História Dono do morro e a dona da máfia. - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Flavia Pavanelli, Holland Roden, Natalia "Nah" Cardoso
Personagens Flavia Pavanelli, Holland Roden, Nah Cardoso
Tags Brigas, Drogas, Festa, Romance, Surpresas
Visualizações 151
Palavras 2.254
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Comédia, Festa, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 33 - Capítulo 25


Fanfic / Fanfiction Dono do morro e a dona da máfia. - Capítulo 33 - Capítulo 25

           ● POV Kath●

Eu estava no salão de beleza com a minha mãe, a minha tia e a cami fazendo nossos cabelos e as unhas pra hoje a noite, eu e a Cami ja terminamos, só estamos sentadas mexendo no celular esperando.

Cami: será que o Lk vai hoje?

Disse baixo só pra mim escutar.

eu: ele não pode ir esqueceu

Cami: por que não?

eu: o doida nossas mães sabem que você ficou com ele no shopping e iam descobrir que ele era braço esquerdo do morro no momento em que ele colocar o pé na festa.

Cami: é verdade, você acha que eu devo ligar pra falar pra ele não vir?

Eu: é melhor porque ai a gente nao corre ris...

Quando eu ia terminar de falar meu celular toca, droga é o bryan, ele tinha que ligar logo agora.

Mãe: filha atende isso.

eu: não é nada de importante, pode esperar.

Disse forçando um sorriso, ótimo o celular parou de tocar.

Eu: viu, nada de mais...

E o bendito do celular volta a tocar, minha mãe me lançou um sorrisinho.

Mãe: o que você dizia mesmo?

eu: ja volto.

Disse me levantando pra atender la fora.

■ Ligação on■

--Oi bryan

-- Oi amor, como você esta?

-- curiosa

--curiosa? Com o que?

-- por você ter me ligado e por você estar tão fofo

-- faz parte da surpresa 

--surpresa? Que surpresa?

-- se é surpresa é porque eu não posso contar mas voltando a primeira pergunta, eu te liguei pra saber se eu tenho mesmo que ir de terno nessa droga de festa.

Eu ri com o que ele falou

-- Sim amor, você vai ter que ir de terno e o st também.

-- affs, ok 

-- bryan o Lk não vai poder ir

-- Eu sei, o engraçadinho fez merda ontem falando com as mães de vocês.

-- pois é

Ouvi uma voz de homem no fundo e por fim o bryan

-- Kath vou ter que desligar, depois à noite nós nos falamos, te amo

-- ok tchau , também te amo.

■ Ligação off■

Então eu sei que o bryan ta assim por causa de uma suposta "surpresa", eu to muito curiosa pra saber o que é. 

Enquanto eu estava ali parada com o celular na mão pensando no que poderia ser a surpresa eu sinto alguém tocar meu ombro, olhei e não acreditei.

Eu: Mike? 

Mike: querida você esta muito gata, quase não te reconheci.

Sorri e abracei ele, Mike era meu melhor amigo da minha antiga escola, estudamos juntos desde pequenos, eramos um trio, eu, Cami e Mike. Enquanto eu o abraçava ouvi a voz da Cami.

Cami: ai meu deus! Mike?

Ele me largou e virou pra ela.

Mike: Claro que sou eu amore.

A Cami pulou nos braços dele e eu ri com aquilo,eles se soltaram e eu perguntei.

Eu: veio pra ca pra passear ou vai morar aqui? 

Mike: vim pra ficar, vou morar com vocês só pra avisar.

Cami: Claro que vai.

eu: vai estudar onde?

Mike: me matriculei na escola de vocês, perguntei sua mãe e ela me disse aonde vocês estavam estudando e o endereço também.

Eu: eu ainda não to acreditando.

Cami: eu ainda to chocada, porque você não avisou que vinha?

Mike: quis fazer surpresa.

Enquanto a gente conversava minha mãe e minha tia sairam do salão.

Mãe: Mike, você ja chegou, que bom.

