja tenho um crush. Estava saindo da balada, quando ela resolve se soltar de mim e ir pro meio da rua.- Kookizinho vem aqui!- falou de uma forma sensual.

-Não S/n, vamos pra casa- quando fui pegar ela ela se afastou mais, nesse afastamento passou um carro em alta velocidade, só vi S/n caída no chão sangrando.

Pov Jungkook off~

Pov Suga on~

03:51 da madrugada e eu com insonia, pensando em S/n. Sinto meu celular vibrar e quem me liga é S/n, atendo com esperanças de ela me pedir desculpas, e pedir pra ir sair com ela.

Ligação on~
-Oi? S/n? Nossa pensei que nunca mais me ligaria.

-Suga, vem pro hospital porfavor- a voz não era de s/n, e sim de Jin.

-Oque aconteceu com a S/n Jin??- perguntei ja me levantando e me preparando pro pior.

-A S/n sofreu um acidente, eu te explico aqui no hospital- falou fungando e chorando.

-Calma hyang, eu ja estou chegando.

Ligacao off~

Tomei um banho rápido, e coloquei uma roupa qualquer, fui correndo para o hospital. Cheguei la e estava Jin chorando nos braços de Namjoon, e um menino que eu não conhecia com os olhos vermelhos, deve ter chorado tambem.

-Suga!- Jin venho e me abraçou.

-Hyang me explica porfavor oque aconteveu.- deu sinal positivo e sentamos nas cadeiras.

-Ta, S/n se sentiu iludida pelo JB, pq ele só queria ficar com ela pra se vingar de mim, dai ela saiu de casa pra sair com o melhor amigo dela, o Jungkook. Nessa saída ela bebeu de mais, Jungkook ia levar ela pra casa dele, mas ela acabou se soltando dele e indo para o meio da rua, e acabou sendo atropelada. O motorista foi em bora sem ao menos se desculpar ou ajudar.

-J-jin eu sinto muito, e qual o estado dela?-perguntei tentando acalmá-lo.

-Eles não falaram ainda estão examinando ela ainda- depois de Namjoon falar isso, um médico brotou.

-Olá responsável de Park S/n!- o médico gritou, olhando pra todos.

-Sou eu, qual o estado dela?- fui junto com Jin, e o menino que estava sentado também, o médico era muito colorido e divertido, ele estava com um pirulito na boca, e parecia que vinha da Tailândia.

-Bem, primeira mente prazer meu nome é Kunpimook Bhuwakul- eu e jin nos olhamos e ficamos meios confusos- mas podem me chamar de BamBam, eu sei que esse nome é difícil, enfim, S/n não acordou ainda, o carro bateu muito forte na cabeça dela, e então ela entrou em coma, ela também quebrou uma perna, eu lamento- fez uma carinha meio sem jeito por deixar a gente mais tenso e preocupado.- Bem vocês podem entrar, eu gostei de vocês, então vai ser um segredo- tirou pirulitos do bolso e entregou pra gente, como que ele tem tanto pirulito?

- Ho obrigado BamBam, a gente vai agora, depois nos falamos- peguei os pirulitos e empurrei eles ate o quarto que BamBam, estava apontando e rindo da minha reação.- que médico é esse?

-Se eu não tivesse crush eu pegava ele- falou o garoto emo, ele parece ser legal.

-Ahah para com isso JungKook! Quem é seu crush?- falou jin curioso.

-Ah, err... A gente tenque visitar a S/n né? Vamos lá-  mudou de assunto e foi mais rapido para a porta do quarto, chegando lá, ele paralisou, e nós também. S/n estava com um grande corte na cabeça, dava pra perceber pela fita branca que escondia o seu corte, mas deixava claro que estava ruim, sua perna direita estava para cima, e aquilo me deixou totalmente pra baixo.

-S/n!!!!!- Jin gritou já chorando, e indo abraçar ela.

-Jin calma- JungEmo foi acolher Jin, se afastou e sentou na cadeira, e começou Bocejar.

