História Doce vingança - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inuyasha
Personagens Ayame, Bankotsu, Hakudoushi, Inu no Taishou, Inuyasha, Izayoi, Jaken, Kaede, Kagome, Kagome Higurashi, Kagura, Kanna, Kikyou, Kirara, Kohaku, Kouga, Miroku, Myouga, Naraku, Personagens Originais, Rin, Sango, Sesshoumaru, Shippou, Souta Higurashi, Toutousai, Youkai Satori
Tags Casais, Estrupo, Inuyasha Kagome, Miroku Sango, Sesshoumaru--rin, Superação
Exibições 141
Palavras 1.709
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Yoo💚❤💙♥acho que faz dois dias eu ia postar, tava tudo certo ai não postei , eu tô morta , muito cansada mesmo, problemas de saúde também , ai complica tudo de vez, estou postando aqui caindo de sono mas não seria justo com vocês , não prometo capítulo duplo porque amanhã não sei se terei tempo ou depois de amanhã , domingo talvez tenha não é promessa é só uma suposição . Espero que gostem kiss 😘🍓💚

Capítulo 8 - Casamento forçado / Descontrole de Inuyasha


Fanfic / Fanfiction Doce vingança - Capítulo 8 - Casamento forçado / Descontrole de Inuyasha

Anteriormente...

Pov Inuyasha

Inu no Taisho:- Você não vai amanhã. Vamos sair.

- Para onde?

Izayoi:- É surpresa. Boa noite - Diz me beijando na bochecha. Escuto a porta se fechar , me sento na cama novamente

- Só um pesadelo ruim... Poderia ser apenas uma pesadelo! Mas foi um fato real! Maldição! Não sei mais o que fazer ...

Me deito na cama novamente. Fechei meus olhos na tentativa de pegar no sono, demorou mas finalmente adormeci.

Agora....

Acordo com o maldito despertador, não quero ir a escola nunca mais ! Me lembro que hoje não preciso então apenas desligo o aparelho  e cubro minha cabeça

Izayoi- Inuyasha - Minha mãe me chama me sacudindo - Acorda filho vamos sair e você vai junto

- Hum! Pra onde uma hora dessas?- Pergunto sentindo ela puxar minha coberta para baixo, nem protesto apenas agarro a coberta e puxo para cima - Me deixa tá cedo demais!

Izayoi:- Seu pai já está pronto te esperando, vamos na casa da sua tia  . Vai ser bom você se distrair e não só ficar nessa cama .

Não tenho a mínima vontade de sair .

- Não quero ir a lugar nenhum.

Izayoi:- Deixa de drama filho, você tem que se distrair , sua tia te espera ela vai nos ajudar quanto esse assunto de forçar sua amada,  tentamos falar com a Kagome mas ela não quer saber. Você vai ter que pagar pensão caso ela estivesse grávida

- A Kagome me odeia !

Izayoi:- O que você fez não tem perdão. Foi muito traumático

- De que lado você tá?!

Minha mãe suspira - Não sabemos mais o que fazer quanto ao seu grave problema!

Me levanto da cama contra vontade - Mãe ela me odeia, para sempre , no entanto,  as meninas  da escola são exageradas, pode ser que a Kagome não esteja grávida. Por via das duvidad tentei falar com ela , a Kagome passou mal e não consegui mais falar com ela

Izayoi:- Se arrume e vamos , ela tem que ir ao médico só ele pode dizer.

Então me arrumo , coloco minhas roupas no banheiro enquanto minha mãe me esperava no quarto. Quando saímos  de casa, a senhora Higurashi nos  chama no jardim assim que minha mãe acaba de tranca a porta

-  Inuyasha precisamos falar com você- Engoli em seco, ela vai querer me matar! Então acompanhamos a senhora Higurashi até sua casa - Entrem - Disse ela nos dando passagem , agarro no braço da minha mãe. Ela me olha  com ternura . - Queremos tratar de um assunto sério , sente-se.