Ele sorriu e abraçou minha Mãe e minha tia.

Tia: crianças vamos pra casa porque a hora ta passando.

eu: verdade, São 18:40 e a festa começa 20:30.

Fomos pra casa de carro, quando chegamos ja eram 19:00, o meu pai, meu tio e o Lorenzo ja estavam arrumados na sala conversando.

Eu: gente adoraria conversar mais eu tenho que me arrumar, fui

Cami: eu também

Mike: eu vou com vocês.

Subimos os três correndo.

Cami: eu vou buscar minha roupa no meu quarto pra me arrumar com vocês.

Mike: vou pegar meu terno no meu novo quarto.

Eu: suas roupas estão aqui?

Mike: eu passei aqui antes de ir no salão atras de vocês.

Eu: ata

Ele foi pro quarto e eu entrei no meu, fui direto no closet pegar meu vestido que na verdade não era bem um vestido e o salto que era dourado e super alto , logo entra os doidos correndo no meu quarto.

Mike: Quem vai tomar banho?

Eu/ cami: eu

Mike: então vão logo.

Eu: você não vai tomar banho não é?

Mike: eu ja tomei antes de ir ver vocês

Eu: então ta, Cami toma banho no seu quarto e volta pra cá depois.

Cami: ta bom 

Ela foi correndo .

Eu: Mike pode ir tocando ai mesmo.

Mike: ok.

Entrei no banheiro e tomei meu banho sem molhar o cabelo e quando terminei sai do banheiro ja com o vestido, o Mike estava abutoando a camisa e a Cami entrou com o vestido aberto nas costas.

eu:Mike quando você ficou tão gostoso?

Cami: verdade, você ta um gato.

Ele riu.

Mike: eu ja nasci gostoso queridas, unica coisa que mudou é que agora eu to definido.

Ele disse passando a mão no abdômen e eu e a Cami rimos com aquela cena.

Mike: vem Cami, deixa eu fechar isso.

Ela foi e ele fechou o zíper do vestido dela. 

Comecei a me maquiar e passar meus cremes no corpo, pronto acabei, agora só falta o perfume, passei meu querido 212 e coloquei o salto.

eu: to pronta.

Disse dando uma voltinha

Mike: ta arrasando.

Cami: e eu?

Disse ela com uma carinha triste.

Mike: você também ta arrasando linda 

Disse abraçando ela 

Eu:Ja que estamos prontos, podemos ir?

Mike: só falta o perfume

Disse ele se soltando da Cami e espirrando um perfume nele, acho que era um malbec, não deu pra ver.

Mike: agora sim vamos.

Descemos as escadas e todos estavam la arrumados esperando.

Pai: ótimo, vocês estão prontos , vamos que ja era pra estarmos lá

Assentimos e chegando la estava tudo muito lindo, o salão de festas era incrível.

Pai: filha você fica na porta recebendo os convidados pra mim com os seguranças enquanto eu vejo se esta tudo em ordem, e coloca essas pulseiras nos pulsos dos convidados

Disse me dando um monte de pulseiras daquelas de festa só que dourada.

Eu: Claro.

Mike: eu e a Cami adorariamos ficar com você mas vamos beber alguma coisa.

eu: ótimos amigos vocês em.

Eles riram e me mandaram beijos no ar.

Começaram a chegar convidados, coloquei pulseira em umas 50 pessoas e tava começando a ficar entediada, logo chega um cara todo tatuado, se eu não me engano é o dono do alemão, ele é até que bonito, olhos azuis, pele clara, cabelos negros,forte..., mas ainda prefiro o bryan, ele estava acompanhado de uma garota bonita com um vestido vermelho colado de renda e um pouco curto, ele estendeu o pulso pra mim com um enorme sorriso no rosto.

Dg: Oi princesa

Não respondi e peguei outra pulseira do meu lado na mesinha de vidro.

