História Doces Lábios (Imagine Park Jimin Incesto) - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Blackpink, Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Red Velvet, Romance, Sexo, Suga, Você
Visualizações 188
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - Capítulo 21


Fanfic / Fanfiction Doces Lábios (Imagine Park Jimin Incesto) - Capítulo 22 - Capítulo 21

Mordo meu lábio inferior e continuo olhando a cena.Desço as escadas e vou até eles,Jimin sorri nervoso para mim ao ver Ari pegando em seu braço e eu olho para ela séria.

-Oi Ari.-Digo séria.-O que está fazendo aqui?Não te convidei.-Digo e puxo o braço de Jimin de sua mão.

-Namjoon me convidou.-Disse cínica.Por que diabos meu pai iria convidá-la?

Ficamos nos encarando e logo Jimin me puxa para outro canto.Estava tocando On & On do Cartoon.

-Por que não saiu de perto dela?-Pergunto irritada.

-Aish,não é como se ela fosse me agarrar.-Diz e eu o olho séria.

-Ah é?Duvido nada.-Digo e ele fica sério.

-Você é muito ciumenta!-Diz e eu o olho incrédula.

-Ah e você não né?-Pergunto e ele desvia o olhar.

-Claro que não!-Diz e logo volta a olhar meus olhos.Mordo o lábio inferior e sorrio provocativa.

-Olha o Yoongi ali,já volto.-Digo e ele logo agarra meu braço.

-Você não vai a lugar nenhum!-Diz e eu rio.

-Não era você quem não tinha ciúme?-Pergunto e ele suspira.

-Eu estava brincando.-Diz e eu sorrio.

-Vamos atacar os doces huh?-Digo e logo ouço sua risada gostosa.

-Gulosa.-Diz e logo sorri malicioso por sua fala,reviro os olhos e o puxo para a mesa lotada de doces.

Suspiro e começo a comer alguns doces,quando começa a tocar Take You Down do Chris Brown,Jimin sorri e logo vai para a pista de dança que havia ali no meio.Sorrio e entro no meio do círculo de pessoas que tinha ali vendo um ser maravilhoso dançando.

Ohh

Aqui estamos nós,sozinhos nessa sala

E garota,eu sei por onde começar o que vamos fazer

Eu não vou ter pressa,teremos a noite toda garota

Então se prepare,baby,eu tenho planos para você e eu ohh.


Jimin começou a me olhar intensamente enquanto dançava,mordo meu lábio inferior e suspiro o vendo dançar.Ele era tão sexy!


Não é minha primeira vez,mas garota,podemos fingir

Vamos nos provocar

Garota,essa noite nunca acabará.


Respiro fundo e percebo que estou pegando fogo,Jimin me exitava apenas com passos de danças.O mesmo me olhou com um olhar fodidente sexy.Ah Park...O que você faz comigo?



Deixe-me deitar com você
Eu realmente quero deitar com você
E te mostrar do que eu sou capaz
Posso deitar com você?
Seu corpo, corpo, ohhh
Corpo, corpo, pra cima e pra baixo
Então não pare
Chegue lá
Pare de brincar
Não posso mais esperar
Eu quero deitar com você
Eu quero mesmo deitar com você
Deitar com você, yeah.
(yeah, yeah, yeah)


Linda Garota, vamos tirar tudo nesse quarto

Sem tempo a perder

Garota, você sabe o que viemos fazer, woahh

Nós temos a noite toda pra tentar acertar,

Garota...

(Eu Espero que esteja pronta)

(Espero que esteja pronta)

(Espero que esteja pronta)

Eu espero que esteja pronta babe, porque lá vamos nós

Você sabe como iremos fazer

Ohhh...


Pirando, oh baby, como uma profissional baby
E aposto que você...
(Aposto que você)
Pensando, oh baby,
Então o que você quer fazer?
(Eu vou deitar com você garota, devagar e suave)
Então pode vir
Vamos nessa
Baby...
Ohh...
Yeah...
(vamos lá baby)
Vamos lá baby
Vamos lá baby
Deixa eu deitar com você


Deixe-me deitar com você
Deixe eu deitar com você
Eu quero muito deitar com você (eu quero muito deitar com você) E te mostrar do que sou capaz (sou capaz)
Deixe eu deitar com você?
Seu corpo, corpo, ohhh
Seu corpo, corpo, pra cima e pra baixo (pra cima e pra baixo)
Então não pare
Vai pegar (pegar)
Chega de brincar com isso
Não posso esperar mais (mais)
Eu quero deitar com você
Eu realmente quero deitar com você (deitar com você)
Deitar com você, yeah
Deitar com você
(Eu disse que quero deitar com você,yeah)
Deixe-me deitar com você
Vamos deitar
Podemos fazer muitas coisas
Vamos deitar.