Olhei para o pai da Kagome , que me encarava com um olhar nada agradável . Engoli em seco me sentando no sofá. A Kagome não me olhava nos olhos , sempre desviando mas deu pra perceber que ela estava chorando

Inu no Taisho :- Bom como já devem saber nosso filho e sua filha. .. - Meu pai foi interrompido pela mãe da Kagome

- Primeiramente quero deixar bem claro que é mais que obrigação isso que irei dizer, seu filho não tinha o direito de fazer isso com a nossa menina , ele vai ser correto e assumar os erros !

Izayoi:- Com todo respeito entendo que estejam bravos , mas nos deixe explicar...

O pai da Kagome finalmente se pronúncia - a Kagome já  concordou  com o que iremos falar, ela foi ontem no médico e descobriu que está esperando um filho do Inuyasha. 

A Kagome está mesmo grávida?! Aposto que ela deve estar super mal! Não sou ruim mas eu se fosse ela abortaria esse filhote , assim não teremos problemas.

Minha mãe me olha um tanto brava. Não me culpe se eu fiz filho da primeira vez ! Bem da primeira com a Kagome a minha primeira vez que perdi a virgindade foi a com a vadia da Kykiou , pelo menos  é o que ela ela diz  , e como me arrependo ela é super nojenta  , fiquei com mais nojo quando soube o que ela me escondia

A mãe da Kagome me olha- Não vai falar nada ?!

- Me desculpe por tudo que fiz com a Kagome de verdade - Respondi. O pai da Kagome se aproxima mais de mim

- Você vai casar com nossa filha e nunca mais irá toca-la ! Já foi errado vocês dois inconsequentes transarem nessa idade !

Espera? Eles acham que eu e Kagome fizemos por vontade própria? Não foi bem assim!

Inu no Taisho:- Tamako as coisas não são bem assim- Diz meu pai para a mãe da Kagome

- Não? Taisho seu filho gerou um filho na nossa filha!- Responde o pai da Kagome bravo

Kagome:- Que fique claro que eu só aceitei pensando na criança! Inuyasha Rokudou eu te odeio!

Vamos começar a discutir tudo outra vez? Eu vou me vingar do Houjo!

O pai da Kagome olha para ela e depois me olha- Briga de casal logo resolve- Disse ele indo para a cozinha.

Olhei para a Kagome , mas não tenho coragem de falar mais nada com ela. Preciso de provas que foi o Houjo , ou não vai acreditar em mim!

Suspiro - Tudo bem, você quer o bem da criança e eu também. Não vou te fazer nada - Respondi surpreendendo todos, inclusive meus pais . - Podemos ir embora por favor ?

Izayoi:- Ah sim claro filho. Tenham uma boa tarde - Disse minha mãe se levantando , indo em direção a porta, meu pai e eu acompanhamos ela. - Depois resolveremos a questão do casamento .

- Tchau senhora Higurashi- Falo me despedindo, nem olhei para a Kagome. Que encrenca eu me meti! Casar com 17 anos?! Não tenho nem emprego como vou sustentar esse pirralho? Lá fora falei aos meus pais - Tem como vocês me arranjarem um emprego? Nem que for temporário

Inu no Taisho:- O que te deu para trabalhar agora?  É por causa do seu filho?

- Preciso sustentar esse filho da Kagome e ela.

Izayoi:- Corrigindo o filho de vocês!

- Isso aí. Mãe eu preferia mil vezes que ela abortasse!

Meus  pais me olham bravos.

Inu no Taisho:-Não fale bobagens não quer assumir o filho diga de uma vez!

Izayoi:- Nunca mais repita isso!

- Falei alguma coisa anormal?! Várias jovens abortam ! Eu nunca mais teria que olhar para a Kagome nem ela para mim.

