História Dois Lados da Mesma Moeda - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 16
Palavras 817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Harem, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


#forçachapeco

Capítulo 4 - Boas vindas


 Ficamos um tempo conversando, até um sinal tocar e uma voz feminina começar a ecoar dos alto-falantes dizendo:

- Por favor todos os alunos vão para o salão principal para as apresentações dos novos alunos.

João se levantou da mesa quase que em um mortal saiu correndo, o resto foi atrás andando e eu segui eles, fomos mais adentro do prédio principal. Até agora eu estou impressionado com o tamanho disso

{Quebra de Tempo}

No meio do salão, que era gigante, a vice-diretora e o diretor estavam em cima de um palco com uma fila de alguns alunos ao lado. O diretor olhou pra mim e fez sinal pra eu subir também, fiz como ele queria. O resto dos alunos ficou em pé, na frente do palco.

- Bom alunos, como devem saber, alguns novos estudantes ingressaram nesse ano. – A vice falou. – Vamos dar boas-vindas a eles. Por favor, se apresentem.

Os alunos se apresentaram, todos falaram seus nomes e do que gostam, aquela típica frase: espero que sejamos amigos. Toda vez que era um garoto novo, algumas meninas suspiraram (pelo menos quando era um garoto bonito) e quando era uma garota, os garotos faziam um escândalo. Enfim chegou minha vez, quando subi no palco, a maioria das garotas suspiraram (modéstia à parte, eu não sou tão feio), e os garotos ficaram meio emburrados. Os idiotas do meu grupo começaram a gritar:

- Gato!!- Alex falou

- Gostoso – Silvano

- TESÃO, LINDO DA PORRA!!! – O João praticamente berrou... acho que ele exagerou um pouco... mesmo assim todos riram e eu mostrei o dedo do meio pra eles enquanto sorria.

- Olá – eu disse –, meu nome é Hiaram, nasci aqui mesmo e espero que aqui seja legal, as outras escolas eram um saco, véi. – algumas pessoas riram com o comentário – Enfim, é só isso mesmo.

- Bem vindo – a vice e o diretor disseram ao mesmo tempo.

Assenti com a cabeça e sai do palco, fui em direção aqueles malucos.

- Oi tesão – Gabriel estava rindo muito. Todos rimos juntos.

- Oi, querido – eu respondi.

Depois de um tempo de mais algumas apresentações, fomos dispensados e seguimos para o campo. Por conta dos novos alunos, teríamos o dia livre, para conhecer o lugar melhor. Primeiro fizemos um tour pela escola, o quem nem demorou, foram só 50 FUCKING MINUTOS ANDANDO. Se você vacilar, dá pra botar minha antiga escola dentro dessa e ainda sobra espaço pra algumas casas grandes, porra que treco grande. Depois eles mostraram os dormitórios que estavam, caso a gente tenha que ir lá uma hora. Depois nos fomos para o meu, entramos e todos já foram lingando uma TV que o Juan tinha trago, deitando no chão, na cama, no armário. Eu simplesmente sentei na minha cama e ficamos conversando sobre assuntos aleatórios o dia todo.

{POV´s Ana}

Estava sentada em baixo de uma arvore com minhas amigas, sempre ficávamos lá ou no dormitório no nosso tempo livre. Estavam conversando sobre alguma coisa que eu não estava prestando atenção porque estava comendo. E todos sabemos que comida é vida.

- Então Ana – Fernanda começou, já percebi que não seria boa coisa –, achou o novo aluno gatinho? – eu engasguei e quase derrubei minha coxinha. Toda vez que alguém novo chegava elas me perguntavam isso, só porque eu nunca achei um garoto tão bonito.

- Q-que tipo de pergunta é essa? – eu gaguejei sem querer.

- HÁ, quer dizer que achou – Adriane apontou pra mim.

- Tá – falei –, talvez eu tenha achado ele bonitinho... – elas ficavam me olhando de boca aberta – o-o que foi?

Elas começaram a gritar e falar: Aleluia!!!

- M-mas foi só isso, nada mais.

- Ah não, nem vem com essa. - Fernanda falou meio irritada – Ele é bem gato, não tanto quanto o Juan, mas e gato.

- Tá, tá... ele muito gato. Mas e daí? Isso não é nada, ele pode muito bem ser um babaca.

- Eu não achei que ele parecia um babaca – falou a Giulia –, ele parece legal.

- Você ouviu a parte do “PODE SER”?

- Credo, grossa!

Depois nos ficamos conversando um monte de bobagem, rindo da Fernanda imitando os garotos que ela não gostava e mais um monte de coisa aleatória.

{Quebra de tempo} – 22:00h

{POV’s Hiaram}

Todos já tinham ido para seus quartos, já estava quase na hora de dormir. Eu tinha perguntado sobre o Juan sobre o funcionamento da escola.

- Temos aula das 07:00 às 13:25 com um intervalo de vinte minutos no meio. Depois almoço, uma hora de horário livre. Depois, das 14:30 as 16:30 temos uma aula extra, educação física, artes, etc. E o resto do tempo é livre.

- Nossa.

- Parece puxado, mas *bocejo* é de boa. Boa noite, mano. Já vou dormir.

- Boa noite.

 Eu devo ter ficado olhando pro teto a noite toda, nem lembro que horas eu fui dormir.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!
Até agora eu to comprindo minha meta de um cap por dia, espero continuar assim.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...