História Doce vingança - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Luta, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem <3

Capítulo 1 - Onde tudo começou


Fanfic / Fanfiction Doce vingança - Capítulo 1 - Onde tudo começou

(Aos 12 anos no momento do assalto)

Eu estava no banco atrás do motorista,meu pai freia brutamente e eu coloco minha cabeça um pouco para o lado,vejo 5 homens,o do meio com um explosivo em mãos...

_Saiam do carro agora!Seus filhas da puta! - Falou um dos homens

Minhas irmãs estavam apavoradas,elas saem do carro e eu sou o último a sair,e vejo o homem plantando a bomba no carro,sem ninguém me ver,corro para debaixo de um carro aleatório,assobio para Lucy (Minha irmã de 16 anos) e ela olha,faço sinal pra ela chamae a família,mas no momento que ela se mexeu,tudo foi para os ares,sim o carro explodiu matando minha família,começo a chorar baixinho e espero os bandidos saírem para eu sair de debaixo do carro...

Após uns 15 minutos eles vazaram,foi ai que eu sai de debaixo do carro e me aproximei das chamas,e me ajoelhei chorando...

_Eu prometo vingança! - Cochichei para mim mesmo

_Ei menino,era sua família? - Perguntou uma moça gentilmente se aproximando

_Sim,era! - Falei chorando

Ela chamou a policia e os bombeiros ...

_Ei menino oque houve? - Perguntou o policial

_O-os b-bandidos m-mataram m-minha f-família! C-colocaram u-um e-explosivo n-no carro,f-fui o u-ultimo a sair,e v-vi! C-corri p-para debaixo d-de u-um carro[...] - Expliquei a ele chorando em cada parte que eu falava

_Vem,vamos para a casa dos seus tios,eles vão assumir a responsabilidade de você! - Falou o delegado

_Eu sei me virar! - Falei secando minhas lágrimas e olhando para ele

_Nessa idade não! Ainda mas nesse mundo de hoje! - Falou o delegado rindo de mim

Apenas fiquei quieto e o segui até sua viatura com destino a casa dos meus tios...

_Chegamos! Vá com Deus! - Falou o delegado

Sai do carro e entrei na casa...

_Oi meu filho! Falou minha tia com tom de preocupação me abraçando

_Oi! - Falei sério

_Como você está? - Perguntou meu tio

_Não sei explicar! Mas agora vou descansar!- Falei e segui rumo para o quarto de visitas,deito na cama e escuto a conversa deles...

_Nossa,mas como ele ta sério para uma coisa dessas! - Falou meu tio

_Pois é! Deve estar cansado! - Falou

_Deve ser isso mesmo! - Falou minha tia

_Isso é mesmo real,não acredito que aconteceu isso mesmo! Porque eu to vivo? - Me pergunto baixinho

Estava pensando tanto no momento que acabei pegando no sono de tão cansado que estava e assim prossegui minha vida...

Presente

Acordo desesperado com meu sonho do passado e me sento na cama...

_Porque Deus? Porque? - Me pergunto 

Olho o horário e são 7:00...

_Puta que pariu,vou me atrasar para o primeiro dia de trabalho! - Falo me levantando correndo...

Tomo um banho frio,como e sigo rumo a pé mesmo para o departamento policial...

_Oi gente! - Falo ao chegar na sala de funcionários

-Oi! - Todos respondem

_Então gente,vocês vão invadir uma favela muito perigosa por isso tomem cuidado! Levem tudo que for preciso! - Fala Henrique (Comandante dessa missão)

_Ok! - Todos falam

Fomos nos vestir e pegar as armas...

_Eai cara! - Fala Glauco 

_Eai,animado? - Pergunto pegando o colete e as armas

_Claro né! E você? - Fala pegando os pentes das armas

_To! - Falo e me sento na parte de trás do carro

_Que bom,espero que essa nossa animação nos ajude! - Fala Glauco se sentando ao meu lado

_Amém! - Falo

Lucas dirige até a entrada da favela e nós saímos do carro...

_Vocês sabem o plano,parceiro atingido ajuda a colocar no carro! - Fala o comandante

Invadimos e o comandante leva o primeiro tiro e vai ao chão,mato o cara e ajudo o comandante,coloco o mesmo no carro,tiro seu colete e abro sua blusa...

-Só pegou no colete,consegue se virar? - Pergunto

_Consigo sim! - Fala

Vou para perto da linha de tiro e começo a atirar nos caras,mato alguns e Lucas acaba sendo atingido...dessa vez Glauco o ajuda e coloca no carro para que o comandante ajude-o...

Sobra eu,Glauco e Rafael.

Rafael é atingido mas levanta e acaba tomando um tiro na cabeça...

_Merda! Estamos quase no "fim"! Vamos continuar! - Fala Glauco que é atingido no peito

_Quer ajuda? - Pergunto

_Não precisa,elimina esses merdas! - Fala Glauco

Me aproximo de um carro aleatório usando como proteção e começo a atirar,atinjo alguns caras e recarrego...até eu ver um cara ao meu lado com uma faca em mãos e ele encrava a faca em meu peito,tiro na hora e saco a pistola matandoo o mesmo,e foco novamente no prosseguimento,passo para outro carro e jogo uma granada,matando um carro cheio de bandido,espero alguns segundos e não ouço mais nada,volto para Glauco,ajudo o mesmo e coloco ele no carro,dirijo até a delegacia e a galera me ajuda...

_Depois temos que conversar Allan! - Fala meu chefe

_Ok! - Falei e fui guardar o equipamento

_Levaram o corpo do Rafa? - Pergunta Daniel

_Levaram! - Falei abaixando a cabeça

_Ele foi um ótimo amigo e um ótimo policial! - Falou Daniel

_Foi mesmo! - Falo tirando a blusa revelando o corte da faca

_Oque houve? - Pergunta Dan

_Dan,não conta pra ninguém! Eu levei uma facada! - Falo

_Porque não disse aos médicos? -Pergunta Dan

_Eles tem trabalhos mais importantes com o pessoal que leva tiro,isso foi só um corte! - Falo e passo álcool

_Mas isso pode piorar! - Fala

_Pode,mas não vai! - Falo e coloco uma atadura na região do peito

_Fica entre nós! - Repito

_Ok! - Fala

_Vamos almoçar? - Pergunto

_Bora! - Responde


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Não sei quando posta novamente! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...