-Jin, se você quiser ir pra casa pode ir, você também amigo do Jin.- me olhou e deu sinal positivo.

-Ah Okay, se precisar é só me ligar, meu nome e Jeon Jungkook- me entregou um papelzinho com seu número escrito, depois me despedi do mesmo, e de Jin.

Me sentei na cadeira ao lado da cama de S/n, e apenas chorei quieto nas mãos dela...

Pov Yoongi off~

Pov S/n on~

Estava me sentindo... Vamos dizer "livre" mas presa ao mesmo tempo? Seila que sensação estranha, só consiguia sonhar, e depois de uns tempos ouvir algumas coisas estranhas tipo: "tomara que você morra! Para seu irmãozinho sofrer, depois mato aquele idiota do namorado dele." Okay isso foi MUITO estranho, mas ouvia coisas como tb "Eu vou chamar eles para entrar e ver ela" ou "vou dar pirulitos pra eles! ". Okay agora estou entendendo? Quem chama as pessoas pra visitar outras? médicos? Eu estou num hospital? Bem eu não me lembro oque aconteceu, nem vou tentar descobrir.

A coisa mais intrigante que senti, e ouvi, e que tinha certeza que era real, foi soluços, sim soluços, soluços de choro, quem sera? Talvez Jin? É bem provavel. Escuto denovo e dessa vez mais forte, e palavras são ditas...

- S/n porfavor me escute, porfavor não me deixe, não deixe Jin porfavor, nós te amamos tanto anjo. Eu quero te dizer que te amo muito, mesmo você não ter correspondido como eu imaginei, vale a pena ficar do teu lado e te ver feliz, eu te amo muito, e quero te fazer amada, porém não vou te forçar... Eu amo seu sorriso, ele é a mais brilhante luz. Eu amo seu jeito bobo, e envergonhado de ser, você é tão fofa, tão amável. Seu jeito de me provocar, e me deixar muitas vezes puto com você, por se esfregar naqueles homens, eu realmente odeio isso ahahah. Você sabe certinho as coisas que eu não gosto, e gosto. Sou grato por ser irmã de Jin, oque seria de mim se você não soubesse cozinhar? Iamos comer só pizza todos os dias. Você consegue me provocar de dois jeitos, o ciúmes, e a sedução, ainda me lembro do nosso único beijo, seus lábios tinham um sabor inexplicável, queria sentir de novo, você é mal Baby, muito mal, porque você vai com suas saías e shorts curtos pra minha casa? Você me deixa louco, várias vezes tive que me segurar, você me paga! Eu amo também quando você tenta tocar meu piano na livraria, (risos) tão ruim, eu amava te ver brava de ódio por eu rir de você... Eu amo tudo em você, cada detalhe cada toque, cada palavra, cada gesto... Eu te amo, no fundo do meu coração. Eu não sou bom nisso, e você nem está me ouvindo...

Derrepente venho uma força em mim, uma força necessitada de falar com ele, pedir desculpas, falar oque eu sinto, e guardei pra mim esse tempo todo, como?

Meus olhos se abrem devagarinho, consigo ver aonde estou, a luz fraca que iluminava o quarto, e dava pra ver seus cabelos negros bagunçados, e sua pele branquinha e pouco morena, seus olhos inchados e fofos. Sinto dor na cabeça, e principalmente na minha perna direita. Com muito esforço consigo falar.

-Y- Yoo-Yoongi? E-eu t-tam bem, t-te amo. ..-o mesmo se encolhe mais e me da um carinho.

-Eu estou te amando tanto que ouço sua voz doce, e calma dizer que também me ama, estou mesmo louco por você- o mesmo da uma risadinha e ainda me da carinho.

-S-suga!- consigo dar um gritinho, e mexer minha mão, o mesmo levanta sua cabeça rapidamente, surpreso e fica com os olhos arregalados.

-S/n? C-como você esta acordada? Quer dizer que bom, mas err... V-você me ouviu?-falou corando e me dando carinho na bochecha.

