História Domando Corações - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~GihhMelo

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Cavalo, Cowgirl, Musical, Romance
Exibições 5
Palavras 654
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Fala aí gente! Aqui é a Um nas quebrada, beleza? Escuta só uma coisa: vai dar merda. Eu tô vendo, essa história de triângulo amoroso... E outra coisa, esse tal de Ben... Certeza que é gay....
Ok. Obrigado Um, mas deixe que eles vejam com os próprios olhos.

Capítulo 10 - Encantamento


De repente nossa respiração ficou curta, ele delicadamente acariciou a curva do meu pescoço. A chuva caia forte sobre nós, mas parecia nem perceber, meu vestido ficou ensopado e pesado. Ironia a sua Um, achar que era curto. Chega aos PÉS dela! O que ele queria dizer com aquilo? Dáaa, pergunta né?

- É... Sério? E c-co-como ela é?- dei um sorriso forçado e fui respondida com mãos fortes em minha cintura.

- Sim, e ela é muito bonita...- suspirou- morena, olhos dourados, pele alva . É incrível! Gentil, carinhosa..

- Eu... Ahhh...- engoli em seco - A conheço?

- Sim  muito, muito bem!

- Logan... O que você quer dizer com isso?- ele me puxa até que nossos narizes se toquem, e eu me perca naquele mar profundo que são seus olhos.

- Posso te beijar? - ele questiona.

- Pod...- levanto em um salto e quase caio de bunda, por causa da lama, ele me apara, mas me desvencilho dele. - Não! A gente não pode fazer isso! - Ahh, merda!

- Por quê? Por favor! É só um beijo!- ele pensou um pouco e concluiu- Não... Não é só um beijo. - ele vem em minha direção, até que estou com as costas no tronco de uma árvore.-  Um beijo de verdade não é apenas a soma de dois lábios, mas de duas almas.

- Não é por isso...

- É por que, então?

- Eu.. eu estou saindo com outra pessoa! E nós somos amigos!

- Foda - se o Benjamim. Foda - se essa amizade.

No mesmo instante colou sua boca junto da minha delicadamente. Suas mãos pousaram uma de cada lado da minha cabeça, e as minhas foram para seus cabelos. Me beijou assim delicadamente até que nós dois estivessimos sem ar. Separou nossas bocas com todo o cuidado é encostou a testa na minha, ficamos assim por alguns minutos. Quando finalmente abri os olhos vi Logan me olhando atentamente.

Ele abriu um espaço entre um braço e gritou brincalhão:

- Corre! - apontou a mata.

- O quê?

- Corre e esconde! 1...2...3...- não perdi mais tempo. Corri até uma clareira e me esconde debaixo de um arbusto.- 20... Lá vou eu! 

Me caçou por muito tempo, mas mesmo assim não me achou eu me escondia muito bem.

- Angy, chega! Eu não consigo te achar.- coitado! Ele está desolado... Dei uma gargalhada sonora. Mas parei quando o vi vindo em minha direção. Comecei a me engatinhar devagarinho quando algo puxou meu pé. Alerta, alerta, alerta! O porra, quantas vezes vou ter que falar alerta pra você correr?

Me soltei dele é corri para um campo aberto, ainda na chuva.

- Ahhhh...

- Peguei você! Vem cá!- Ufa! É o deus gostoso...  Me pegou pela cintura e rodopiou, no exato momento que um raio cruzava o ceu.

- Dança comigo?- perguntoi, a voz doce.

- Sem música?- fez uma careta engraçada e eu ri.

- Você pode cantar. Vamos! - começamos a balançar debaixo da chuva.

- Tá, eu acho que essa você conhece...

- Qual?

- You can  de David Archuleta. - fez que sim e eu comecei - Take me where I've never been/ Held me on my feet again/Show me that Good things come those wo wait. - era o que eu queria  o que desejava dele. Ele me surpreendeu, começando a cantar no meu ouvido.

- Tell me I' m not on my own/ Tell me I' won' t be alone/ Tell me what I'm feeling isn't some mistake/ cause If anyone can make me fall love... You can- emocionada comecei o refrão é se juntou a mim.

- Sabe me from myself, You can/ and it's You and no one else/ If I could wish Upon tomorrow/ Tonight would never end/ If You asked me/ I would follow - nem terminamos a música é já nos agarravamos de novo. Me girou novamente e gritou para o céu:

- Eu te amo, Angy!

- Eu.. Eu também... Eu também te amo...- lágrimas caem dos meus olhos pois sei que não sou perfeita para ele.





Notas Finais


Oh! Chorando até 2035...
Cadê o fogo dessa menina? Pelo amor de Deus!
Ela tem e logo vc irá descobrir...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...