Izayoi - Essa é a pior solução esse filho não tem culpa dessa situação Inuyasha! Vamos na sua tia ela vai saber o que fazer. - Dito isso ela me puxa pela mão até em casa, onde entramos no carro e fomos até a cidade vizinha na casa da minha tia. Durante o caminho fiquei pensando nessa situação que me encontro. Como  isso aconteceu! Ah claro na minha forma Demon eu ia lembrar de usar camisinha? É olhando por esse lado é melhor a Kagome estar grávida que pegar doença , a Kykiou deveria ter um monte quando transamos , eu acho que fizemos sexo . Só de lembrar da Kykiou meu estômago embrulha. Garota mais vadia eu ainda vou revelar o que ela faz para a escola inteira se ela fazer alguma a Kagome eu juro. Depois de acho que duas horas chegamos a minha tia.

Entramos na casa dela, logo vejo ela vindo em nossa direção sorrindo e me abraçando. - Inu quanto tempo! Você cresceu muito !

- Hey velhota ! - Abraço ela- Já tenho 17 anos.

Izayoi:- Quanto tempo ! Precisamos lhe pedir seus sábios conselhos Kaede.

Kaede:- O que o Inuyasha aprontou?- Pergunta agora me olhando brava

- Er.. Velhota é que...- Não tenho coragem de dizer ! É muito embaraçoso e ela vai me xingar de tudo quanto é nome. - Eu meio que fiquei com uma moça e...

Kaede - Vamos até a sala. - Seguimos ela até sua sala. - Explique melhor.

Suspiro - Velhota é o seguinte, eu bebi e acabei agarrando a Kagome.

Kaede: Mas , você não tinha parado??!

- Parei! O Houjo maldito armou uma pra mim , e agora ela está grávida?

Total silêncio por parte dela, resolvi quebrar- Velhota??

Ela me olha brava, depois suspira - Isso é muito grave Inuyasha. Você tem que conversar com ela!

- Eu tentei fazer isso velhota! Tentei de verdade! Mas a Kagome não me escuta de jeito nenhum !

Ela se levanta do sofá :- Eu nunca imaginaria isso de você Inuyasha! Se deixar levar por uma bebida que só causa problemas??!

- Até você?! Alias tenho uma boa notícia- Falo sarcástico- Vou me casar com a a Kagome !- Disse bravo

Izayoi:- Calma Inuyasha !

Senti meu corpo mudar , minhas vistas ficaram da cor vermelho . Não sentia mais controle do meu corpo. Comecei a gritar , meu pai tentava me segurar  , derrubo ele no chão , soquei a parede várias vezes , bato com a cabeça na parede, tento machucar meus pais , depois que senti uma picada no meu pescoço, me controlo, minha mão sangra e minha tia me olha com a seringa na mão. - Vai começar tudo outra vez.

Me sento no chão - Foi na minha demon que acabei forçando a Kagome. - Falo analisando minhas mãos - Eu me odeio ! A morte é pouco para mim!

Inu no Taisho:- Iza , vamos ter aue começar o tratamento tudo de novo! Maldita hora que deixamos aquilo acontecer

Izayoi:- Calma amor ! Fique calmo- Minha mãe me apanpara - Inu filho, sente-se no sofá .- Assim fez, a velhota Kaede irmã mais velha da minha mãe, traz o kit de medicamentos. - Fique calmo, não se estresse, isso vai passar.

- Não vai mãe! Eu sempre fui um monstro e sempre serei! Desde aquele maldito dia eu nunca mais vou ser o mesmo!- Só de lembrar aquele dia me veio lágrimas - Deveriam ter me matado naquele dia!

Inu no Taisho:- Não fale besteiras filho!  Vamos fazer o tratamento tido de novo e vai dar tudo certo.

Assim espero! Não quero machucar mais ninguém, um dia ele vai dar as caras  um dia, e vou me vingar por aquele dia! Naraku eu vou te achar maldito!

Continua...


Notas Finais


Oque acharam? Talvez logo tenha o próximo kiss😘🍓♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...