Dg: entendi, você é difícil

Prendi a pulseira nele ainda sem responder, que canalha, a namorada dele ta do lado dele e ele ta dando em cima de mim.

Prendi a pulseira na namorada ou seilá o que era dele e antes de sair ele falou.

Dg: sem dúvidas você é a Kath então faz um favor, mande lembranças ao Bn porque mim, afinal ele é um cara de sorte.

Minha expressão ficou assustada e ele deu uma piscada pra mim, como ele sabe ? Ai meu deus o que eu faço? 

Meu pensamentos foram interrompidos pelo meu irmão chegando do meu lado.

Lorenzo: o pai mandou avisar pra quando o Bn e o st chegar você levar eles até  ele, olha que sorte você tem

Ele sorriu cínico e eu fechei a cara.

Eu: pode deixar.

Ele saiu e o Bn chegou com o st, nunca pensei que os veria de terno, preciso tirar uma foto, eles estão muito lindos. Logo o Bn me lançou um sorriso de cair do salto e me deu o pulso.

Bn: Você esta maravilhosa.

Eu: obrigada,você também, nunca pensei que iria ver vocês dois de terno.

Disse enquanto prendi a a pulseira no bn

St: eu nunca pensei que colocaria um

Rimos e coloquei a pulseira no st

Bn: vamos st, nós não podemos ficar aqui de papo.

eu: eu tenho que levar vocês até meu pai

St: fudeu , valeu gente mas eu não to afim de ver a morte do meu melhor amigo.

Rimos.

eu: não viaja scott, vem os dois.

Eles me seguiam e enquanto andavamos o Bn sussurrou perto do meu ouvido me fazendo arrepiar.

Bn: eu to louco pra te beijar.

eu: aqui não pode, depois a gente conversa sobre isso.

Ele deu um sorriso malicioso e o st revirou os olhos e depois riu.

Chegamos aonde meu pai estava conversando com o dono do alemão, mais dois caras e o meu tio.

Eu: Pai o Bn e o st estão aqui.

Pai: obrigado minha filha, nao precisa mais ficar na porta, vai ser divertir com seus amigos

Assenti e percebi que o Bn e o tal dono do alemão estavam se olhando com raiva, sai dali indo atrás da Cami e do Mike, vi eles no bar e me aproximei.

eu: Oi povo bonito.

Mike: Oi garota que vai se dar bem com o ultimo gato que você levou no seu pai.

Eu me assustei com o que ele disse.

Eu: garoto fica quieto, ele é dono da rocinha.

Mike: prefere o dono do alemão?

eu: você não vale nada.

Mike: eu só não julgo.

Rimos.

eu: Cadê a Cami?

Mike: foi no banheiro, bebe comigo, isso é muito bom prova.

Ele me deu seu copo,eu bebi e era muito bom.

eu: isso é muito bom, o que é?

Mike: vodka, mertilos e outra coisa ai que eu não sei o que é, quer um?

eu: quero.

Ele pediu um pra mim e a Cami chegou com uma cara nada boa.

Eu: que foi?

Cami: você não sabe quem eu vi.

eu: Quem? 

Cami: o Dylan

Eu: como é?

Disse colocando meu copo no balcão e o Mike virou o copo dele todo.

Mike: isso vai dar merda, olha ele ali.

Disse apontando e eu olhei na direção em que ele apontava.

eu: puta merda é ele mesmo, o que ele ta fazendo aqui?

Mike: ele entrou pra mafia a um mês, mas vem cá não liga pra ele não.

Disse o Mike me abraçando.

Cami: depois de tudo que ele fez ele ainda volta?

Kath: eu odeio ele.

O Dylan era meu namorado , namoramos por um ano so que um dia eu fui na casa dele fazer uma surpresa e peguei ele transando com umas das minhas "amigas" da escola, eu joguei meu anel de compromisso que ele tinha me dado no chão do quarto e sai de la correndo , no outro dia quebrei a cara da puta e não vi mais ele até Agora.

