História Doctor Oh - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Crack, Doctoroh, Exo, Médico, Tenhoproblemas
Visualizações 521
Palavras 306
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Agr saporra de att finalmente melhorou os parágrafos mas ainda sim continua uma bostinha rs

Capítulo 6 - Paciente Kim Minseok


Dormi no hospital porque eu não tinha moradia fixa - sou um cigano, hehe -, e logo de manhã já lavei o saco e o sovaquinho, tomando pequenos goles de um uísque refinado - nois num tem casa mas nois bebe do melhor -, o que em uma hora já tinha sido toda a garrafa e mais a metade de outra.

Já me sentia tonto, até liguei pra mamãe, mas ela disse que não tinha filhos e desligou na minha cara. Fiquei trost, então percebi que eu não tinha mãe.

Chorei mas a vida que segue.

Meu primeiro paciente seria Kim Minseok e só pelo nome já tive uma noção de que era retardado.

- Bom dia - desejou-me, acabando com a minha concentração no xvideos.

- Esquilos falam?

- Oi?

- Oi.

- Tudo bem?

- Tudo, e com você?

- Tô bem tamb- não, pera! Você é louco? - olha, olha, a esquilete se alterou.

- O paciente aqui é você.

- Mas o louco parece você.

- É, acontece. - nousan jureg, meu cel não tava dando bugue.

- Largue esse celular! - mandou.

- Me obrigue, Minseok e os Esquilos.

- Eu vou chamar os seguranças!

- Chegou agora e já quer mandar, não vai ganhar bolinhas de queijo. - ajeitei-me na cadeira, procurando uma posição confortável para alimentar meu Pou.

- Olha aqui, doutor, eu só quero que você indique um remédio para a minha dor. - pediu choroso e fez aquelas carinha fofa. Aff.

- É dor no cu?

- Não!

- Então eu não sei. - voltei minha concentração no meu filho. Nossa, as moedas já estavam acabando! Como eu o alimentaria?

- Eu estou gripado! G-r-i-p-a-d-o. E nada do que eu tomo resolve.

- Toma aqui umas nozes.

- Mas por qu-

- Sem perguntas - coloquei o dedo indicador na sua frente e ele ficou quietinho. - O médico sou eu. Adeuses.


Notas Finais


Poxa minseoque


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...