História Dois amores e um só coração. - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Romance
Exibições 4
Palavras 383
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 28 - Pov Patricia


Todos nós começamos a chorar, estávamos desesperados, como a Manu podia ter morrido, não podíamos acreditar, não queriamos acreditar, o Pablo não parava de chorar, Marcelo não estava diferente, Felipe estava com os olhos vermelhos, mas não chorava, eu, apenas observava, algo me dizia, que não iria acabar assim.
O medico começou a tirar os aparelhos, no instante em que foi tirar o aparelho que mede os batimentos, ele ligou novamente, a Manu tinha voltado, assim, do nada, eu sabia que ela não iria nos deixar daquele jeito, ela abriu os olhos do nada, olhou em volta, o médico pediu para ninguém se aproximar dela, tentou conversar com ela, mas ela não se mexia, não falava, quando tentou falar algo, desmaiou novamente. Não sabíamos o que esperar após o ocorrido, nada fazia sentido, os médicos não estavam entendendo nada, o que tinha acontecido? Ninguém sabia, resolvi ligar para Diego e pedir que fosse ao hospital urgente.
- Pera, como assim, ela morreu, depois voltou? Como assim?
- Ah sei la, nem os médicos tão entendendo, quem dira eu né.
- Eu quero ver ela.
- Não da, os médicos estão com ela, fazendo uns exames pra tentar descobrir o que houve, se isso foi alguma sequela sei lá, isso tudo é um mistério ate pra eles.
- Mas ela saiu do coma?
- O medico disse que sim, como ela abriu os olhos, o coma acabou, mas ela desmaiou de novo, então não sabem se ela pode voltar ao coma ou não.
- Entendi.
Horas e horas passaram, e nenhuma noticia, ate que os médicos vieram.
- Bom, não sabemos explicar o que foi aquilo que ocorreu no quarto, mas, sabemos que a senhorita Manuela esta bem, ela esta desmaiada ainda, mas não vimos riscos de que ela entre em coma novamente.
- Posso ver ela?
- Claro, me acompanhem.
Fomos ate o quarto ve-la, eu, Diego e Marcelo, o clima tava pesado entre os dois. Diego se sentou ao lado da Manu, e pegou na mão dela.
- Ela, ela ta mexendo a mão.
- Ela ta desmaiada.
- Cala a boca Marcelo, ela ta mexendo a mão, ela ta acordando.
E não é que era verdade mesmo? Vi Manu apertar a mão de Diego, e abrir os olhos, no mesmo instante.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...