História Dois amores e um só coração. - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Romance
Exibições 4
Palavras 369
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 36 - The end


- Bom dia meu amor.
- Bom dia.
- Te acordei?
- Na verdade sim.
- Desculpa, ta onde?
- Na casa da Patricia, porq?
- Quero te ver, preciso falar algo serio com voc.
- O que houve?
- Me encontra na praça?
- Que horas?
- Agora.
- Ta, vou me arrumar e vou pra la.
- Ta certo.
Me arrumei, Patricia não estava em casa, o que era estranho em pleno domingo de manhã, Felipe também não estava, decidi passar em casa antes de ir ate a pracinha, ele também não estava em casa, nem ele, nem Tabata, aquilo estava estranho, chamei na casa da frente, pelo namorado da Tabata, ele também não estava, resolvi ir então ate a pracinha, chegando lá, encontrei todos aqueles que eu estava procurando, meu pai, Tabata, meu cunhado, Patricia, Yago, Felipe, Suellen, Marcelo, Thiago, todos estavam lá, eu não estava entendendo nada.
- Voc demorou.
- É, eu passei em casa e, o que todos estão fazendo aqui.
- Vem cá.
- O que ta acontecendo Diego.
- Preciso falar com voc, e é muito serio.
- O que foi?
Eu estava meio no mundo da lua, queria entender o que tava acontecendo, o que todos estavam fazendo lá?
- Manu, sei de tudo que rolou, sei que não temos tanto tempo juntos, sei que pode ser uma grande loucura, mas sei que estou fazendo a escolha certa, e tenho certeza que te amo acima de tudo nesse mundo, eu pedi pra Patricia te enrolar lá na casa dela, praq eu pudesse falar com o teu pai, e olha, foi melhor do que eu pensava, enfim, sem mais rodeios.
Diego se ajoelhou, ali mesmo, no meio de todos aqueles que amávamos, eu não podia acreditar naquilo.
- Casa comigo?
- Claro.
Diego se levantou me abraçou, e todos começaram a comemorar, a nos abraçar, podia ser loucura, mas eu, o amava, por mais que eu tentasse negar, por mais que eu tentasse seguir minha vida sem ele, era ele, apenas ele, e eternamente ele, e meu coração, sabia disso.
Aquele, era só o começo, de uma longa historia, quem sabe, eu não volto pra contar mais um pouco pra voc's.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...