- Seila, e-eu so acordei- deu um sorriso e me deu um beijo na testa.

-Vou chamar o BamBam- BamBam? Depois de uns minutinhos, ele apareceu.

-Olá S/n, eu sou BamBam, e como deve saber sou seu médico- então esse é o BamBam que loucura, me lembro de alguém ao olhar ele- você é forte, pensei que só acordaria depois de semanas. Mim Yoongi, ela vai poder sair depois que a perna dela melhorar, vai demorar umas 4 ou 3 semanas pra isso,  o corte na cabeça ja esta melhorando, ate la ela vai terque ficar por aqui Okay?- entregou um pirulito pra mim- pirulitos fazem bem para curar, e pra falar melhor.- piscou pra mim e foi em bora da sala.

-BamBam é legal- falou o moreno chupando um pirulito

-esse médico é o BamBam? Jesus- falei também chupando um pirulito.

-viu anjo? Você vai voltar pra casa logo logo- se aproximou dando carinho na minha cabeça.

-S-Suga oque v-você falou, é-é verdade? Ou v-você...

-Tudo que eu falei era verdade, mesmo eu... Ter falado claramente, eu não sabia que você estava escutando, mas é verdade- falou olhando pro lado, queimando de vergonha.

-Tomate tem muita inveja de você!!!- me mostrou a língua e sentou na cadeira ao lado da minha cama e ficamos conversando de coisas aleatórias.

QUEBRA DE TEMPO~ 3 semanas depois...

-Hoje S/n vai poder ir pra casa, a perna dela esta ótima, e não ficou com nenhum dano, so marcas que podem ser removidas com bastante hidratação- falou BamBam com um sorriso no rosto.

-Ai que bom aleluia, tava cansada dessa cama!- falei sentando na cama e batendo palmas.

-Amanhã a gente vai Okay? Suga quer dar uma surpresa pra você.

-Que tipo de surpresa Jin?- falei dando um sorriso bobo

-não interessa, é SURPRESA!

-Aish, Okay!

Pov S/n off~

Pov JungKook on~

Ooow ele é tão lindo, hmm aquela boca dele, o sorrinho Oooh- me tocava todos os dias no banheiro, pensando em quem? Exatamente, Jimin. Odeio ele, mas amo, ele é tão gostoso, ele que é meu crush. Ate agora não falei com ele, só observo aquela raba delicia dele, eu moro em dormitórios, ele mora aqui também, mas sempre esta fora, e quando esta aqui vem no meu quarto pra falar com Tae, meu melhor amigo, ele vem pra pegar camisinhas pra poder pegar as meninas, af né. Hoje ele não estaria aqui, então posso ficar a vontade amém- hmm Aaah, Jiminnie ooh...

Me limpo e limpo o banheiro, e me enrolo na toalha, quando penso que não, Jimin estava na cama de Tae, me olhando perversamente, me assusto e fico vermelho.

-O-oque v-você e-es-está fazendo a-aqui- minha voz falha automaticamente. Ele se
levanta ficando na minha frente e me encarando maliciosamente.

-Você estava gemendo um nome no banheiro- falou se aproximando, cada vez que se aproximava eu ia pra trás, ate sentir a parede fria nas minhas costas- esse nome era meu não é? Kookie...- falou a última frase no meu ouvido me arrepiando.

-N-não sei do que você está falando, e-eu não estava g-gemendo- deu uma risada, e suspirou fundo.

-Quer que eu repita oque você estava fazendo?- coloca a mão no meu pênis, que ja estava incrivelmente duro e massageia lentamente me fazendo gemer baixo.

-Hmmm aaah, oow J-jimin, p-porfavor, vai mais rápido- deu uma risada e me beijou ainda massageando meu pênis, seu beijo tão quente, tinha gosto de morango, o meu tão sonhado beijo, sua boca tão macia, bem como eu imaginei. Massageei seu abdómen por cima de sua camisa, e aranhei, o mesmo arfou e apertou meu pénis me fazendo gemer mais- oooh j-jiminnie, oow

-Hm Kookie, eu tenho umas coisas pra fazer, de noite eu te busco pra terminarmos oque começamos Okay?