Quando o maior termina,todos batem palmas e Jimin se curva,sorrio e o mesmo pega minha mão,entrelaçando-as.

-Você dançou tão bem amor!-Digo sorrindo,ele sorri e me dá um selinho.

-Obrigado.-Diz e eu mordo seu lábio inferior.Ari se aproxima e Jimin aperta minha mão.

-Você dançou tão bem Jimin.-Diz sorrindo,Jimin sorri fraco e Ari nos olha.

-Eu só queria que você dançasse para mim um dia novamente Jimin-Ah.-Diz manhosa,meu sangue ferve e eu seguro seu braço o apertando com força.

-Eu já te disse o recado não?Por acaso está surda?-Pergunto tentando me segurar para não gritar com ela.A mesma me olha cínica e faz uma cara de dor já que eu estava rasgando seu braço com minhas unhas.

-Ahh.-Gemeu de dor e Jimin puxou meu braço com brutalidade.O olhei assustada e ele nem me olhou levando Ari para a cozinha.

Respiro fundo e meu pai vem até mim sorrindo.

-Por que convidou aquela mulher?-Pergunto e ele suspira.

-Ela é uma convidada (S/N).-Responde e logo bebe o líquido de seu copo.

-Está traindo minha mãe?-Pergunto e ele me olha incrédulo.

-Claro que não!-Diz e eu subo para meu quarto.

Passo as mãos em meus cabelos e logo a porta é aberta revelando Jimin me olhando,ele tranca a porta e põe as mãos na cintura.

-Queria arrancar o braço dela fora?-Pergunta e eu continuo calada,não queria falar com ele.-Me responde!-Diz rude pegando meu braço.Meus olhos marejam e ele suspira.

-Por que está assim?Eu só peguei no braço dela e não a matei!-Digo e ele me olha arrependido.

-Desculpe meu amor,eu só não queria te ver machucada.-Diz passando a mão em meu cabelo.-Ela é mais velha e pode,ah sei lá!-Diz e eu o olho incrédula.

-Está me chamando de fraca?-Pergunto e ele nega.

-Não,claro que não.Você é a menina mais forte que eu conheço.-Ele disse prendendo o riso,rio e ele gargalha.

-Desculpe,eu não gostei de vê-la assim com você.-Digo e ele ri.

-Tube bem minha princesa.Amor da minha vida.-Diz e eu sorrio,o jogo na cama e fico em cima dele.

-Tenho 18 anos agora.-Digo suspirando e ele suspira.

-Preciso te falar uma coisa.-Diz e eu assinto tensa.

-Sobre o que?-Pergunto baixo.

-Eu não tenho 30 anos.-Diz e eu arregalo os olhos.-Disse a você que tinha 30 anos,por que antes eu tinha medo de você inventar que não era a minha filha.

-Então você tem quantos?-Pergunto um pouco surpresa.

-25.-Responde e eu o olho sorrindo.

-Você é novo!-Digo sorrindo,ele sorri e faz uma careta.

-Acho que já irão cantar os parabéns.-Disse e nos levantamos,ele entrelaçou nossas mãos e sorriu.

Descemos e encontramos todos ali perto do bolo,sorrio e puxo Jimin para ficarmos na frente.O pessoal começa a cantar e Jimin me dá um selinho.

Terminado o parabéns,minha mãe me entrega a faca e me olha.

-Quem você dará o primeiro pedaço?-Pergunta e eu sorrio.

Corto o bolo e o coloco em um prato,olho para todos ali e sorrio.Olho para Jimin e lhe entrego o bolo,ele me olha com seus olhinhos brilhando e sorri.

-Obrigada meu amor.-Minnie diz e eu sorrio,ouço as palmas de todos e sorrimos um para o outro.


(...)

Eu estava sentada no sofá ao lado de Jimin,eram umas 19:30.A festa havia começado as 17:30,foi pouco tempo,nosso vôo estava marcado para as 20:00.A campainha toca e eu me levanto indo abrir a mesma mas não havia ninguém,olho para os lados e nada,olho para baixo e vejo uma cestinha coberta com um pano rosa bebê.

Pego a cesta pesadinha e levo para o sofá,Jimin me olha confuso e eu penso ser um presente talvez.Tiro o pano e me assusto com o que tem dentro,Jimin também arregala os olhos e me olha.

-Por que tem um bebê dentro desta cesta amor?-Jimin pergunta assustado e eu o olho.

-Não sei Jimin!








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...