Mike: miga adoraria ficar te abraçando mas o dono da rocinha ta com cara de quem vai dar um tiro em mim.

eu ri e soltei ele olhando pro Bryan que me olhava com raiva, ignorei até porque não tem porque ele ficar preocupado com o Mike e voltei a tomar minha bebida

Mike: vou no banheiro,  ja volto.

Assenti.

Cami: olha a carla, amiga ja volto.

Sozinha novamente.

Eu: Garçom me vê mais um desse

O garçom sorriu assentindo e se virou .

Dylan: beber demais não é bom

Eu: ta fazendo o que aqui?

Dylan: me perdoa princesa? Por favor, eu não aguento mais ficar sem você.

Disse ele colocando a mão no meu rosto mais eu tirei.

eu: você só pode estar de brincadeira comigo, tem noção de como eu fiquei depois de tudo aquilo?

Dylan: Eu me arrependi ta, e depois daquilo que eu percebi o quanto eu te amo.

Uma lágrima desceu dos meus olhos e eu limpei rápido.

Eu: Sai daqui, me deixa sozinha eu não quero mais te ouvir.

eu comecei a ficar confusa, meus sentimentos estão se misturando, eu não sei o que sentir

Dylan: eu sei que eu fiz merda amor, mas eu to te pedindo desculpas.

eu: não me chama assim, você não tem esse direito, não depois de tudo.

Mais uma lágrima desceu e ele me puxou pra um abraço, eu tentei me soltar mas ele me segurou ainda mais forte.

eu: me solta Dylan.

Dylan: amor para com isso por favor , você não sabe como eu estava sentindo sua falta, não chora.

eu não parava de chorar, ele começou a fazer carinho nas minhas costas, eu não sei o que esta acontecendo comigo.

Dylan: vem, eu te levo pra casa e a gente conversa melhor.

eu: eu não vou pra casa agora me solta.

Ele me soltou e limpou as lágrimas do meu rosto olhando nos meus olhos.

Dylan: você esta tão linda

Ele disse com as mãos uma em cada lado do meu rosto e ele estava muito perto, quando eu achei que ele fosse me beijar alguém entra no nosso meio.

Bn: garçom me vê um whiskey sem gelo.

Eu limpei meu rosto e quando o Bn me olhou franziu a testa.

Dylan: tanto espaço e você entra no nosso meio?

Bn: Sim e daí?algum problema?

St: vamos nos acalmar por favor, Bn vamos.

Dylan: escuta sua namoradinha e vaza.

O bryan ia pra cima dele mas eu me meti no meio.

eu: por favor sem brigas

Bn: Você ta bem? O que você fez com ela?

Dylan: toma conta da sua vida cara.

Mike: Dylan vaza daqui, deixa a Kath em paz 

Disse o Mike parando do nosso lado

Dylan: eu não estava incomodandando ela.

Mike: não perguntei, só mandei você sair.

Eu estava parada só vendo aquilo tudo.

Dylan: ok eu vou mas não porque você quer e sim porque não quero briga, depois a gente conversa princesa.

Disse ele me dando um beijo na minha testa e os olhos do bryan estava em chamas, o Dylan saiu e ficou eu,o Mike, o st e o bn.

Bn: que porra foi essa? Quem era aquele?

St: Bryan! Olha o...

eu: relaxa o Mike não vai falar nada.

Mike: até porque eu não sei de nada.

Bn: responde Katherine.

Eu: ele é meu ex namorado.

Bn: e por que essa intimidade?

eu: longa história bryan, depois a gente conversa, por favor aqui não.

Bn: vamos la pra fora.

Assenti.

eu: Mike se perguntarem por mim inventa alguma coisa.

Mike: pode deixar linda.

Bn: como é?

Eu: pode parar bryan, o Mike é gay.

Mike: exatamente.

Bn: foi mal

Mike: tranquilo 

Saimos de la e...


Notas Finais


Esse Dylan ainda vai dar muito trabalho então se preparem. Beijinhos😚💙💜😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...