-O-onde você vai?

- vou fazer um favor para um amigo, quer ir comigo?

-QUERO! Quer dizer, pode ser- deu uma risada e saiu do quarto.

-Quando se arrumar desce, que vamos de carro Okay?- fiz que sim com a cabeça e ele saiu do quarto, me arrumei e fui correndo pela escadaria até o carro.

Pov Jungkook off~

Pov s/n on~

Dia seguinte~

Estava saindo finalmente daquele hospital, Jin estava me levando de carro, eu conseguia ficar de pé, e andar com um pouco de dificuldade mas dava pra andar. Fico me perguntando o que Suga esta fazendo, sou muito curiosa. O celular de Jin começa a tocar e ele fala com não sei quem.

-Alô? Oi Jimin, ta bom até. S/n vamos terque mudar o caminho e ir pra livraria, o Jimin quer que eu pegue um livro pra ele, Okay?- falou mudando de direção e indo pra livraria que poucas pessoas conhecia, eu amo pegar livros lá...

-Tudo bem, eu amo aquela livraria.

Chegando na livraria~

Jin abriu a porta pra mim, e eu sai com minhas muletas, sinceramente, não precisava disso, mas Okay. Jin entrou primeiro na minha frente.

-Aaai Jin, nunca ouviu primeiro as damas?- falei reclamando de sua pressa.

-Eu sou uma dama Okay?- falou fechando a porta na minha cara.

Olhei pra porta direito e tinha um cartaz dizendo "aberto", entrei e Jin não estava lá, mas tinha um caminho de rosas que ia ate uma salinha, ali tinha o piano que sempre gostei, ali foi onde eu cocheci Suga, foi bom se lembrar daquele dia. Sentei no banquinho e senti as teclas do piano, olhei para as partituras e ali estava escrito "Foi aqui onde tudo começou, foi aqui que me apaixonei, foi aqui que também perdi minha sanidade... PS: saia da sala!" fiquei assustava com o "PS",  respeitei, quando sai Jimin, Jin, Tae, Kookie, Namjoon e Hoseok estavam em ordem olhando pra mim, derrepente um Yoongi brota cantando a música que ele criou pra mim "Butterfly" eu simplesmente amo essa música, os amigos dele também cantam e dançam, Yoongi se aproxima com uma caixinha na mão e se ajoelha.

-S/n, eu não sou o melhor homem do mundo, nem o pior- todos começam a rir pela confiança do jovem, e eu ria enquanto chorava.- (risos) eu quero dizer que dês do dia que te vi nessa livraria, eu me apaixonei fortemente, ao longo tempo da nossa amizade, eu fui te amando mais e mais...- deu uma pausa dramática, e abriu a caixinha onde tinha duas aliança.- Seja minha deusa, minha princesa, meu anjo... S/n, quer ser minha namorada?- ele se levantou limpando minhas lágrimas, e esperando minha resposta.

-É claro que eu quero seu bobo! Como poderia dizer que não? Pra você ainda?- pulei nos braços dele, e ele me abraçou fortemente.

-Eu sabia que você iria aceitar- começou a rir e me deu um beijo, um beijo que nunca vou esquecer, um beijo doce, quente e calmo.

-Ei ei ei! Se vão se agarrar se agarrem num quarto, e usem camisinha- Jin falou isso e eu fiquei vermelha.

-JIN FICA QUIETO!!!- todos começaram a rir.

Depois de uns minutos ali, fomos comemorar numa sorveteria, Jimin e Kookie estavam estranhos, na verdade se olhavam estranhos.

-Estão Kookie, quem é seu crush?- falou Jin olhando pra ele.

-E-eu não v-vou te falar- falou ficando nervoso.

-Eu sei quem é!!- Tae falou tomando seu milk-shake.- É o j- foi interrompido pelo Kookie.

-CALAA BOCA TAE NÃO FALA!- falou tapando a boca de Tae.

-Aah Kookizinho, fala pra nós quem é!- falei apertando a bochecha dele, o mesmo largou Tae, e ficou vermelho.

-não S/n...

-É o Jimin!- falou Tae rindo, Kookie mostrou o dedo do meio para Tae, e olhou pro Jimin, depois abaixou a cabeça corando violentamente.

-Eu sabia disso!- Jimin falou tomando seu sorvete, e corando um pouco.

-Eu shippo!- Hoseok e Tae gritaram.

-Eu Também shippo, sempre shippei.- falou Jin

-Eu vi que vocês estavam se olhando, acho que aconteceu alguma coisa em- falei olhando maliciosamente para os dois, Jimin engasgou-se com seu sorvete, e Kookie aregalou seus olhos.

-aconteceu- Jimin se levantou ficando atrás de Kookie e abraçando seu pescoço, Kookie tossiu, e olhou pro lado- eu e ele ficamos

-v-você ta louco Jimin?

-E vamos ficar de novo hoje, e pra sempre, porque ele é MEU KOOKIE!- falou apertando mais Kookie.

-Oooow que fofos, shippo pra caralho- falou Suga rindo e colocando a mão na minha coxa, disfarçadamente.

-*Yoongi, para!*- falei cochichando, e ele apertou ela mais forte.

-*Sabia que eu amo quando você fala meu nome*- falou no meu ouvido fazendo eu me arrepiar, e colocou sua mão mais perto da minha vagina, mas foi interrompido por Jin que tossiu alto.

-VÃO FAZER ISSO NUM QUARTO!

-não estamos fazendo nada Jin- Falou Suga tirando a mão de minha coxa.

-Ta bom, vou acreditar. Gente vamos pra casa. S/n pode ir na casa do seu namorado okay? Eu quero ter um papo serio com o Namjoon- olhou pra Namjoon bravo, e se levantou indo pro carro.

-Oque você fez dessa vez Namjoon?- perguntou Kookie rindo, se levantando e dando a mão para Jimin.

-não sei, ele ta assim dês de manhã, eu acho que ele ta chateado, porque eu não pude dormir com ele essa semana, ele falou que iria me castigar, mas pelo que vejo não é nada que eu imaginava.

-E o que você imaginava Namjoon?- falou Hoseok abraçando Tae pelas costas, oi?

-Ah eu... Pera vocês estão juntos??- falou namjoon apontando para eles.

-Faz tempo, a gente não contou? Ele é um trouxa e eu comecei a gostar dele- falou Tae se virando e dando um beijo em Hoseok, MUITO FOFO.

-Meu deus hoje é o dia dos casais, só pode, vamos S/n?- falou Suga se levantando e me puxando, fomos pro carro dele e estavamos indo para a casa dele.

Conversavamos de coisas aleatórias, e dos casais que se formaram hoje, principalmente o nosso. Chegamos e eu entrei no elevador, juntamente de Yoongi, o mesmo ficou atrás de mim, e chupou meu pescoço deixando uma marca forte, que refletia no espelho.

-Você é tão macia...- falou no meu ouvido me arrepiando, beijou meu pescoço novamente, e me virou pra ele- hoje finalmente você vai ser minha Baby...


Notas Finais


Desculpem pelos erros! Meu corretor realmete não ta me ajudando serio que nojo, mas enfim. Hj ainda é niver do bias aaaah que felicidade. Sim! Meu Bias utt é o Jimin, e eu não fiz imagine dele ainda, mas Okay.

Quero perguntar pra vocês se posso fazer um lemon? Vai ser o primeiro *~* só se vcs quiserem, no caso ele vai acontecer nessa fic, um JiKook aconteceu, juro foi sem querer eu shippo mais JiHope, Mas enfim até mais... ❤🇰🇷🐸


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...